Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Exposição “Retratos Contados de Alice Vieira”

Diário avó e neto.jpg

Cartaz Exposição Alice Vieira.png

 

 

Alice Vieira dispensa apresentações. Aos 78 anos está imparável. Transversal a várias gerações, é uma das escritoras preferidas dos leitores, com vários livros que fazem parte do Plano Nacional de Leitura. “Retratos Contados de Alice Vieira” é o título da exposição que partilha, com os visitantes, um pouco do muito que é a sua vida e obra. A inauguração realiza-se no dia 7 de agosto, às 18 horas, estando a exposição patente até 5 de setembro de 2021 na Casa de Cultura Jaime Lobo e Silva, na Ericeira, com entrada gratuita.

 

Alice Vieira considera a Ericeira como a sua pátria, pelo que é, para o Município de Mafra, uma honra receber esta exposição que marca o início da comemoração dos 60 anos de carreira da escritora.

 

“Retratos Contados de Alice Vieira” tem curadoria de Nélson Mateus, podendo ser consultada mais informação sobre a exposição em:

https://retratoscontados.pt/retratos-contados-de-alice-vieira/

 

No contexto desta exposição será também apresentado, durante o mês de agosto, o livro “Diário de uma avó e de um neto, confinados em casa”, escrito por Alice Vieira e Nélson Mateus durante o confinamento. Neste livro, “avó e neto” fazem uma viagem às memórias de Portugal. Depois do sucesso destas crónicas, em alguns órgãos de comunicação social, chega agora ao público a primeira temporada dessas e de outras crónicas, publicadas pela primeira vez. Um livro para as famílias, para os avós lerem com os netos, e que traz para o presente personalidades e situações que jamais devem ser esquecidas.

 

Neste âmbito, vão ser realizadas sessões de autógrafos e tertúlias na Casa de Cultura Jaime Lobo e Silva, onde os autores partilharão com o público conteúdos do livro. Nessas tertúlias abordarão, ainda, temas como o envelhecimento ativo, a luta contra a solidão e o abandono dos mais velhos, bem como a valorização dos avós.

 

Alice Vieira e Nélson Mateus estão disponíveis para partilhar com os jornalistas tudo isto e muito mais, mediante agendamento de entrevista, a realizar na Ericeira, junto à exposição.

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.