Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Igreja de São Cristóvão na lista dos cinquenta monumentos da World Monuments Watch 2016

 

 

A igreja de São Cristóvão, em Lisboa, foi incluída na lista da World Monuments Watch 2016, uma iniciativa da World Monuments Fund (WMF) que contempla apenas 50 monumentos em risco em todo o mundo. A inclusão nesta lista é uma oportunidade única para a promoção nacional e internacional da Igreja e dos desafios que atualmente se colocam à sua recuperação e conservação.

 

A lista foi apresentada ontem de manhã em Nova Iorque, numa conferência de imprensa promovida pela WMF, considerada a maior organização independente dedicada à preservação dos lugares mais importantes do património cultural em todo o mundo.

 

O programa World Monuments Watch, que tem a American Express como fundadora, tem como objetivo chamar a atenção para cinquenta monumentos em 36 países que se encontram em perigo, potenciando a sua promoção junto de eventuais investidores e parceiros.

 

A Vila Romana do Rabaçal, o Vale do Coa, o Teatro Capitólio, o Forte de Nossa Senhora da Graça, em Elvas, e a biblioteca Joanina da Universidade de Coimbra foram alguns dos monumentos portugueses selecionados pela World Monuments Watch em anos anteriores. A Igreja de São Cristóvão é, no entanto, o primeiro edifício religioso nacional a conseguir integrar a lista de monumentos em risco.

 

A seleção deste monumento do século XVII, detentor de um espólio único onde se destacam as 35 telas de Bento Coelho da Silveira, pelo programa World Monuments Watch surge na sequência do projeto Arte por São Cristóvão. Desenvolvido no âmbito do Orçamento Participativo de Lisboa 2014 e iniciado em abril deste ano, este projeto prevê a promoção e divulgação da Igreja e do seu património contando com parceiros como a Associação Renovar a Mouraria, a Cozinha Popular da Mouraria, a Junta de Freguesia de Santa Maria Maior, a EGEAC, o Conservatório de Lisboa ou a Liberty Seguros.

 

Restauros ao vivo e noites de fado, visitas guiadas à Mouraria Cristã e biscoitos desenvolvidos pela Cozinha Popular da Mouraria, crowdfunding e workshop são algumas das muitas atividades desenvolvidas e que possibilitaram à paróquia recolher cerca de 40 mil euros para o restauro da igreja de São Cristóvão.

 

 

 

World Monuments Watch: www.wmf.org/watch

Arte por São Cristóvão: https://www.wmf.org/project/church-são-cristóvão

1 comentário

Comentar post