Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

“Sementes”: Artes para o Pequeno Público | “Rosa” no Parque da Canoas - Gaio

“Sementes”: Artes para o Pequeno Público

“Rosa” no Parque da Canoas - Gaio

30 de maio sementes.jpg

 

No dia 30 de maio, pelas 10:30h, a 24ª edição de “Sementes” - Mostra Internacional de Artes para o Pequeno Público encerra a sua programação no concelho da Moita, com o espetáculo “Rosa”, do Teatro C’Art Comic Education (Itália). O espetáculo, ao ar livre e com entrada gratuita, tem lugar no Parque das Canoas, no Gaio-Rosário.

 

A companhia

A Associação e Companhia Teatro C’art Comic Education nasceu em 2002, fundada por artistas com estudos baseados em pesquisa sobre gestualidade, expressão cómica do clown. Hoje, esta companhia tem já uma tradição de vinte anos de teatro físico e comicidade não-verbal. O seu tipo de conceção artística e pedagógica permitiu, durante esses anos, o nascimento e desenvolvimento de processos de pesquisa e estudos ligados à desconstrução da gestualidade quotidiana ou previsível e na afirmação da identificação como o fulcro do trabalho cômico-corporal da Companhia.

O espetáculo

Uma mulher em cena: Clown, solitária ou não, Rosa.
Ela provoca, seduz, dá ordens, faz rir e sorrir, liberta-se das suas trapalhadas e dos empecilhos, brinca, é detentora de uma energia masculina que a torna plena de força e autoridade.

Rosa despe-se de suas vestes para vestir outras. O clown dará voz ao seu recôndito desejo de voltar a ser criança, de dominar e domar estranhos animais que fazem parte da sua imaginação, para depois extrair de si toda a própria feminilidade e finalmente florescer numa emocionante exibição de canto e flamenco.

É uma sucessão de cenas cómicas, onde emerge o lado engraçado e, ao mesmo tempo, delicado do ser humano.

Ficha artística

De e com: Teresa Bruno | Direção: André Casaca | Consultoria dramatúrgica: Aurélia Dedieu | Segundo olhar: Stefano Marzuoli e Nina Lanzi | Desenho de Luz: Luca Carbone | Figurino: Federica Novelli e Vanna Vezzosi