Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

S. Joões há muitos no Braga Parque | Exposição de esculturas reúne artistas e instituições bracarenses

Braga Parque -  São João de Braga 2017.jpg

 

Exposição de esculturas do S. João reúne artistas e instituições bracarenses

 

 

Os martelinhos e o alho-porro já estão a postos, as ruas da cidade engalanadas também não enganam e o entusiasmo dos bracarenses não deixa dúvidas: o São João de Braga está a chegar e a cidade prepara-se para se transformar numa verdadeira aldeia minhota em ponto grande. São 12 dias de festa que arrancam já no dia 14 de junho com uma exposição inédita de S. Joões no Braga Parque.

 

“O seu nome será João”, a exposição patente no shopping de referência de Braga até ao dia 28 de junho, integra mais de 15 peças e representações deste Santo que empresta o seu nome a uma das maiores festas populares do país, que junta milhares de pessoas de todo o país em longos dias e noites de folia e diversão, sendo a noite de 23 para 24 de junho o ponto alto dos festejos.

 

Desde a arte sacra à arte popular, são inúmeras as reproduções de um imaginário infantil do santo que, com o cordeiro e a cana, são as protagonistas inegáveis desta surpreendente mostra que reúne escultores, artistas e importantes instituições da cidade, celebrando, acima de tudo, o orgulho nesta tradição centenária que marca a agenda da cidade e da região norte.

 

Desde o Museu Pio XII, o Tesouro-Museu da Sé de Braga, a Basílica dos Congregados, a Capela de S. João da Ponte e a Irmandade de Santa Cruz, até aos escultores e artistas Alberto Vieira, Conceição Sapateiro, Margarida Costa e Isabel Costa, esta é uma exposição transversal às instituições e cidadãos de Braga, que personifica a união sublime entre a cultura, a religião e o património popular desta nossa cidade minhota”, refere Rui Ferreira, presidente da Associação de Festas do São João de Braga.

 

O humor alia-se a um profundo respeito e conhecimento pela antiguidade e tradição que esta data transporta, resultando em esculturas e peças de artesanato em que a criatividade e mestria saltam à vista, por entre cores e pormenores que transformam a experiência da visita ao centro comercial numa autêntica viagem pela história e cultura bracarenses.

 

“Orgulhamo-nos de sermos uma instituição da cidade de Braga e de podermos participar de forma ativa nesta que é uma das maiores festas do ano. É uma grande honra receber esta exposição de arte e cultura, que vem homenagear as tradições da cidade e os próprios bracarenses, contribuindo assim para este grande evento que põe o nome da cidade na agenda cultural do país”, afirma Ana Rodrigues, responsável de Marketing do Braga Parque.

 

A inauguração da exposição terá lugar no Piso 2 do centro no dia 14 de junho, às 11h, e contará com a presença dos seus responsáveis, representantes das instituições e autores das peças presentes na mostra.

 

Mas, esta festa não se faz apenas de arte e, porque a música é essencial, porque a programação do centro comercial não deixará ninguém indiferente.

 

O dia 17 de junho convida para um pé de dança, com a atuação do Rancho Folclórico São João Baptista de Nogueira, tendo um convidado muito especial: o Joni, a mascote oficial do São João de Braga, animará miúdos e graúdos.

 

Os sons típicos do Minho continuarão a encher os corredores do centro comercial nos dias seguintes, com concertos absolutamente surpreendentes e uma programação cultural digna de mais uma grande edição do São João de Braga, que farão do Braga Parque mais um palco da famosa festa minhota.

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.