Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Sonae Arauco apoia a exposição “Paris Haussmann” no CCB

 

 

A exposição estará patente na Garagem Sul – Exposições de Arquitetura do Centro Cultural de Belém, em Lisboa, entre 6 de março e 17 junho de 2018

 

A Sonae Arauco, resultado de uma joint venture entre as principais empresas do setor da madeira, a Sonae Indústria e a Arauco, irá apoiar a exposição “Paris Haussmann”, no Centro Cultural de Belém (CCB), através da disponibilização de um dos produtos mais atrativos da gama Innovus: o Coloured MDF. A referência Innovus servirá de base para os mais de 100 desenhos, arquivos, planos, maquetes e fotografias da autoria de Cyrille Weiner, que integram esta exposição.

Os painéis decorativos da gama Innovus Coloured MDF desenvolvidos e produzidos pela Sonae Arauco destacam-se pela luminosidade das suas cores e versatilidade de aplicação. A partir de 6 de março, na Garagem Sul do CCB, os visitantes da exposição poderão testemunhar as vantagens deste produto e vivenciar o aspeto natural e orgânico proporcionado pelo Innovus Coloured MDF que dá sustento à exposição.

A versatilidade do Innovus Coloured MDF ao serviço da cultura

O Centro Cultural de Belém optou pela gama Innovus Coloured MDF, na referência Azul Royal, que utiliza pigmentos devidamente selecionados e que garantem a durabilidade da cor de cada painel, mantendo a sua intensidade, mesmo perante exposição prolongada à luz. O apoio prestado pela Sonae Arauco à exposição do CCB comprova, mais uma vez, a versatilidade da gama Innovus Coloured MDF e a sua possibilidade de aplicação em múltiplos cenários. Desta aposta resulta um ambiente arrojado e esteticamente apelativo, que faz jus ao teor da exposição.

A inaugurar já esta semana, a exposição mostrará trabalhos de Haussmann, o responsável pelo Departamento do Sena entre 1853 e 1870, que transformou extensivamente a capital francesa. “Paris Haussmann” expõe uma série de trabalhos que revela o potencial do modelo urbano parisiense contemporâneo relativamente às apostas e desafios das cidades de amanhã.

Os visitantes que passarem pelo Centro Cultural de Belém, entre março e junho, terão a oportunidade de redescobrir a herança desta personalidade a várias escalas. Aberta a toda a comunidade, a exposição redesenha, categoriza e compara os eixos urbanos, distingue os espaços públicos e organiza os quarteirões e os edifícios, de acordo com a sua geometria atual.

Este é mais um projeto diferenciador do canal ‘Contract’ da Sonae Arauco, que acredita que o potencial da gama Innovus Coloured MDF será novamente reconhecido, uma vez que o Centro Cultural de Belém se afigura num espaço de extrema relevância no panorama cultural e artístico nacional.

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.