Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

MAAT celebra terceiro aniversário com fim de semana de portas abertas

MAAT celebra terceiro aniversário com fim de semana de portas abertas

 

Legendary Tiger Man apresenta-se em palco para um cine-concerto.

Alice Joana Gonçalves com Daddy G. marcam 5 de outubro, dia do aniversário do museu.

Visitas guiadas às exposições e oficinas para a família fazem parte do programa.

Fim de semana especial encerra com Out Jazz à beira-rio.

 

 

 

O Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia (MAAT) comemora o terceiro aniversário no próximo dia 5 de outubro e assinala a data com um open weekend.

Durante este fim de semana de portas abertas –dias 4, 5 e 6 de outubro – vai ser possível conhecer gratuitamente as novas exposições e participar em visitas guiadas e oficinas para crianças.

 

NOVAS EXPOSIÇÕES

  • Anima Vectorias, da artista Angela Bulloch: uma instalação concebida para a Galeria Oval do MAAT.

O projeto compreende trabalhos em vídeo, que integra múltiplas projeções, animações 3D, avatares e dispositivos de realidade virtual

(exposição até 20 de abril de 2020). Curadoria de Inês Grosso e João Ribas.

  • Economia de Meios, uma exposição que integra a 5.ª edição da Trienal de Arquitetura de Lisboa, com o título ‘A Poética da Razão’:

a exposição propõe uma tipologia das formas pelas quais a economia de meios se exerceu até agora, e questiona as formas através das quais ela se poderia exercer hoje

(exposição até 13 de janeiro de 2020). Curadoria de Éric Lapierre.

  • Ama como a Estrada Começa, de João Pedro Vale e Nuno Alexandre Ferreira: ‘Ama como a Estrada Começa’ é um trabalho inédito pensado para a Project Room

e assume-se como uma reflexão sobre espaços de controlo e dissidência dos corpos (exposição até 20 de abril de 2020). Curadoria de Inês Grosso.

  • Dreamers Never Learn, de Vasco Barata: o artista transforma o espaço expositivo numa instalação em que os visitantes são imersos num ambiente urbano semiabandonado.

O espaço está fisicamente ‘ocupado’ e ao mesmo tempo mostra as repercussões de uma cheia e respetivos despojos

(exposição até 27 de janeiro de 2020). Curadoria de Carolina Grau.

 

ATIVIDADES E OFICINAS

4 de outubro:

  • Concerto de Legendary Tiger Man (One Band Man), 19h.

 

5 de outubro:

  • Oficina para famílias ‘Carrinhos Solares’, 11h30.
  • Visita à exposição ‘Playmode’, 12h.
  • Visita ‘Percurso Monumental’ (Central Tejo), 15h.
  • ‘Oficina do Cego’, 15h30-17h30.
  • Visita acessível temática arquitetura para públicos normovisuais + invisuais ou baixa visão, 16h.
  • Arquitetura em Curtas: Festival de Curtas Metragens sobre Arquitetura, 16h-18h.
  • Performance de Alice Joana Gonçalves + Daddy G., 17h-19h.
  • Legendary Tiger Man em cine-concerto, ‘How to Become Nothing’ + Lançamento Livro + Vinil + Conversa com Paulo Furtado, Rita Lino e José Pedro Cortes, 19h.

 

6 de outubro:

  • Estórias Com Asas ‘E Se, de Repente Tudo Fosse ao Contrário?’, 11h - 12h.
  • Oficina para famílias ‘Não Acordes o Dragão’ (Central Tejo), 15h.
  • Oficina para famílias exposição ‘Playmode’, 15h30-17h30.
  • Performance ‘Salão para o Século XXI’, de Isabel Costa, 16h-17h.
  • Visita ‘Percurso Secreto’ (Central Tejo), 16h.
  • Visita à exposição de Angela Bulloch, 16h30.
  • Out Jazz, 17h.

 

Programa exclusivo para membros:

Visita ‘Jogo MAAT à Descoberta’, 15h30-17h.

Visita à exposição ‘Playmode’, com a curadora Patrícia Gouveia, 16h-17h.

 

O MAAT vai estar aberto sexta-feira e sábado até às 21h e domingo até às 19h.

Para participar nas visitas orientadas e nas oficinas deverá inscrever-se através do e-mailvisitar.maat@edp.pt.

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.