Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

O Feiticeiro de Oz no CCB

Belém Cinema

 

De Victor Fleming

Versão restaurada 4K

image003 (3).jpg

 

CCB . 26 dezembro . domingo . 16h00 . Grande Auditório

FICHA TÉCNICA

Realização Victor Fleming
Ano 1939
Duração 102 minutos

 

Com Judy Garland (Dorothy), Ray Bolger (o Espantalho), Jack Haley (o Homem de Lata), 

Bert Lart (o Leão), Frank Morgan (o Feiticeiro de Oz), Margaret Hamilton (a Bruxa Má), 

Billie Burke (a Fada), Charles Grapewin (o Tio Harry), Clara Blondick (a Tia Ema)

Produção Mervyn Le Roy para a Metro-Goldwyn-Mayer

 

Uma tempestade transporta Dorothy e o seu pequeno cão, Toto, para uma terra mágica. «Já não estamos no Kansas», apercebe-se Dorothy. Chegada à fantástica terra de Oz, Dorothy começa logo por criar problemas, esmagando a bruxa dos sapatos vermelhos brilhantes. Com saudades de casa e fugida da malvada bruxa, Dorothy tenta voltar ao Kansas, para junto da tia Ema. Começa aí a busca pelo feiticeiro da terra de Oz. Pelo caminho encontra o Espantalho, que precisa de um cérebro, o Homem de Lata, que precisa de um coração, e o Leão mansinho, que precisa de Coragem. Todos esperam encontrar o grande feiticeiro de Oz para os poder ajudar, antes que a bruxa má do Oeste os apanhe.

A jovem Dorothy e o seu pequeno cão são levados por um tornado da sua quinta no Kansas para a terra mágica de Oz. Aí, partem com três novos amigos – um espantalho, um homem de lata e um leão bonzinho –, à procura do Feiticeiro, o único que pode ajudá-la a voltar a casa e a realizar os desejos dos seus novos amigos.