Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Passatempo - A CORES - Territórios Dramáticos

O Blog Cultura de Borla em parceria com o TEATRO DA DIDASCÁLIA tem bilhetes duplos para o espectáculo A CORES para o dia 26 de Março no AUDITÓRIO CCJJ (ATC) aos primeiros leitores que de 5 em 5 participações:

Enviem um email para o culturadeborla@sapo.pt com a frase "Eu quero ver o espectáculo A CORES com o Cultura de Borla" com nome, BI e nº de telefone.

 

17522533_1316864221725068_5891817654771628384_n.jp

 

PERIPÉCIA TEATRO

VILA REAL

dom 26

16h00

Auditório CCJJ (ATC)

aprox. 45 min / M6

Espetáculo para Famílias

 

Ficha Artística

Ideia / Criação e Interpretação: Ángel Fragua,

Noelia Domínguez e Sérgio Agostinho

Cocriação / Direção / Dramaturgia:

José Carlos Garcia

Fotografia / Vídeo / Assistência de Direção:

Nádia Santos

Música / Ambiente Sonoro: Fernando Mota

Iluminação: Paulo Neto

Montagem / Operação de Luz / Som: Paulo Alves

Adereços / Design Gráfico: Zetavares

Produção Executiva: Sara Casal

 

Sinopse:

A protagonista desta criação será a tinta. Ou

as cores. Também os atores, mas com fatos de

pintores. E o papel. E o plástico (daquele que

se usa para não sujar o chão). Um espetáculo

onde os atores pintam, e se pintam, com muita

tinta e alguma pinta.

Desenhos dos corpos sobre o papel. Pintura

dos pincéis sobre os corpos, da tinta sobre

o chão, do corpo sobre a tinta, da tinta sobre

as caras, da boca sobre a pintura… Ternura e

alegria.

Azul-bebé. Verde Água. Branco Sujo...

Histórias de cores e com cores contadas pelas

pinceladas, pelas manchas, pelas gotas, pelos

desenhos.

Histórias mais ou menos simples. Mais ou menos

abstratas. Mais ou menos divertidas. Mas

todas muito coloridas.

 

Historial:

HISTORIAL

A Peripécia Teatro colabora de forma regular

com instituições locais na promoção do Teatro,

através de ateliês com a comunidade e da programação

de espetáculos próprios e de companhias

convidadas.

Este trabalho foi desenvolvido na última década

no concelho de Vila Real, onde se encontra estabelecida

numa antiga escola primária da aldeia

de Coêdo. Desde 2014 desenvolve nesta

aldeia o ciclo de programação “Lua Cheia, Arte

na Aldeia”, onde se apresentam espetáculos,

workshops e tertúlias de várias disciplinas

artísticas.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.