Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Congresso de Bastidores junta DJ Ride, Stereossauro e Beatriz Gosta no novo evento d'Orfeu.

transferir (49).jpg

 

A d'Orfeu AC acaba de apresentar o seu novo evento formativo. A 1ª edição do Congresso de Bastidores decorre nos dias 17, 18 e 19 de setembro, das 9h30 às 18h30, no Auditório da ESTGA/UA e no Espaço d'Orfeu, em Águeda. Os bilhetes já estão disponíveis em dorfeu.pt/congresso.

O Congresso de Bastidores é um novo evento da d’Orfeu AC / Escola de Palco, que junta um universo de criativos ligados às Palavras, Palcos, Ofícios e Negócios, as quatro frentes de debate do “congresso”. Nos dias 18 e 19 de setembro, o evento terá lugar no Auditório da ESTGA – Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Águeda. No período da manhã, cada convidado, individualmente, dará a conhecer ao público um pouco da sua experiência (rotina, histórias, métodos de trabalho). As tardes serão dedicadas a uma grande conversa com todos os oradores do dia, podendo o público intervir com as suas questões e comentários.  

Na sexta, 17 setembro, haverá Oficinas Abertas, durante todo o dia, no Espaço d'Orfeu, para famílias e escolas, com o núcleo de formadores da Escola de Palco. No sábado, 18 setembro, os convidados são: Pedro Luzindro (humorista); Mário Rui Vieira (jornalista Blitz / Expresso); Ingrid Berger (produtora Rock in Rio); e DJ RIDE (músico / produtor). No domingo, 19 setembro, é a vez de Tó Pinheiro da Silva (Eng. de Som), Stereossauro (DJ / autor), Budda Guedes (produtor musical / músico)e Beatriz Gosta (humorista / MC). 

As conversas serão moderadas por Marta Rocha (Antena 3) e ilustradas, ao vivo, por Joel Faria. O Passe Geral e os bilhetes diários para o evento já estão disponíveis através do link dorfeu.pt/congresso e, até ao dia 10 de setembro, podem ser adquiridos com desconto. 

Festival O Gesto Orelhudo anuncia datas e primeiros nomes

Tais Quais abrem 19ª edição d'O Gesto Orelhudo, no CAA!

g4hs9 (1).jpeg

 

 
FOTO HD

19º Festival O Gesto Orelhudo
7 a 11 outubro 2020
CAA - Centro de Artes de Águeda

O 19º Festival O Gesto Orelhudo vai acontecer. Terá lugar de 7 a 11 de outubro, no CAA - Centro de Artes de Águeda. Tim, João Gil, Vitorino, Sérgio Godinho e Ana Bacalhau são alguns dos nomes que protagonizam os grandes espetáculos nacionais já confirmados para abertura e encerramento. Os bilhetes estarão à venda a 7 setembro.

O ano de 2020 já se previa diferente. A d'Orfeu prepara-se para celebrar 25 anos e trabalhava numa edição especial d'O Gesto Orelhudo, entre outras iniciativas. Com a pandemia, as incertezas tomaram de assalto a agenda cultural da Associação e o cartaz do festival começou a ganhar outra forma, à medida que iam sendo conhecidas as recomendações da DGS. 

Esta 19ª edição acaba por se tornar, assim, verdadeiramente especial, dadas as circunstâncias. Além das grandes noites de quarta a sexta, o festival vai estender-se pelo fim-de-semana, voltando a ter também programa diurno. O público infantil e familiar fidelizado ao Festival i! (não realizado em maio) está convidado para as tardes de sábado e domingo, sempre no CAA.

Confirmada está, para a noite de abertura, a subida ao palco dos fabulosos Tais Quais, "quais oliveiras, olivais, pintassilgos, rouxinóis”, que trazem uma noite de cantigas e histórias, desfiando o cante e o conto, diretamente da sabedoria popular. João Gil, Vitorino, Tim, Vicente Palma, Celina da Piedade, Paulo Ribeiro e Sebastião Santos trazem as violas, o acordeão, a percussão, quem sabe uma campaniça e vozes de arrepiar. Pelo meio, há também Jorge Serafim que aqui partilha histórias, anedotas e contos populares. O banquete está servido para quarta-feira à noite.

