Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

OUGUELA É “ALDEIA DOS SONHOS” DA FUNDAÇÃO INATEL

image003.jpg

 

A aldeia histórica de Ouguela (concelho de Campo Maior) foi eleita a “Aldeia dos Sonhos" pela Fundação INATEL. Pereiros (concelho de S. João da Pesqueira) e Pombares (concelho de Bragança) receberam as menções honrosas. Os residentes destas aldeias, com menos de cem habitantes, do interior Norte, Centro e Sul vão poder realizar os sonhos de uma vida.

A cerimónia simbólica de entrega de placas às três aldeias decorrerá na próxima segunda-feira dia 03 de novembro, pelas 12 horas, em Ouguela.

Os 61 habitantes da aldeia vencedora, que residem no interior profundo de Portugal, numa das franjas junto à linha de fronteira, acalentam o sonho de viajarem até Lisboa para conhecerem os monumentos emblemáticos, visitarem as zonas antigas e modernas da cidade e assistirem ainda a um espetáculo de revista para além de visitarem o Estádio da Luz. Querem chegar a Lisboa pela Ponte 25 de Abril para poderem visitar o Cristo Rei e saírem pela Ponte Vasco da Gama, para apreciarem a panorâmica.

Estas pessoas, que vivem mais próximas da realidade espanhola, confinadas no dia-a-dia ao isolamento, vão poder desfrutar de momentos únicos na capital do seu país que, certamente, ficarão gravados na retina e no coração.

Na candidatura recebida pela INATEL, a Junta de Freguesia de S. João Baptista refere que a realização destes sonhos vai mudar Ouguela e os seus habitantes.

Recorde-se que a aldeia vencedora merecerá uma atenção e notoriedade especial, designadamente com visitas turísticas programadas. Esta distinção da INATEL irá despertar e sensibilizar para a importância da salvaguarda desta aldeia histórica, e contribuirá para o processo em desenvolvimento de revitalização de Ouguela.

Os habitantes de Pereiros vão ter direito também a «um dia diferente, até porque muitos não sabem o que é ter um dia de férias», segundo um dos motivos que invocaram para que a sua candidatura fosse a selecionada. Cinquenta residentes desta aldeia habitada por 82 pessoas desejam «fazer a viagem de barco no rio Douro da Régua ao Pocinho». Como os próprios dizem: «Vem gente de tão longe para subir o Doiro e nós aqui tão perto nunca lá fomos.»

Pombares, uma aldeia povoada por habitantes que ainda não viram o mar, terá também a possibilidade de concretizar este e outros sonhos.

De sublinhar que, das candidaturas recebidas de norte a sul do país, para o programa “Aldeias dos Sonhos”, 365 pessoas desejam ver o mar e mais de 400 referem como sonho conhecer e visitar Lisboa. Muitos outros sonhos figuram na lista, como ouvir cantar o fado numa sala de espetáculos, ter um ídolo na sua aldeia ou assistir a um jogo de futebol.

Em novembro, os sonhos, a concretizar pela INATEL, vão proporcionar um momento inesquecível de alegria, partilha, amizade e aprendizagem aos beneficiários do programa.

A iniciativa, que permite que os beneficiários vivam experiências de cariz turístico, cultural e desportivo, contribuirá positivamente para o desenvolvimento pessoal e social de todos, dando a conhecer locais de importância histórica e cultural, sensibilizando as pessoas para a conservação desse património.

# # #

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.