Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Pedro Jóia revisita Paredes, Armandinho e Lucía no Café-Concerto do CTE

O espaço Café-Concerto do Cine-Teatro de Estarreja recebe este sábado, 12 de dezembro, um dos mais talentosos guitarristas portugueses. A solo, Pedro Jóia propõe um repertório de originais e inspirado na tradição popular.

image003.jpg

 

O concerto é carimbado pelo Outonalidades, circuito de música ao vivo promovido pela d’Orfeu – Associação Cultural que este ano alcança a sua 19ª edição. Pedro Jóia, nome indissociável da guitarra clássica e apaixonado pelo fado e flamenco, tem sido bandeira exportadora da tradição musical ibérica pelo mundo. Do Brasil à China, passando por Cabo Verde e demais países africanos e europeus, o guitarrista inspirado em Paco de Lucía dedica-se de corpo e alma à música instrumental e à renovação e recuperação do repertório popular.

 

Colaborador frequente de fadistas como Ricardo Ribeiro e Mariza, Pedro Jóia chega a Estarreja acompanhado apenas pela guitarra, o seu “espaço natural”, como o próprio afirma. Este sábado, 12 de dezembro, a partir das 22 horas, Carlos Paredes, Armandinho, Lucía e temas originais extraem-se do alinhamento, numa noite reservada para o mais alto nível técnico e musical.

 

Aos 45 anos, Pedro Jóia conta com um vasto currículo assente numa sólida formação académica, na direção musical de vários espetáculos, composições originais para peças de teatro, participação em festivais e concertos um pouco por todo o mundo. Com seis discos editados em nome próprio, dedicou um deles à transcrição para guitarra clássica de obras compostas para guitarra portuguesa por Armandinho. “À Espera de Armandinho” (2007) deu nome ao disco que conquistou o Prémio Carlos Paredes, em 2008.

 

Russian Classical Ballet anuncia o Natal

 

Este fim-de-semana o Cine-Teatro de Estarreja recebe ainda uma obra-prima do ballet clássico. “Lago dos Cisnes”, bailado em dois atos e quatro cenas, com música de Pyotr Tchaikovsky e coreografia de Marius Petipa e Lev Ivanov, promete encantar o auditório estarrejense. Os bailarinos da Russian Classical Ballet, dirigidos por Evgeniya Bespalova, levam ao palco a eterna história da princesa Odette, transformada em cisne pelo malvado feiticeiro Von Rothbart.

 

Apresentado pela primeira vez em 1877, no Teatro Bolshoi, em Moscovo, “Lago dos Cisnes” é considerado um dos mais espetaculares bailados clássicos, repleto de romantismo e beleza. A Russian Classical Ballet apresenta esta obra magnífica no próximo domingo, 13 de dezembro, às 17 horas, rodopiando pelo espírito de natalício e entrando num mundo de fantasia nas pontas dos pés.

 

Os bilhetes para o concerto de Pedro Jóia e o bailado “Lago dos Cisnes” encontram-se à venda na Bilheteira do CTE, no site da BOL - Bilheteira Online, lojas Fnac, CTT e El Corte Inglés.

 

 


+

http://www.cineteatroestarreja.com http://www.facebook.com/cinestarreja http://twitter.com/CTE__

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.