No fim da tarde de domingo, para a despedida, Ana Bacalhau, Jorge Benvinda, Sérgio Godinho e Vitorino refrescam a memória do cancioneiro popular infantil português, com "Canções de Roda, Lenga Lengas e Outras Que Tais". Às suas vozes juntam-se grandes músicos, dirigidos pelo pianista Filipe Raposo, que fez novos arranjos para as canções que todas as gerações conhecem. O espetáculo terá a participação especial de um coro infantojuvenil de vozes aguedenses, num momento especial para toda a família.

Programa completo e bilhetes disponíveis em dorfeu.pt/ogestoorelhudo a partir de 7 de setembro.

Orelhas no ar e máscaras no nariz! O Município de Águeda e a d’Orfeu AC lançam o convite para esta 19ª edição orelhuda. Por humor à música! Por humor à vida.

g4hln.jpeg

 

Festival i! regressa às ruas de Águeda em maio!

t5107.jpeg

 

 

 

De 17 a 19 de maio, a 11ª edição do Festival i! instala-se em Águeda e, na noite de abertura, volta a invadir a Rua Luís de Camões, a partir das 20h30. No sábado e domingo, acontece o habitual non-stop de espetáculos e atividades por vários espaços da cidade, numa grande festa para toda a família.

O Festival i! prepara-se para a 11ª edição e são muitas e diferentes as propostas artísticas, de Portugal, Espanha, Argentina e Brasil, que vão invadir Águeda em três dias dedicados aos mais pequenos e a toda a família. 

O palco da noite de abertura será, novamente, na Rua Luís de Camões, na sexta-feira (17 de maio), das 20h30 às 23h30. Toda a cidade é convidada a viver o i! em plena rua, com jogos para toda a família e uma caravana de micro-cinema, pela companhia Tombs Creatius, da Catalunha (Espanha). Também de Espanha, La Industrial Teatrera traz-nos um surpreendente espetáculo de abertura - De Paso - um poético espetáculo de clown, com o público a 360 graus. A noite de abertura é de entrada livre.

No sábado e no domingo, segue-se o já conhecido e contagiante ritmo de espetáculos, atividades, animação e jogos, para miúdos e graúdos. Das 10h30 às 19h00, o roteiro do festival passará por vários locais da cidade: Biblioteca Municipal Manuel Alegre, Auditório Ana Paula Silva, Auditório do CEFAS e o Espaço d’Orfeu. 

No cartaz deste ano, o Festival i! acolhe ainda espetáculos e atividades de Catrapum Catrapeia, Gabi Winter (Brasil), Teatro das Beiras, Mica Paprika, PédeXumbo, Zunzum AC, Rodrigo Costa Félix e Joana Amendoeira, Corina Ollett (Argentina), Escola do Adro e The Freak Cabaret Circus (Espanha). Haverá também lugar para a estreia de duas novas criações d'Orfeu AC: "Canções Difíceis Fáceis de Saber" no sábado e "Fado Mimado" no domingo, que farão sessões escolares durante a semana, mantendo a tradição de convidar as escolas ao festival. 

As pulseiras para o Festival i! estarão brevemente à venda, havendo, na noite de abertura, desconto de 50% na Pulseira Geral para o fim-de-semana. O programa completo pode ser consultado no site oficial, em dorfeu.pt/i

Contagem decrescente para o 17º Festival O Gesto Orelhudo!

17º Festival O Gesto Orelhudo: por humor à música!

 

10 a 13 outubro 2018
@ CAA - Centro de Artes de Águeda
 

Programa completo:

dorfeu.pt/ogestoorelhudo

tk7z.jpeg

 

Conhecido o programa completo da 17ª edição do Festival O Gesto Orelhudo, continua a bom ritmo a Pré-Venda de bilhetes com desconto. Na abertura do festival, a 10 de outubro, as portas abrem às 20h30 e é ao ator Luciano Gomes que cabe o papel de dar as boas-vindas ao público, às 21h00 em ponto, com "Musicomédia ou a Vã Piada de a Explicar".

Os mais recentes espetáculos músico-teatrais de companhias como Yllana / Primital Brothers (Espanha), Banda Osiris (Itália), Bowjangles (Reino Unido) e Cie Poc (França), entre várias outras grandes propostas nacionais e internacionais, sobem ao palco do CAA de 10 a 13 de outubro. Toda a informação e programa detalhado estão disponíveis no site oficial, em dorfeu.pt/ogestoorelhudo.

