Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Sábado: Victor Herrero | Pedro Sousa & Gabriel Ferrandini na ADAO (Barreiro)

A3_victor herrero_OutraMusica-01 WEB.jpg

 

VICTOR HERRERO
PEDRO SOUSA & GABRIEL FERRANDINI
ADAO – Associação Desenvolvimento Artes & Ofícios
8 Abril. 22h30. 5€
 
 
Victor Herrero é um multifacetado músico espanhol, com um passado ligado em simultâneo ao fascínio pelo rock independente e um apego às tradições sonoras quer do mundo clássico quer das ancestrais ligações mediterrânicas que constroem o cancioneiro folk do país vizinho (e que obviamente partilhamos no nosso rectângulo), e dono de um currículo recente no qual se destaca a ligação próxima com a diva relutante Josephine Foster (que é regularmente acompanhada quer em disco quer ao vivo pela Victor Herrero Band), mas também as colaborações com Michael Gira (Swans), Keiji Haino, Sonny Simmons, Master Musicians of Joujouka ou com o “nosso” Norberto Lobo.
 
Foi talvez o trabalho com este último - e certamente a consciência dessas ligações íntimas entre as tradições dos dois países - que o levou à guitarra portuguesa, que abordou de forma exploratória e liberta do peso e história específicas que no nosso país a ela estão associadas – e dessa exploração que a descobre como instrumento hipnótico e capaz de circularidade surgiu “Astrolábio”, disco lançado no início deste ano pela editora norte-americana Feeding Tube, e que virá apresentar nesta sua primeira passagem pelo Barreiro.
 
Pedro Sousa & Gabriel Ferrandini são dois dos expoentes máximos de um movimento que vem desde há anos a ganhar uma força imparável pelo país e além-fronteiras (“Lisbon's New Jazz Vanguard”, como lhe chamou há um mês atrás a revista The Wire), e dois músicos ainda ridiculamente jovens a fazer cada vez mais prova de um talento extraordinário em múltiplas colaborações com figuras superlativas do jazz nacional e mundial (de Peter Evans a Rodrigo Amado, de Johan Berthling a Alex Zhang-Hungtai). Regressam para o seu primeiro concerto em duo no Barreiro desde uma inesquecível noite em 2010 que fica para a história como das maiores emanações de liberdade e energia que testemunhámos nas nossas programações. 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.