Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Passatempo - Quando vai Carmen fazer Lady Macbeth?

O Blog Cultura de Borla em parceria com TEATRO DOS ALOÉS tem bilhetes duplos para a peça Quando vai Carmen fazer Lady Macbeth? para as sessões de 27,28,29 e 30 de Junho (21h30) e 1 de Julho (16h) nos RECREIOS DA AMADORA aos leitores que de 5 em 5 participações:

  

- enviarem um mail para culturadeborla@sapo.pt com a frase "Eu quero ver Quando vai Carmen fazer Lady Macbeth?

com o Cultura de Borla" com nome, BI e nº de telefone e a sessão que pretende.

- façam like na página do Teatro dos Aloés no Facebook;

 - Partihem o post do passatempo no facebook no seu perfil pessoal de forma pública e nomeando três amigos na partilha;

 

 

ATENÇÃO

Só é aceite uma resposta válida por endereço de e-mail e por concorrente pelo que não adianta enviar mais do um e-mail.

Excepto em casos de força maior que deverão ser atempadamente comunicados através do email culturadeborla@sapo.pt, contamos que os participantes aproveitem os bilhetes que ganharam, portanto concorra apenas se tem a certeza que pode estar presente.

Reservamo-nos o direito de excluir de futuros passatempos todos os que não procederem desta forma.

21064645_WO9tb.jpeg

 

 

 Quando vai Carmen fazer Lady Macbeth?

        20 de Junho a 1 de Julho nos Recreios da Amadora                         (quarta a sábado às 21h30/domingo às 16h00)

Informações e reservas: 916 648 204 ou teatrodosaloes@sapo.pt
Mais informações em: www.facebook.com/teatro.dosaloes

Sinopse: O público pediu mais histórias, Carmen pediu-nos mais espaço para as contar. Assim surge Quando vai Carmen fazer Lady Macbeth? Carmen é uma Clown. Mas não é “mais uma” Clown, dado o seu bom nascimento e o que entretanto conquistou.  Na verdade, a ideia de Carmen é muito simples e ao mesmo tempo extremamente complexa. Ela tem o sonho de fazer os papéis femininos mais famosos das peças de Shakespeare (como já foi o caso de Julieta) e acorda com o público só lhes retirar uma hora da sua atenção.  Para isso, ela tem na equipa, um contra-regra, com a função específica de não tirar os olhos do relógio que está em cena e fazer imediatamente soar um gongue no último movimento acordado do ponteiro dos segundos. Não perdendo o facto de ser uma Clown, ela sela este contrato prometendo dar o seu máximo no cumprimento de todas os trechos e tarefas que afincadamente preparou para dar a mostrar. E como se trata mesmo de dar o máximo… não pode prometer mais do que não ser a entrega àquele momento. Ao momento em si dentro daquela sala. O que pode incluir os movimentos daquele espectador de bigode sentado na primeira fila ou aquela mosca que perpassa a cena em busca do calor dos projectores…
Ficha Artística e Técnica: 
Com Elsa Valentim
Direcção Nuno Pino Custódio 
Música José Peixoto
Figurino Rafaela Mapril
Imagem e Cenografia João Rodrigues 
Produção Executiva: Daniela Sampaio 
Produção: Teatro dos Aloés 
M/14