O Passe Orelhudo, válido para todo o festival, e os bilhetes diários estão à venda no Centro de Artes de Águeda, no Espaço d’Orfeu e através da bilheteira online. A Pré-Venda, já em curso, garante desconto sobre o preço de qualquer modalidade de bilhetes. Está também a decorrer uma Campanha especial Amigos d’Orfeu com vantagens para o público do festival. 

O 17º Festival O Gesto Orelhudo é uma coprodução entre a d'Orfeu AC e o Município de Águeda, com o apoio da República Portuguesa - Cultura / Direção-Geral das Artes, acolhida no Centro de Artes de Águeda.

Já está à espreita o 17º Festival O Gesto Orelhudo, por humor à música!

p2w3.jpeg

 

dorfeu.pt/ogestoorelhudo
BILHETES JÁ EM PRÉ-VENDA

De 10 a 13 de outubro, a 17ª edição do Festival O Gesto Orelhudo instala-se no Centro de Artes de Águeda. O festival português onde a musicomédia sobe ao palco apresenta, este ano, doze espetáculos com companhias e artistas de Portugal, Espanha, França, Itália, Reino Unido e Quirguistão. Os bilhetes, com desconto pré-venda, estão já disponíveis para o público.

Como a última edição foi de rir e chorar por mais, O Gesto Orelhudo vai voltar a surpreender o público com propostas transdisciplinares, burlescas e extravagantes. Entre estreias e velhos conhecidos, do auditório ao café concerto, estas quatro noites orelhudas vão voltar a deixar toda a gente de orelhas no ar.  

A noite de abertura arranca às 21h00 em ponto, com um nome conhecido no burgo: Luciano Gomes atua em casa, no papel mais ingrato da sua vida, com “Musicomédia ou a Vã Piada de a Explicar”, uma encomenda do festival. Logo depois, os espanhóis Yllana e Primital Bros tomam o palco de assalto, numa surrealista comédia musical: “The Primitals”. Ao final da noite, o café-concerto do CAA recebe a mítica dupla Gimba e Jorge Galvão, com “Tiroliro & Vladimir”. 

Em cada uma das noites seguintes, o horário nobre vai também estar bem preenchido, com Banda Osiris (Itália), Bowjangles (Reino Unido) e Cie Poc (França). respetivamente na quinta, sexta e sábado. Antes deles, no mesmo palco, o festival recebe outras propostas bem risonhas: “Fogo!” do Trigo Limpo teatro ACERT, “Circus Time” dos Mimo’s Dixie Band e “Acrolele” dos Barada Street (Inglaterra / Quirguistão). 

Para que todas as noites terminem em grande, o café-concerto do Centro de Artes será invadido por inusitadas propostas: depois de Gimba e Jorge Galvão na noite de abertura, Paulo Meirinhos apresenta no mesmo espaço o seu “GiraDiscos” (quinta 11), as galegas De Vacas estreiam-se em Portugal num concerto que promete ser hilariante (sexta 12) e, no final da noite de encerramento, o Trio Alcatifa vai fazer um autêntico “Bailarico dos Orientes” para a despedida da 17ª edição (sábado 13 de outubro). 

O Passe Orelhudo, válido para todo o festival, e os bilhetes diários estão à venda no Centro de Artes de Águeda, no Espaço d’Orfeu e através da bilheteira online. A pré-venda, já em curso, garante desconto sobre o preço de qualquer modalidade de bilhetes. Está também a decorrer uma Campanha especial Amigos d’Orfeu com vantagens para o público do festival. Toda a informação e programa detalhado estão disponíveis no site oficial, em dorfeu.pt/ogestoorelhudo

Numa coprodução com o Município de Águeda e Centro de Artes de Águeda, a d’Orfeu AC lança, com o programa completo, entusiasmado convite para esta 17ª edição do festival. Por humor à música!

Esta quinta, um sírio extravagante encerra o 10º Festim!

