Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

MUSEU NACIONAL DA MÚSICA | Dia Internacional dos Museus e Noite dos Museus

 
 
DIA INTERNACIONAL DOS MUSEUS  
"Museus hiperconectados: novas abordagens, novos públicos" é o tema escolhido pelo Conselho Internacional de Museus (ICOM) para celebrar o Dia Internacional dos Museus em 2018. O Museu Nacional da Música associa-se às celebrações tentando exemplificar o tipo de papel que tem este museu na rede global de conexões que caracteriza a sociedade contemporânea. Para isso ser possível, conta com a ajuda de muitas pessoas e instituições que, quotidianamente e de formas muito diversas, dão a conhecer esta importante colecção, de forma a que seja valorizada por todos. Segue a programação. A entrada é livre.
 
 
10:15 h | VISITA GUIADA À EXPOSIÇÃO PERMANENTE DO MUSEU | Repete às 14h
 
Chegaram novos instrumentos às vitrinas do Museu Nacional da Música! Conhece a viola da terra? E as ocarinas austríacas que estão expostas ao lado das flautas-bengala? Já viu as partituras de Vianna da Motta? Admire a riqueza desta exposição com uma visita guiada conduzida por Victor Palma.
 


 
11:30 h – CINEMA MUDO MUSICADO POR CHARLIE MANCINI
 
O cinema mudo ganha som com Charlie Mancini, que musica ao piano “Felix em Hollywood” (Felix in Hollywood, 1923), de Otto Messmer, “O Emigrante” (The Immigrant, 1917) de Charlie Chaplin, e um excerto de “As Sete Ocasiões de Pamplinas” (Seven Chances, 1925) de Buster Keaton.
 


15:00 h - INAUGURAÇÃO DA EXPOSIÇÃO DE FOTOGRAFIA “SONS DE PALCO”
Portugal é demasiado pequeno para a música que vê nascer! De onde vem, para onde vai, o que vai fazer ninguém sabe, o relevante é tirarmos um bom sumo de todo o boom musical que existe na atualidade.  
 
Visita guiada à exposição por um dos fotógrafos participantes
Fotografias da autoria de Luis Sousa, Nuno Cruz, Ana Pereira, Jorge Buco, Valentina Ernö e Daniel Jesus
 
Comissário: Luís Sousa. 
Museu Nacional da Música / Música em DX
 

 
 
17:00 h – O MÚSICO MOSTRA A COLECÇÃO
O cravista José Carlos Araújo convida os visitantes a conhecer a história dos instrumentos de tecla antiga da colecção do museu. O músico tocará também nos dois cravos que acabaram de chegar de restauro, fazendo uma pequena demonstração no Taskin de 1782 e no Antunes de 1789.
 




18:00 h - UM MÚSICO, UM MECENAS
Inauguração da VI Temporada de Concertos com Instrumentos históricos “Um Músico, Um Mecenas”. Neste recital será tocado o violoncelo stradivarius Chevillard-Rei de Portugal, datado de 1725, pelo solista da orquestra Gulbenkian Varoujan Bartikian, acompanhado por Lucjan Luc no piano Bechstein de 1925 .
 
 
 
PROGRAMA
 
J. Brahms -Sonata N1,em mi menor op. 38 para violoncelo e piano 
1. Allegro non troppo 
2. Allegretto quasi Menuetto e Trio
3. Allegro 
Benjamin Britten - Sonata para violoncelo e piano op. 65 em do maior
1. Diálogo 
2. Scherzo-pizzicato
3. Elegia
4. Marcha
5. Moto Perpétuo: Presto
 
 
SOBRE O INSTRUMENTO MUSICAL
O violoncelo stradivarius 'Chevillard-Rei de Portugal' , classificado como Tesouro Nacional, uma das ” jóias da coroa” do espólio do Museu Nacional da Música, pertenceu ao Rei D. Luís I (1838-1889) e é o único instrumento em Portugal com a assinatura do construtor António Stradivari (1644-1737). 
O anterior proprietário foi o reputado violoncelista belga Pierre Chevillard (1811-1877), que manteve o instrumento musical até à sua morte. Pouco tempo depois e por intermédio da família de construtores Vuillame, o violoncelo passou para as mãos do monarca português, que tinha uma pequena colecção de violoncelos. 
O 'Chevillard-Rei de Portugal' tem a famosa forma B, utilizada por Stradivari entre 1707 e 1726, o período de ouro do mestre italiano. Em 1725, data da construção deste exemplar, Stradivari tinha 81 anos. 
Foi apresentado no Grande Auditório da Fundação Gulbenkian e gravado por Pavel Gomziakov para a editora Onyx por duas vezes.
Tem sido regularmente tocado no ciclo de instrumentos históricos “Um Músico, Um Mecenas” por músicos como Paulo Gaio Lima, 
Irene Lima, Maria José Falcão, Filipe Quaresma, Pavel Gomziakov ou Levon Mouradian.
No Dia Internacional dos Museus, 18 de Maio, voltará a sair das vitrinas para que Varoujan Bartikian, acompanhado por Lucjan Luc no piano Bechstein de 1925, dê voz a este precioso instrumento musical.
 
