Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

RAPortagem: da escrita na primeira pessoa à escrita descritiva na terceira pessoa, Casa Amarela, Laranjeiro

 

RAPortagem: da escrita na primeira pessoa à escrita descritiva na terceira pessoa - 5/12/2016 - Casa Amarela, Laranjeiro. A partir das 15.00.

 

Formadores: Jakilson PereiraFlávio Almada, espaço: Casa Amarela, Laranjeiro

3º e último workshop do projecto RAPortugal 1986 - 1999. Ver evento aqui >>> 

 

Projecto que tem contado, atém do Ciclo de Conferências e Debates com início a 7 de Setembro de 2016 e termino a 22 de Janeiro de 2017, com um Ciclo de 3 workshopsque têm como principal objectivo aproximar outros lados do RAP e da 'cultura hip-hop'do mundo escolar, especialmente do ensino secundário.

Da parceria estabelecida entre a Associação Mural Sonoro e a Associação Cultural Moinho da Juventude no âmbito do projecto RAPortugal 1986 - 1999 resultaram um conjunto de acções/workshops em 3 escolas e espaços culturais situados na Reboleira, Amadora, Cova da Moura e Almada.

A inscrição para o último workshop pode ser feita até às 11.00 do dia em que o mesmo se realiza no local (Casa Amarela) ou através do seguinte contacto móvel: +351 918 383 051

O resultado dos três workshops tem sido partilhado para memória futura em pequenos vídeos e imagens no Portal Mural Sonoro, onde pode seguir os restantes resultados deste projecto com duração de um ano (Fevereiro de 2016 - Fevereiro de 2017), através do seguinte link: http://www.muralsonoro.com/qd-intro

 

Deste projecto resultam ainda: 25 recolhas de entrevistas e história oral disponível na plataforma Mural Sonoro com o título RAPublicar 1986 - 1996 da autoria de Soraia Simões, um CD com jovens rappers de várias áreas geográficas do país (norte, centro e sul) produzido numa parceria entre a Associação Mural Sonoro e o Big Bit Estúdios, 3 espectáculos de apresentação desse CD e um livro com o título ''RAPublicar a micro-história que fez história numa Lisboa adiada: 1986 - 1996'' assinado por Soraia Simões, coordenadora e investigadora deste projecto de investigação e criação que contou com o apoio pontual da Direcção-Geral das Artes

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.