Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Raiva estreia nos cinemas a 31 de Outubro

BASEADO NO CLÁSSICO DE MANUEL DA FONSECA ‘SEARA DO VENTO’ 

‘RAIVA’ - Um conto negro sobre o abuso e a revolta – ESTREIA A 31 DE OUTUBRO

c40edc3c-2c72-4df7-ad0d-73f11121e7e1.jpeg

 

RAIVA, a adaptação pelo realizador Sérgio Tréfaut do clássico da literatura portuguesa do século XX, ‘Seara de Vento’ de Manuel da Fonseca, estreia nas salas de cinema nacionais a 31 de outubro.

Alentejo, 1950. Nos campos desertos do Sul de Portugal, fustigados pelo vento e pela fome, a violência explode de repente: vários assassinatos a sangue frio têm lugar numa só́ noite. Porquê? Qual a origem dos crimes? A história, decorrida 30 no Alentejo relata os acontecimentos que levaram um camponês pobre a assassinar dois homens a sangue frio e afrontar sozinho a guarda e o exército numa luta desigual.

Rodado inteiramente no Alentejo, RAIVA conta com as interpretações de Isabel RuthLeonor SilveiraLuís Miguel CintraJosé Pinto, Adriano LuzKaio CesarDiogo DóriaCatarina Wallenstein Rogério Samora. O filme conta ainda com as participações especiais do catalão Sergi López, no papel do contrabandista, e de Herman José, no papel de padre. Destaque ainda para a participação de Lia Gama, num papel que serve de homenagem a Nicolau Breyner, que integrava o elenco original do filme, mas que acabaria por falecer na véspera das filmagens. 

O filme é protagonizado por um não-ator, Hugo Bentes, natural de Serpa, escolhido pela proximidade que tem com a história, com a região, e sobretudo pelo orgulho com que encarna a personagem. Hugo Bentes foi jogador de futebol, tem preparação militar, é músico e faz parte de grupos corais alentejanos. Participou como cantor no documentário Alentejo, Alentejo de Sérgio Tréfaut. 

Conhecido sobretudo pelo trabalho em documentário, Sérgio Tréfaut assina com RAIVA a sua segunda longa metragem de ficção. Um trabalho a preto-e-branco, que assume claramente uma dimensão teatral, não naturalista e de homenagem ao antigo cinema mudo. 

O filme estreou no Festival Internacional de Cinema de Moscovo, onde arrecadou dois prémios (Júri Internacional e Imprensa Independente) e encerrou a edição 2018 do IndieLisboa, integrando ainda a seleção oficial do Filmfest Munchen, do Festival de Cinema Europeu de Sevilha e da Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, entre outros. Recebeu ainda o prémio do público no Festival Transfronteira Periferias (Portugal-Espanha).

Depois de Portugal, RAIVA estreia comercialmente em dezembro, no Brasil.

O QUEBRA-NOZES E OS QUATRO REINOS | DESCRIÇÃO DOS REGENTES DOS QUATRO REINOS | NOS CINEMAS A 31 DE OUTUBRO

d5585033-cbf0-4666-a1dc-88704ed2aa98.jpg

 

DESCRIÇÃO DOS LÍDERES DOS QUATRO REINOS

A Fada do Açúcar é a regente da Terra dos Doces, a Mãe Ruiva é a tirana do Quarto Reino, Hawthorne é o da Terra das Flores e Shiver o da Terra dos Flocos de Neve

O QUEBRA-NOZES E OS QUATRO REINOS estreia nos cinemas a

31 de outubro de 2018, na versão legendada e dobrada

 

 

2d69db9f-0f01-4f28-8579-59262da8fc6b.png

 

O QUEBRA-NOZES E OS QUATRO REINOS | DESCRIÇÃO DE PERSONAGENS | NOS CINEMAS A 31 DE OUTUBRO

d5585033-cbf0-4666-a1dc-88704ed2aa98.jpg

 

DESCRIÇÃO DAS PERSONAGENS

Capitão Phillip Hoffman, Cavalier, Harlequin, Princesa Ballerina, Sweet Cavalier, Mouserinks e Rei dos Ratos

O QUEBRA-NOZES E OS QUATRO REINOS estreia nos cinemas a

31 de outubro de 2018, na versão legendada e dobrada

99e34dc6-1ebf-4acb-ba0e-c95b6f84e177.jpg

Já está disponível a descrição de várias personagens de O QUEBRA-NOZES E OS QUATRO REINOS, da Disney.
 

O CAPITÃO PHILLIP HOFFMAN (Jayden Fowora-Knight) é um soldado nobre e leal. É o único Quebra-Nozes dos Quatro Reinos, faz parte da elite mas é humilde, tendo dedicado a sua vida a servir o reino. Phillip guarda um importante posto militar perto da fronteira entre o nosso mundo e o dos reinos, sem outra companhia que não a do seu cavalo, Jingles. O Capitão é devoto ao seu trabalho, suportando a sua solidão sem queixas. Mas, quando Clara chega e tem de enfrentar uma missão nunca antes imaginada, Phillip sente-se na obrigação de a ajudar. A sua amizade irá revelar-se uma grande surpresa.

