Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Max Gazzè celebra 20 anos da edição de "La Favola di Adamo ed Eva" em Portugal

Max Gazzè é um dos grandes nomes da música italiana e vai passar por Portugal para celebrar 20 anos da edição de "La Favola di Adamo ed Eva".
Sexta, 23 de Novembro, 22h ao vivo em Lisboa, no LAV – Lisboa ao Vivo
 

"À distância de vinte anos exatos, a partir desse 1998, é tempo de comemorações para 'La Favola di Adamo ed Eva'!", afirma Max Gazzè

MAX GAZZÈ


Músico italiano celebra 20 anos da edição de "La Favola di Adamo ed Eva" em Portugal
Sexta, 23 de Novembro, 22h ao vivo em Lisboa, no LAV – Lisboa ao Vivo
bilheteira online |  https://bit.ly/2zOitZv 

 

Começando em Paris, a tournée que celebra a edição do mítico álbum, "La Favola di Adamo ed Eva", para além da passagem por Lisboa – dia 23 de Novembro – vai ainda passar por Bruxelas, Londres, Dublin, Amesterdão, Berlim, Madrid, Barcelona e Valência e depois prossegue em três eventos especiais em Itália (28, 29 e 30 de Dezembro), no palco da Sala Santa Cecília, no Auditorium Palco della Musica, em Roma.


Em 1998 Max Gazzè, um dos mais apreciados cantores italianos da sua geração, contava com ironia no seu segundo álbum “La Favola di Adamo ed Eva” (Virgin, 1998) a sua primeira “fábula”, justamente a de “Adão e Eva”. Ao ritmo do seu baixo que, como um metrónomo perfeito, media um tempo sempre atual.
Agora, passados 20 anos, Max Gazzé, génio desmedido da música italiana, promove uma tournée na Europa para festejar o aniversário do álbum que, entre textos irónicos, surreais e poéticos, bem como sons por vezes inovadores, não só foi um ponto de viragem na sua carreira, mas também é uma das obras mais amadas e experimentais da música pop italiana do último vinténio.

La Favola di Adamo ed Eva TOUR parte de Paris a 18 de outubro e para a ocasião, acompanhado pela sua histórica banda, Max Gazzè apresentará um alinhamento que representa exatamente o álbum.

Nestes 20 anos, desde “La Favola di Adamo ed Eva” de 1998 até ao seu último single “La Leggenda di Cristalda e Pizzomunno” de 2018, Max Gazzè soube afirmar-se com um estilo único e inconfundível, entre o culto e o popular.
Cantor-de-histórias, de fábulas surreais e de uma humanidade quotidiana, Max demonstrou ter aquela capacidade histriónica que só os verdadeiros grandes artistas têm.