Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

FEIRA MORTA no BANCO dias 26 27 de Novembro

 

É a Grande Edição de Natal da Feira Morta, com zines, concertos, comix, discos, revistas, livros, k-7’s, prints, video e tudo mais!
A Feira Morta junta o gang de editores independentes e artistas mais vândalos da praça e toma o Banco de assalto.
 
Depois de uma autêntica “ronda institucional” - em que passou por lugares tão nobres como Galeria Zé dos Bois, a Bedeteca de Lisboa e a Cinemateca Portuguesa - é com muito prazer e charme que a Feira Morta se apresenta num espaço totalmente virgem. 
Sito na Travessa de Sto. António à Sé, o Banco pertence à associação Real Urinol e será, por si, um espaço dedicado à artes nas suas várias expressões. 
Pelas duas da tarde, o Banco abre as portas e a Feira Morta estará pronta a receber e surpreender quem por lá passar, com um programa dedicado à edição independente e seus afins.
 
o Natal é quando a Morta quiser!
—//—
 
O BANCO
Travessa de Sto. António à Sé, nº 10 - Lisboa
 

cartaz morta banconet.jpeg

 

poster por: a Zarolina
 
 
Editores Presentes
 
BINAU
Carola
Chili Com Carne
Clube do Inferno
Dois Vês
Eni
Espaço Múltiplo
Faca e Alguidar
Fanzines & Martelos
o FiM 
Galho
Postas de Pescada 
Saba Prodaktionz
Sallim
Tati Alecrim
Teresa Archer
Urubu
Xavier Almeida
Zarolina
Zé Burnay
 
—//—
 
DeathGigs
Concertos de música emergente e de ponta
19h - Entrada gratuita
 
Sábado
Os Tupamarox
Noise Multinacional de Torres Vedras

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.