Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

"Portugal Sou Eu" reforça presença na FIA

 

 

23 de junho a 1 de julho

"Portugal Sou Eu" reforça presença na FIA

Este ano o “Portugal Sou Eu” reforça a sua presença na 31ª FIA – Feira Internacional de Artesanato, apresentando-se com um espaço de 288 metros quadrados, pelo qual circularão produtos de 20 unidades produtivas artesanais aderentes ao programa.

A Feira decorre como habitualmente na FIL, entre 23 de junho e 1 de julho, das 15h às 24h e o stand “Portugal Sou Eu” localiza-se no pavilhão 2, dedicado ao Artesanato Nacional, e terá o número 2A09.

Ao longo dos 9 dias da Feira poderá conhecer no espaço “ Portugal Sou Eu” o trabalho de 20 artesãos portugueses, oriundos de várias regiões dos pais, das áreas da decoração, cosmética, moda e acessórios, sendo que seis deles estarão a concorrer aos prémios de Melhor Peça de Artesanato Contemporâneo e Melhor Peça de Artesanato Tradicional. Os visitantes terão oportunidade de assistir ao vivo e a cores à produção de peças de artesanato tradicional e contemporâneo, já que vários artesãos estarão a trabalhar na própria feira.

Os artesãos aderentes ao “Portugal Sou Eu” utilizam materiais tradicionais que invocam as tradições típicas das várias regiões do nosso país e recorrem cada vez mais a técnicas inovadoras, conferindo uma interpretação moderna às nossas tradições culturais.

A FIA é uma das Feiras mais visitadas em Portugal, tendo conquistado ao longo do tempo um reconhecimento ímpar na promoção do artesanato nacional e internacional. Em 2017 foi visitada por mais de 115 mil pessoas, número este que deverá ser ultrapassado este ano.

 

Artesãos e empresas aderentes presentes na FIA 2018

Unidade Produtiva Artesanal

Setor

Artesão

aldimdesign

Moda e acessórios em alcatifa com aplicação de tecido

Isabel Aldim

Amor Luso

Cosmética

Vitor Rodrigues

Ana Franco

Artigos em cerâmica figurativa

Ana Franco

André Semblano

Artigos de decoração em cerâmica

André Semblano

Artesave Recycled Yarns

Roupa e calçado feito a partir de fios reciclados da indústria têxtil

Armindo Santos

Bordados e Namorados

Roupa e acessórios com inscrições inspiradas nos Lenços dos Namorados típicos da região minhota

Dores Gomes

Casa da Matilde

Moda de bebé e criança

Matilde Duarte

Cerâmica Ana Sobral

Peças em Cerâmica

Ana Sobral

Conceição Pereira

Roupa e acessórios em croché, bordados e outros materiais

Conceição Pereira

GProjects – laboratório de modelagem

Laboratório de modelagem de vestuário

Graça Paquete

Isa Vidal

Peças decorativas em cerâmica, madeira e acessórios de moda em cartonagem

Maria Isabel Vidal

Maria Lima

Roupa e acessórios para bebé e criança em tricô

Maria José Lima

Nuno Justino

Artigos em cerâmica figurativa

Nuno Justino

Pedras de Leitor

Cerâmica

Madalena Bensusan

PM Jeans

Moda em ganga

Paula Neves

Rocha-Penafiel

Fabrico de miniaturas

Aloísio Rocha

S.tile

Cerâmica

Alexandra Guerreiro, Carina Trigueiros Ana Sobral, António Celorico

Teresa Ferreira

Bijuteria

Teresa Ferreira

XPTO Artesanato

Artigos de decoração para a casa

Venceslau Martins

Woodmood

Peças decorativas para casa e jardim em madeira

Miguel Castro

 

 

Sobre o “Portugal Sou Eu”

 

O programa “Portugal Sou Eu” foi lançado em dezembro de 2012 pelo Governo de Portugal  para dinamizar a competitividade das empresas portuguesas, promover o equilíbrio da balança comercial, combater o desemprego e contribuir para o crescimento sustentado da economia.

O Selo “Portugal Sou Eu” é atribuído aos produtos e serviços com base em critérios de incorporação nacional, marcas e patentes, emprego nacional e valor acrescentado nacional da empresa.

Até ao momento, estão inscritas no programa “ Portugal Sou Eu “ cerca de duas mil empresas e mil estabelecimentos aderentes, que se traduzem em 52 mil postos de trabalho. Estão qualificados com o selo “Portugal Sou Eu” mais de nove mil produtos e serviços que, no seu conjunto, representam um volume de negócios agregado superior a 11,7 mil milhões de euros. A grande maioria dos produtos tem patentes e/ou marcas registadas, sendo que 52 por cento são do setor da alimentação e bebidas e 23,4 por cento correspondem às atividades de artesanato.

O “Portugal Sou Eu” tem financiamento do programa Compete 2020, através do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional, e é gerido por um Órgão Operacional formado pela Associação Empresarial de Portugal (AEP), Associação Industrial Portuguesa-Câmara de Comércio e Indústria (AIP-CCI), Confederação dos Agricultores de Portugal (CAP), Confederação do Comércio e Serviços de Portugal (CCP), Associação Portuguesa de Empresas de Distribuição (APED), Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP) e pelo IAPMEI – Agência para a Competitividade e Inovação, IP

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.