Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Município de Palmela comemora Dia do Concelho com homenagens e programa cultural

 

Município de Palmela comemora Dia do Concelho com homenagens e programa cultural

 

Uma homenagem a Vítor Borrego, a cerimónia de atribuição de condecorações municipais, o lançamento do vinho “Foral de Palmela”, a exibição do filme “Setembro a Vida Inteira” e a exposição “Uma Imagem, Mil Memórias” integram o programa das comemorações do Dia do Concelho de Palmela, 1 de junho.

 

Vítor Borrego vai ser homenageado

 

Por ocasião do Dia do Concelho, o Município de Palmela vai homenagear Vítor Borrego, com o descerramento de uma placa toponímica na Terra do Pão, às 10h30. Vítor Borrego faleceu a 22 de agosto de 2017, aos 74 anos. Foi Presidente da Assembleia Municipal de Palmela entre 1990 e 2013 e uma figura incontornável da vida cívica e associativa do concelho, tendo-se destacado pela forte atividade e dedicação à sua terra, nas mais diversas missões e projetos.

 

Medalhas municipais distinguem trabalhadores e personalidades

 

 A tradicional cerimónia de atribuição de condecorações municipais vai ter lugar no Cineteatro S. João, em Palmela, às 15h00. As medalhas municipais são atribuídas no âmbito do Regulamento das Condecorações do Município e distinguem trabalhadoras/es, entidades e personalidades que contribuíram para o desenvolvimento do concelho, em diversas áreas.

A Medalha Municipal de Mérito, nos Graus Ouro, Prata e Cobre, vai ser atribuída a 29 entidades e personalidades. Em 2018, assinala-se, pela primeira vez, o Ano Europeu do Património Cultural. Assim, para além das/os cidadãs/ãos que se destacaram em áreas específicas (Desporto, Associativismo, Cidadania), o Município vai homenagear um conjunto de personalidades que contribuíram decisivamente para a preservação e divulgação do património do concelho.

A Medalha Municipal de Dedicação destina-se a galardoar as/os trabalhadoras/es da Autarquia que se tenham revelado e distinguido exemplarmente, pelo zelo, competência, decisão, espírito de iniciativa e dedicação. Esta distinção vai ser atribuída, no Grau Ouro, a Ana Paula Ruas Ambrósio e a José Joaquim e Sá Vieira Palheira.

A Medalha Municipal de Serviço Prestado vai distinguir 59 trabalhadoras/es da Autarquia que, cumprindo um período de carreira de 15, 25 ou 35 anos, tenham revelado assiduidade e comportamento exemplar.

A seguir à cerimónia, terá lugar, também no Cineteatro S. João (1.º andar), às 18h00, o lançamento do vinho “Foral de Palmela”, da Adega Venâncio da Costa Lima.

 

PARTICIPAÇÃO E CIDADANIA

 

Medalha Municipal de Mérito (Grau Ouro)

  • José da Cruz Silvério
  • Leandro António Miranda de Almeida

 

CIDADANIA E SOLIDARIEDADE

 

Medalha Municipal de Mérito (Grau Ouro)

  • José Salvador

 

GASTRONOMIA LOCAL

 

Medalha Municipal de Mérito (Grau Ouro)

  • Nuno Gil

 

PATRIMÓNIO CULTURAL E INVESTIGAÇÃO HISTORIOGRÁFICA

 

Medalha Municipal de Mérito (Grau Ouro)

  • José Meco
  • Vítor Serrão

 

CULTURA

 

Medalha Municipal de Mérito (Grau Prata)

 

  • José Condinho
  • Miguel Madaleno
  • Rui Manuel Martins Guerreiro

 

DESPORTO

 

Medalha Municipal de Mérito (Grau Prata)

  • Luís Fernandes

 

PATRIMÓNIO

 

Medalha Municipal de Mérito (Grau Cobre)

  • Pedro Botelho
  • Pedro Marques

 

ANIVERSÁRIO

 

Medalha Municipal de Mérito (Grau Cobre)

  • Associação de Idosos e Reformados da Freguesia de Poceirão

 

DESPORTO

 

Medalha Municipal de Mérito (Grau Cobre)

  • António Afonso Nunes
  • Beatriz Conduto
  • Carlos Sousa
  • Edi Silva Maia
  • Filipe Coelho
  • Gabriel Costa
  • Sara Freitas
  • João Bragadeste
  • João Jesus
  • José Tavares
  • Luís Piteira
  • Luís Silva
  • Pedro Rafael Lopes Guerreiro
  • Ricardo Pires
  • Rogério Costa
  • Sandra Pinto
  • Tomás Coelho

 

“Setembro a Vida Inteira” exibido no Cineteatro S. João

 

            As comemorações do Dia do Concelho encerram com a exibição do filme “Setembro a Vida Inteira”, às 21h30, também no Cineteatro S. João, que contará com uma apresentação a cargo da realizadora Ana Sofia Fonseca. O documentário «viaja pela intimidade das vinhas e das adegas, descobrindo paixões, crimes e aventuras. Mas este documentário é também sobre paixão, liberdade e fé. Um convite à reflexão sobre a natureza humana e à relação entre os donos da terra e quem a trabalha». Após a exibição do filme, será servido, às 23h00, um Moscatel de Honra, da Adega Venâncio da Costa Lima.

O filme volta a ser exibido, no mesmo local e hora, no dia 2 de junho. Os bilhetes deverão ser adquiridos na bilheteira do Cineteatro S. João e o valor das receitas reverterá para o Centro Social de Palmela.

Ainda na área cultural, de 1 de junho até outubro, vai ficar patente no Cineteatro S. João, a exposição “Uma Imagem, Mil Memórias”, sobre o Projeto de Recolha de Fotografias com o mesmo nome.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.