SOBRE O CICLO UM MÚSICO, UM MECENAS | VI Temporada
http://www.impala.pt/noticias/atualidade/museu-da-musica-estreia-recem-restaurado-cravo-taskin-de-1782-em-ciclo-de-concertos/
 
-18 de Maio -
Varoujan Bartikian (strad) e Lucjan Luc (piano),
Sonatas de Brahms (mi menor, N1) e Britten
Violoncelo Stradivarius de 1725 e piano Bechstein de 1925
 
- 16 Junho - 
Veronika Schreiber e Duarte - Handel, Mozart, Beethoven
Violino de Joaquim José Galrão de 1794 e piano Bechstein de 1925
 
- Julho -
A anunciar
Estreia do Cravo Taskin de 1782
 
-4 de Agosto -
Tiorbista Vinicius Perez - La Tiorba de Buechenberg (tiorba de 1608)
 
- 15 Setembro -
Estreia do cravo Antunes de 1789
José Carlos Araújo e Jalôto
A Due Cembali - Os Irmãos Antunes
Dois cravos portugueses (Joaquim José Antunes de 1758 e João Baptista Antunes de 1789)
 
- 1 de Outubro -
Pavel Gomziakov e guitarrista Ricardo Barceló 
Canções Populares Espanholas
Violoncelo Stradivarius de 1725 
 
- 22 de Novembro - Dia de Santa Cecília
Cremilde Rosado Fernandes Sousa Carvalho, Marcos de Portugal, Francisco Xavier Baptista, Frei Manuel de Santo Elias, João Cordeiro da Silva
Cravo de João Baptista Antunes de 1789 
 
- Dezembro -
A anunciar - altura em que o piano de Liszt, actualmente em restauro, será tocado.
 
Estreia do Piano do Liszt
 
 
Esta é já a sexta temporada do ciclo de concertos com instrumentos históricos UM MÚSICO,UM MECENAS, organizado pelo Museu Nacional da Música, e no qual se procura divulgar um dos mais importantes acervos instrumentais da Europa, com a ajuda de músicos de excepção que actuam pro bono e dão voz a tesouros nacionais e peças de valor histórico único.
Os concertos são autênticas viagens à colecção do Museu da Música, conduzidas por grandes intérpretes nacionais e internacionais, dando a conhecer os instrumentos através de concertos comentados e de uma contextualização histórica estendida, muitas vezes, ao repertório escolhido.
A interpretação, a necessária manutenção dos instrumentos musicais e a comunicação da história de cada um deles são factores intimamente ligados e que resultam numa acção concertada entre o museu e os mecenas do ciclo (músicos, construtores/restauradores e outros parceiros).
 
_______________________________________
 
NOITE DOS MUSEUS
 
O Museu Nacional da Música associa-se às comemorações da “Noite Europeia dos Museus” com uma programação que inclui um recital de piano de homenagem a Claude Debussy, um concerto de Henrique Janeiro, que muito recentemente marcou presença no Festival RTP da Canção (escolha de Salvador Sobral) e, a encerrar, o nosso já tradicional Quiz Musical. A entrada é livre.

 
18:00 h – RECITAL DE PIANO - HOMENAGEM A CLAUDE DEBUSSY (1862-1918)

Assinalando o centenário da morte do compositor Claude Debussy, o pianista brasileiro José Eduardo Martins oferece ao Museu Nacional da Música um recital, precedido por uma introdução, contextualizando a obra do autor. Parceria com o Centro Ward de Lisboa.



21:30 h – CONCERTO DE HENRIQUE JANEIRO
Escolha de Salvador Sobral para o Festival RTP da Canção de 2018 e seu parceiro musical de longa data, Henrique Janeiro apresenta o mais recente trabalho no Museu Nacional da Música, num concerto a solo (voz e viola).
 
#EntradaLivre
Concerto de Henrique Janeiro
O MNM tem, durante estes dois dias, uma programação que chama a atenção para os novos valores da música portuguesa. 
Henrique Janeiro é o nosso destaque para a Noite dos Museus. 

"Autor de temas íntimos e poéticos, de tonalidades folk, jazz, fado e bossa-nova (...) Janeiro tem-se apresentado ao vivo em festivais como o NOS em D'Bandada, no Porto, o Bons Sons, em Cem Soldos (Tomar), e o Vodafone Mexefest, em Lisboa." in Revista Sábado.pt

Novo video: https://observador.pt/2018/04/19/veja-aqui-o-videoclip-do-tema-que-janeiro-levou-ao-festival-da-cancao/ 

Canção para ti: 
https://www.youtube.com/watch?v=FTp0YljImiY

Com Salvador Sobral: 
https://www.youtube.com/watch?v=uj06LJC-BQ4&t=210s

Com Caetano Veloso: 
https://www.youtube.com/watch?v=-sufSXc3bDs


23:00 h – QUIZ MUSICAL | ESPECIAL FESTIVAL DA CANÇÃO
Neste Quiz ninguém sai milionário, mas está garantida a boa disposição. No ano em que se realiza pela primeira vez em Portugal o Festival da Eurovisão da Canção, o Museu Nacional da Música não quis deixar de assinalar a ocasião com uma edição mais festivaleira. Convite feito para juntar os seus amigos e vir divertir-se connosco enquanto testa os seus conhecimentos musicais. 
 
 

 

PRÓXIMOS EVENTOS NO MUSEU NACIONAL DA MÚSICA:

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.