Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Palmela é palco do Festival Manobras

 

Em outubro, Palmela recebe mais três espetáculos integrados no 3.º Manobras - Festival Internacional de Marionetas e Formas Animadas, que decorre até dia 31, nas ruas, praças, teatros e bibliotecas de 10 municípios associados da Artemrede.

Depois de “Sítio”, pela Companhia da Chanca, que esteve em exibição no Cineteatro S. João, em Palmela, a 21 de setembro, o Manobras traz ainda, este mês, ao concelho o espetáculo “Minimu” e a oficina “Di Minimus”, por Fernando Mota / A Caravana Passa, dia 12, no Auditório Municipal de Pinhal Novo; a oficina “Cruzes Cruzeta”, pelo Teatro e Marionetas de Mandrágora, dia 20, no Centro Comunitário de Águas de Moura; e o espetáculo “Etc…”, pela S.A. Marionetas - Teatro & Bonecos, dia 26, no Centro Cultural de Poceirão, todos com início às 16h00.

A decorrer desde 13 de setembro, o Manobras proporciona um mês e meio de espetáculos e oficinas, em que as marionetas e as formas animadas se cruzam com o teatro, a dança, as artes de rua e o audiovisual. O programa inclui 10 espetáculos, cinco oficinas e quatro objetos audiovisuais, de companhias nacionais e estrangeiras, a maioria de entrada gratuita e acessíveis a públicos de diversas idades (crianças, jovens e adultos).

O Festival é uma organização da Artemrede, em parceria com 10 dos seus municípios associados: Palmela, Abrantes, Alcanena, Alcobaça, Barreiro, Moita, Montijo, Pombal, Sobral de Monte Agraço e Tomar.

 

Programa de Palmela (outubro)

 

12 de outubro | 16h00 (espetáculo) e 17h30 (oficina) | Auditório Municipal de Pinhal Novo

Minimu + Di Minimus

Por Fernando Mota / A Caravana Passa

Minimu.jpg

 

Sinopse:

Era, era? Era certo. Esta é a história de um menino que tinha um sonho. É uma história de fuga e de viagem, desde os campos de arroz e os tambores mandinga de Gabu aos ritmos da Guiné Conakry, passando por Moscovo, Bissau e Lisboa. O que tem um menino de fazer para encontrar o seu lugar na vida e no mundo?

A Mininu, segue-se a oficina Di Mininus, que explora os materiais e os métodos que deram origem ao espetáculo. As/os participantes poderão tocar alguns instrumentos tradicionais e experimentais criados para o espetáculo, para além de dinamizarem jogos rítmicos e musicais com objetos, aprendendo também canções nas línguas dos povos da Guiné.

 

Ficha artística e técnica:

Direção artística: Fernando Mota

Cocriação e interpretação: Ana Sofia Paiva, Fernando Mota, Gueladjo Sané e José Grossinho

Vídeo: Mário Melo Costa

Realização plástica: Marco Fonseca

Desenho de luz e operação técnica: Catarina Côdea

Caderno pedagógico: Margarida Botelho

Produção e coordenação: Violeta Mandillo

Apoio: Companhia de Actores

Coprodução: CCB - Fábrica das Artes, Artemrede, Teatro Aveirense, Centro das Artes e do Espetáculo / Câmara Municipal de Sever do Vouga e São Luiz Teatro Municipal

Criação inspirada no projeto de recolha e edição Nha Mininu, no âmbito de “Cultura i nô balur” - promovido pela FEC - Fundação Fé e Cooperação e parceiros, com o financiamento da UE, da Misereor e do Camões - Instituto da Cooperação e da Língua, I.P.

 

Classificação etária: M/6

Duração: 45 min.

Entrada livre (espetáculo + oficina)

 

20 de outubro | 16h00 | Centro Comunitário de Águas de Moura

Cruzes Cruzeta

Pelo Teatro e Marionetas de Mandrágora

Cruzes Cruzeta.jpg

 

Sinopse:

Cruzes Cruzeta é uma oficina que aborda os princípios de base de construção e de manipulação de marionetas de fios, recorrendo a técnicas simples e acessíveis a crianças e jovens. No final, as/os participantes levam consigo uma marioneta e podem, em casa, continuar a diversão e a exploração da arte de manipulação de marionetas.

 

Formação: Filipa Mesquita e Clara Ribeiro

Classificação etária: M/6

Duração: 150 min.

Entrada livre

 

26 de outubro | 16h00 | Centro Cultural de Poceirão

Etc...

S.A. Marionetas - Teatro & Bonecos

Etc....jpg

 

Sinopse:

Etc... é um espetáculo que conta, sem palavras, histórias de um lugar onde os habitantes vivem as mais variadas peripécias. A inocência das ações resulta em momentos de humor vividos por personagens esculpidas em esponja. Os sons e os movimentos substituem as palavras, as marionetas cativam pela sua simplicidade, transportando-nos para um lugar mágico, etc., etc., etc... Entretanto, o passarinho faz algo que não devia, o gato brinca, a bola rebola, etc., etc. e etc...

 

Ficha artística e técnica:

Espetáculo original: José Gil, Natacha Costa Pereira e Sofia Vinagre

Encenação, construção de marionetas e manipulação: Natacha Costa Pereira, Sofia Vinagre e José Gil

Construção das marionetas: Natacha Costa Pereira e José Gil

Música original: Gonçalo Tarquínio

Produção: S.A. Marionetas - Teatro & Bonecos

 

Classificação etária: M/6

Duração: 45 min.

Bilheteira: 1€