Omar Souleyman (Síria)
QUINTA 26 JULHO, 22h00 – Largo 1º de Maio, ÁGUEDA

image.png

 

Omar Souleyman é um extravagante cantor que o mundo ocidental acolheu. Começou a sua carreira a cantar em casamentos na Síria, tornando-se um herói de culto em poucos anos. Omar reinventa a música tradicional árabe, com uma sonoridade kitsch, construindo pontes onde se podiam encontrar muros. No Festim apresenta-se com o seu mais recente álbum “To Syria, With Love”, dedicado à pátria-natal e à sua desditosa situação. Músicas sobre amor e positividade, numa mensagem necessária para o mundo. Um banquete de música de dança, servido do palco à plateia, para encerrar a 10ª edição do festival intermunicipal de músicas do mundo!

http://www.festim.pt
http://www.facebook.com/dOrfeu.Festim

La Caravane Passe (França) | Boban Markovic Orkestar (Sérvia) | Pascuala Ilabaca y Fauna (Chile) | Orchestre Poly-Rythmo de Cotonou (Benim) | La Yegros (Argentina) | Waldemar Bastos (Angola) | Omar Souleyman (Síria)
 
22 junho a 26 julho | 10ª edição
ÁGUEDA * ALBERGARIA-A-VELHA * SEVER DO VOUGA * ESTARREJA * ÍLHAVO * OLIVEIRA DE AZEMÉIS

Waldemar Bastos, nome maior da lusofonia, no Festim!

Waldemar Bastos (Angola)

QUINTA 19 JULHO, 22h00 – Largo 1º de Maio, ÁGUEDA
SEXTA 20 JULHO, 22h00 – Cine-Teatro de Estarreja, ESTARREJA

 

image.png

 


Waldemar Bastos é um dos mais consagrados artistas lusófonos no mundo. Apelidado de ‘Lenda Africana’, Waldemar canta uma Angola sem fronteiras. A música corre-lhe no sangue desde criança, construindo pontes a partir de África, navegando pelo afropop, pelo fado e por influências brasileiras, numa sonoridade que abraça toda a lusofonia. Apresenta-se com o seu violão de M’Banza Congo, sua terra natal, cantando a alma angolana num pungente apelo à fraternidade entre os povos. Waldemar Bastos considera a sua música como reflexo das suas experiências de vida. E o Festim será uma delas! 


http://www.festim.pt
http://www.facebook.com/dOrfeu.Festim

La Caravane Passe (França) | Boban Markovic Orkestar (Sérvia) | Pascuala Ilabaca y Fauna (Chile) | Orchestre Poly-Rythmo de Cotonou (Benim) | La Yegros (Argentina) | Waldemar Bastos (Angola) | Omar Souleyman (Síria)
 
22 junho a 26 julho | 10ª edição
ÁGUEDA * ALBERGARIA-A-VELHA * SEVER DO VOUGA * ESTARREJA * ÍLHAVO * OLIVEIRA DE AZEMÉIS

A primeira-dama da cumbia digital no Festim!

La Yegros (Argentina)
QUINTA 12 JULHO, 22h00 – Largo 1º de Maio, ÁGUEDA
SEXTA 13 JULHO, 22h00 – Cine-Teatro de Estarreja, ESTARREJA
SÁBADO 14 JULHO
, 22h00 – Centro das Artes do Espetáculo, SEVER DO VOUGA

image.png

 

Alegre, vibrante e carismática. Mariana Yegros - aka La Yegros - cresceu no coração de Buenos Aires, umas das mais cosmopolitas metrópoles sul-americanas, sem prescindir da herança dos ritmos da cumbia. O seu imaginário sonoro moldou uma personalidade indissociável dessa origem mestiça, mas com toda a modernidade e um olhar global, conferindo-lhe o título de primeira-dama da cumbia digital. La Yegros chega ao Festim para três grandes noites, numa combinação explosiva da música urbana, eletrónica e folclórica, incorporando uma atitude punk e uma energia contagiante a descobrir ao vivo. Um irrecusável convite para dançar!


http://www.festim.pt
http://www.facebook.com/dOrfeu.Festim

La Caravane Passe (França) | Boban Markovic Orkestar (Sérvia) | Pascuala Ilabaca y Fauna (Chile) | Orchestre Poly-Rythmo de Cotonou (Benim) | La Yegros (Argentina) | Waldemar Bastos (Angola) | Omar Souleyman (Síria)
 
22 junho a 26 julho | 10ª edição
ÁGUEDA * ALBERGARIA-A-VELHA * SEVER DO VOUGA * ESTARREJA * ÍLHAVO * OLIVEIRA DE AZEMÉIS

Festim 2018 já bomba! Vem aí Boban Markovic Orkestar.

La Caravane Passe fez a festa, do palco à plateia, na abertura da 10ª edição.

image.png

 

Festim começou à grande e à francesa!

 

Segue-se Boban Markovic Orkestar no fim-de-semana!

