Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Lisboa, Santarém e Porto recebem os primeiros Encontros sobre os desafios da mulher jovem com cancro da mama

Banner_ICO_UnidMama-Encontros_1ªProva.jpg

 

O programa #1500razões para estarmos próximos, promovido pela CUF Instituto de Oncologia, inicia, no Hospital CUF Descobertas, dia 28 de Maio de 2019, entre as 18h e as 20h, com o Ciclo de Encontros “Desafios da mulher jovem com cancro da mama”.

 

Primeiro Lisboa, depois Santarém e logo de seguida o Porto vão receber este Ciclo de Encontros que pretendem ser espaços para conversar, compreender e responder aos desafios sentidos por mulheres com cancro da mama, em particular, mulheres com menos de 45 anos.

 

Ao todo são 5 Encontros ao longo do ano, de Norte a Sul do país, que se materializam em conversas abertas, onde especialistas, doentes, cuidadores e todos os que se envolvem ou interessam por este assunto vão discutir o impacto do cancro da mama. Em foco estará a qualidade de vida conjugal, a maternidade ou no adiar dessa vontade, a imagem pessoal, as questões laborais e a vida após o cancro.

 

As entradas são gratuitas mas requerem inscrição: https://www.saudecuf.pt/oncologia/quem-somos/eventos/desafios-da-mulher-jovem-com-cancro-da-mama

 

AGENDA DOS PRIMEIROS ENCONTROS

 

LISBOA

28 de maio, Hospital CUF Descobertas

Tema central: A qualidade de vida conjugal

  • Cancro da mama vivido a dois. Tantas questões!

  • Comunicar para aproximar

  • A experiência de duas jovens mulheres

Exposição "Todas as cartas de amor são ridículas. Não seriam de amor se não fossem ridículas"

SANTARÉM

5 de junho, Hospital CUF Santarém

Tema central: A vida depois do tratamento - uma nova realidade

  • A imagem pessoal

  • O regresso à vida ativa

  • Os novos receios

  • A experiência de duas jovens mulheres

Conversa "Revelar Santarém, diferentes olhares de várias mulheres sobre uma mesma cidade"

PORTO

11 de junho, Hospital CUF Porto

Tema central: Cancro da mama e tratamento - como integrar a vida profissional e familiar?

  • O impacto da doença na vida ativa e questões laborais

  • As rotinas familiares

  • A comunicação com as crianças e entre o casal

  • A experiência de duas jovens mulheres

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.