Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Manuel Dordio e Joana Linda apresentam "Dor" em filme-concerto no Cinema Ideal > 13 de Outubro


Manuel Dordio apresenta álbum Dor em concerto
com projecções vídeo de Joana Linda 
no Cinema Ideal

8919dd87-8b1b-44dc-861f-4882a18d5bba.png

 


Após ter lançado o primeiro álbum a solo - Dor - no período de confinamento, Manuel Dordio apresenta-o agora ao vivo, num concerto acompanhado por um filme de Joana Linda, realizado propositadamente para esta ocasião. Dia 13 de Outubro, às 22:00, no Cinema Ideal, em Lisboa.

Editado com o apoio da Fundação GDA, em Dor, Manuel Dordio explora territórios sonoros íntimos e ambientais à guitarra. Com composição, guitarras, electrónica e gravação de Manuel Dordio, a mistura e masterização do disco foram da responsabilidade de Pedro Faro, do Silver Donkey Studio.

Os dois primeiros videoclips, realizados por Joana Linda, são Caldo Layla, feitos a partir de imagens de duas viagens, que fazem parte do arquivo da realizadora.

Tanto os vídeos como a imagem gráfica de Dor são da autoria da fotógrafa e realizadora Joana Linda. A linha condutora é uma polaroid escolhida por Manuel Dordio para capa do disco. Uma imagem abstracta e pouco nítida onde se vislumbra parte de uma estrada e alguns ramos de árvores. A partir daí foi criado um universo onírico que junta imagens de natureza e animais, retiradas do arquivo pessoal da realizadora, e a manipulação digital, da mesma forma que no disco se juntam as guitarras e os sintetizadores.

Os bilhetes para o filme-concerto custam 8€ (preço único) e estão à venda no Cinema Ideal.

O disco está à venda em formato CD e digital, disponível no Bandcamp e demais plataformas. 

Ficha artística:
Guitarra - Manuel Dordio
Vídeo arte - Joana Linda

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.