SEXTA 29 JUNHO, 22h00
Quinta do Torreão, ALBERGARIA-A-VELHA

SÁBADO 30 JUNHO, 22h00
Parque Urbano, SEVER DO VOUGA

image.png

Diretamente do caldeirão cultural balcânico, de regresso a Portugal, a banda de sopros liderada por Boban Markovic - um dos mais famosos trompetistas ciganos - promete fazer a festa. Famosa pela capacidade de levar cada audiência ao delírio, esta orquestra já ganhou todos os prémios de carreira e está habituada a pisar os maiores palcos mundiais da chamada ‘world music’, com um histórico de milhares de concertos por todo o planeta. Uma potência sonora, ao vivo, capaz de levantar toda a gente. Música cigana no seu estado mais puro, alucinante, arrebatadora. Festim garantido para duas grandes noites!


http://www.festim.pt
http://www.facebook.com/dOrfeu.Festim

La Caravane Passe (França) | Boban Markovic Orkestar (Sérvia) | Pascuala Ilabaca y Fauna (Chile) | Orchestre Poly-Rythmo de Cotonou (Benim) | La Yegros (Argentina) | Waldemar Bastos (Angola) | Omar Souleyman (Síria)
 
22 junho a 26 julho | 10ª edição
ÁGUEDA * ALBERGARIA-A-VELHA * SEVER DO VOUGA * ESTARREJA * ÍLHAVO * OLIVEIRA DE AZEMÉIS

Pontapé de saída para a 10ª edição do Festim!

Festim 2018: há melhor banda sonora para o Mundial?

image.png

 


Águeda, Albergaria-a-Velha, Sever do Vouga, Estarreja, Ílhavo e Oliveira de Azeméis
22 junho a 26 julho | 10ª edição

 

 

programa completo: http://www.festim.pt

De 22 de junho a 26 de julho, o Festim traz sete grandes nomes das músicas do mundo aos Municípios de Águeda, Albergaria-a-Velha, Sever do Vouga, Estarreja, Ílhavo e Oliveira de Azeméis. Bem-vindos à 10ª edição do Festim, número redondo, como o planeta!
 
O Festim – festival intermunicipal de músicas do mundo chega este ano à 10ª edição e não podia ser celebrado de melhor forma. Logo no primeiro fim-de-semana (22 e 23 de junho), o pontapé de saída é dado pelos franceses La Caravane Passe, respetivamente em Albergaria-a-Velha e Sever do Vouga. Este coletivo mistura rock francês com música cigana e mescla rap e ska com ‘chanson française’, num verdadeiro apelo à festa.
 
A viagem prossegue com o sérvio Boban Markovic Orkestar, que regressa a Portugal, diretamente do caldeirão cultural balcânico, para duas alucinantes noites em Albergaria-a-Velha (29 junho) e Sever do Vouga (30 de junho). Do Chile, Pascuala Ilabaca y Fauna trazem a sua música exótica a Ílhavo (6 julho) e Albergaria-a-Velha (7 julho). Do Benim, a lendária e todo-poderosa Orchestre Poly-Ryhtmo de Cotonou detona em Ílhavo (7 julho) e Oliveira de Azeméis (8 de julho) a sua mistura explosiva de ritmos. Diretamente do coração de Buenos Aires (Argentina), a primeira-dama da cumbia digital – La Yegros – promete contagiar o público de Águeda (12 julho), Estarreja (13 julho) e Sever do Vouga (14 julho). De Angola, a lenda africana Waldemar Bastos marca presença em Águeda (19 julho) e Estarreja (20 julho). Para encerrar esta edição do Festim, está prometido um verdadeiro banquete de música de dança, servido do palco à plateia, com o sírio Omar Souleyman em Águeda (26 julho).
 
Numa parceria intermunicipal, iniciativa da d’Orfeu AC, que envolve os Municípios de Águeda, Albergaria-a-Velha, Sever do Vouga, Estarreja, Ílhavo e Oliveira de Azeméis, juntamente com o apoio oficial do Ministério da Cultura / Direção-Geral das Artes, o Festim é o único festival português a integrar a rede europeia “European Forum of Worldwide Music Festivals” e recebeu, pela segunda vez, o selo de qualidade EFFE - Europe for Festivals, Festivals for Europe.
 
De 22 de junho a 26 de julho, celebremos a 10ª edição do Festim!


Toda a informação em:
http://www.festim.pt

Acompanha o Festim no Facebook:
http://www.facebook.com/dorfeu.festim