Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Leitura às Quintas: Apresentação do Livro “Eça de Queiroz segundo Fradique Mendes”

SONIA LOURO.jpg

 

No âmbito da iniciativa Leitura às Quintas, a Biblioteca Municipal Bento de Jesus Caraça, na Moita, recebe, hoje, 6 de dezembro, pelas 21:00h, a apresentação do livro “Eça de Queiroz segundo Fradique Mendes”, de Sónia Louro.

 

“Eu não tenho história, sou como a República do vale de Andorra”, disse, certo dia, Eça de Queiroz. Mas nada poderia ser mais falso. Eça é uma das figuras mais fascinantes das letras portuguesas. Os seus pais ainda não haviam casado quando, em 1845, nasce na Póvoa do Varzim. Essa indiscrição levou a que tenha sido criado longe dos progenitores, abrindo-lhe um vazio no coração que o acompanhou toda a vida. Em Coimbra, faz os estudos e, em Lisboa, inicia-se numa vida boémia, cruzando-se com figuras incontornáveis do seu tempo como Antero de Quental, Ramalho Ortigão ou Guerra Junqueiro. Descontente com o Direito, faz uma longa e fascinante viagem pelo Oriente, e, quando regressa, decide enveredar pela carreira consular. Tendo sido cônsul em Havana, Inglaterra e Paris, foi acumulando dívidas embaraçosas, amigos fiéis, inimigos implacáveis e obras-primas que revolucionaram as letras portuguesas.

É esse Eça de Queiroz, homem de contrastes, mistérios e talento único, que Sónia Louro descobre e nos revela neste romance fascinante e rigoroso.

Sónia Louro, residente no concelho da Moita, nasceu em 1976, em França. Desde cedo apaixonada pelas Ciências e pela Literatura, acabou por optar academicamente pela primeira, mas nunca abandonou a sua outra paixão. Licenciou‑se em Biologia Marinha, mas não perdeu de vista a Literatura, à qual veio depois aliar um outro interesse: a História. Fruto desse casamento, já publicou “A Vida Secreta de Dom Sebastião”, “O Cônsul Desobediente”, “A Verdadeira Peregrinação”, “Amália – O Romance da Sua Vida”, “Fernando Pessoa – O Romance”, e “Eusébio” e participou ainda em Pulp Fiction Portuguesa, com outros autores.