Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Seminário: Os Templários na Europa e no Oriente

transferir (7).jpg

 

 

OS TEMPLÁRIOS NA EUROPA E NO ORIENTE

 
Seminário de história em 3 sessões pelo Prof. Paulo Loução
 

Inscrição no formulário: shorturl.at/uOUX0

 
 
// Sábados das 10h às 13h // 16/1, 23/1, 30/1
// Formação online por Zoom
// Formador: Paulo Loução (vide CV infra)
// Os inscritos receberão o ID da aula por Zoom antes de cada aula e poderão pedir as gravações de duas das três aulas do seminário que não puderem assistir
 
Valor do seminário: (9h de formação): 45 € (25 € para para membros da Nova Acrópole e para jovens com menos de 30 anos)

Inscrição no formulário: shorturl.at/uOUX0
Validada com a transferência para o seguinte IBAN da Nova Acrópole:
PT50 0045 5492 4026 3851 7341 3

Informações pelo email
centrodehistoriajaimecortesao@gmail.com
ou pelos telefones 935 021 873 // 961 836 813


PROGRAMA:
- Os Templários e as Cruzadas. A expansão da Ordem no «ultramar» e na Europa
- As grandes figuras da época como São Luís, Ricardo Coração de Leão, os Fredericos Hohenstaufen e Saladino
- O encontro de São Francisco com o Sultão do Egito al-Kamel na sua peregrinação à Terra Santa
- A relação dos Cavaleiros do Templo de Salomão com os «Templários do Oriente islâmico», a cavalaria de Alamut
- O sistema financeiro templário
- O sistema de comendas na Europa
- Uma «ponte» entre o Oriente e o Ocidente
- A prisão e julgamento dos Templários
- A importância das acusações e do julgamento para o estudo ideológico da Ordem
 
*
 
- Este seminário constitui o quarto dos módulos do Curso, «Os Templários, a Cavalaria Espiritual e as Raízes do Ocidente»; a participação nos módulos deste Curso pode ser independente e autónoma: Aqui todo o Programa deste Curso em 8 módulos: https://bit.ly/2J2zCpj
 
PAULO ALEXANDRE LOUÇÃO
 
É investigador do Instituto Internacional Hermes, dirigido pelo antropólogo Fernand Schwarz; professor na Escola de Filosofia da Nova Acrópole Portugal, e fundador e coordenador do Círculo Lima de Freitas, que se dedica ao estudo da matemática e geometria sagradas.
Como autor tem mais de uma dezena de obras publicadas, entre as quais se destacam os bestsellers «Os Templários na Formação de Portugal» (12 edições) e «Portugal – Terra de Mistérios» (8 edições), ambas publicadas pela Ésquilo e pelo Círculo de Leitores. Também publicou um estudo sobre «A Descoberta do Brasil».

Participou em vários documentários realizados pelo Canal «História», nomeadamente na série «Templários».
Como filósofo, tem-se interessado pela área do estudo da consciência e, assim, foi o autor do projecto e co--autor do livro «Experiências de Quase-Morte – Relatos Verídicos» (4 edições).

Na área do Turismo Cultural foi publicada a sua obra «Lugares Inesquecíveis de Portugal» com a chancela da editora Eranos.
Na área do trabalho de campo em antropologia, realizou o Estudo Identitário das Aldeias de Montanha da Serra da Estrela (que deu origem ao livro «A Magia das Aldeias de Montanha»), a convite do Município de Seia e, neste momento. Está a realizar um Estudo sobre a cultura da Ilha do Príncipe, no golfo da Guiné, África.
Fundou e coordena o Centro de História «Jaime Cortesão».
Escreveu o seu primeiro romance, «A Profecia de João XXIII», propondo um novo olhar sobre a necessidade de se investigar as origens da Civilização e perscrutarmos as nossas raízes, e foi Curador da Grande Exposição de 2019 dedicada ao pintor Lima de Freitas na Galeria Verney, em Oeiras. Lima de Freitas foi um dos expoentes da cultura lusa do século XX, condecorado pelo Governo Francês pelo seu trabalho desenvolvido na arte e no estudo de antropologia do imaginário com Gilbert Durand, uma das grandes figura da Nova Antropologia a nível mundial, e que também colaborou com Paulo Loução, nomeadamente na sua obra, «Alma Secreta de Portugal».

Paulo Loução é, actualmente e em parceria com a escritora e investigadora Severina Gonçalves, responsável pelo Projecto Internacional Ulisses que promove expedições aos mais importantes lugares mágicos do Planeta, tais como Ankor Wat (Cambodja), Persepólis (Irão), Karnac (Luxor, no Egipto), Chavin de Huantar (Peru), Teotihuacan (México), Delfos e Elêusis (Grécia), Tomar, cidade dos Templários (Portugal), Göbekli Tepe e Hattusa (Turquia), entre muitos outros. Este Projecto Ulisses promove o Encontro de Culturas e a procura das essências da Simbologia das Antigas Civilizações.

Entrevista de Paulo Loução para a revista da TAP:
http://upmagazine-tap.com/pt_artigos/tomar-cidade-templaria/
No  jornal «Público», em Portugal:
http://fugas.publico.pt/Noticias/291740_um-guia-de-quot-viagens-com-alma-quot-por-portugal
http://fugas.publico.pt/Viagens/312112_na-montanha-seguindo-o-mapa-dos-tesouros?pagina=-1
https://fugas.publico.pt/Viagens/299147_ha-um-portugal-magico-para-redescobrir?pagina=-1
Na Televisão (TVI): https://www.youtube.com/watch?v=-sYlqk0xUFA

*
Informações:
centrodehistoriajaimecortesao@gmail.com
935 021 873


Organização:
Centro de História Jaime Cortesão
Nova Acrópole Oeiras-Cascais
Espaço Arkhé



Apoio:
Câmara Municipal de Oeiras

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.