CAVALIER (Omid Djalili) é um guarda do palácio desastrado e algo pomposo. Trabalhando com o seu amigo e também guarda, Harlequin, Cavalier quer ser bravo, mas o seu lado convencido e obediente face aos protocolos mascaram o medo que tem dos perigos do Quarto Reino.

HARLEQUIN (Jack Whitehall) é um guarda do palácio sarcástico, que vigia a ponte para o palácio com Cavalier. Harlequin desfruta de todos os momentos de autoridade que tem. Não é um grande lutador, recorrendo a piadas secas para o ajudar em situações tensas.

A PRINCESA BALLERINA (Misty Copeland) é a estrela do concurso de ballet realizado para Clara, que conta a história dos Quatro Reinos através da dança, deixando Clara encantada e boquiaberta.

SWEET CAVALIER (Sergei Polunin) é uma das estrelas do concurso de ballet realizado para Clara, que conta a história dos Quatro Reinos.

MOUSERINKS é um rato problemático, com uma cicatriz, que rouba a chave que Clara tanto precisa. Líder de um exército de ratos, Mouserinks é um escumalha atrevido e um soldado leal da Mãe Ruiva. Mouserinks é muitas vezes apanhado nas sombras a espiar para a sua regente.

O REI DOS RATOS é uma presença misteriosa e monstruosa escondida no Quarto Reino. Feito de 60.000 ratos, o Rei dos Ratos é o tenente mais temível da Mãe Ruiva. Criado unicamente por CG, o Rei dos Ratos movimenta-se de uma maneira bastante única. 

O QUEBRA-NOZES E OS QUATRO REINOS estreia nos cinemas portugueses a 31 de outubro de 2018, na versão legendada e dobrada.

O QUEBRA-NOZES E OS QUATRO REINOS | DESCRIÇÃO DA FAMÍLIA STAHLBAUM | NOS CINEMAS A 31 DE OUTUBRO

d5585033-cbf0-4666-a1dc-88704ed2aa98.jpg

 

 

DESCRIÇÃO DA FAMÍLIA STAHLBAUM

Clara, Sr. Stahlbaum, Louise, Fritz e Drosselmeyer são alguns dos protagonistas desta história

O QUEBRA-NOZES E OS QUATRO REINOS estreia nos cinemas a

31 de outubro de 2018, na versão legendada e dobrada

714dc529-bea2-4aa9-a61a-977b1512cfe1.png

Descubra mais sobre os elementos da família Stahlbaum, onde se inclui Clara, a protagonista da adaptação em imagem real do conto clássico da Disney, O QUEBRA-NOZES E OS QUATRO REINOS.
 

CLARA STAHLBAUM (Mackenzie Foy) é curiosa e inteligente. É uma verdadeira inventora em crescimento. Mas, com a recente perda da Mãe, sente-se um pouco perdida. Refugia-se no sótão, onde realiza experiências científicas e estuda qualquer mecanismo que lhe apareça à frente, não estando interessada em qualquer tipo de socialização, uma atitude que tem vindo a prejudicar a sua relação com o pai. Quando recebe um presente da sua falecida mãe, Clara é transportada para uma fantástica aventura.
 
SR. STAHLBAUM (Matthew Macfadyen) é um pai rigoroso e algo distante, que parece mais preocupado em manter as aparências em vez de se preocupar com os filhos. Na realidade, é um homem bondoso, que perdeu a mulher que tanto amava. Incapaz de lidar com a situação, tenta manter a atitude arrogante da era Vitoriana e tenta continuar com a sua vida normal, criando um conflito com a sua filha mais nova.
 
LOUISE STAHLBAUM (Ellie Bamber) é a irmã mais velha de Clara, que tenta alegrar a família. Prestes a entrar na idade adulta, Louise é elegante, confiante e tudo o que se pode esperar de uma jovem senhora Vitoriana. A Mãe Marie viu claramente a beleza em Louise, por dentro e por fora, deixando-lhe o seu vestido favorito. O modelo é único e Louise parece tal e qual a mãe quando o usa.
 
FRITZ STAHLBAUM (Thomas Sweet) é o filho mais novo dos Stahlbaum. Precoce e cheio de energia, Fritz é um grande fã da época natalícia e dos brinquedos e doces que ela traz. É provável que ele seja o maior fã de Clara, ajudando-a por vezes com as suas experiências. O seu entusiasmo é bem-vindo, mesmo que a sua ocasional falta de maneiras não seja.
 
DROSSELMEYER (Morgan Freeman) é o padrinho sábio e enigmático de Clara. Um abastado viajante do mundo, colecionador de raridades e um homem da ciência, portador de um coração generoso, demonstrado pelas elaboradas caças ao tesouro de presentes que encena para as crianças no seu baile de Natal anual. Drosselmeyer tem um carinho especial por Clara, porque ela é a mais parecida com a sua mãe, Marie, que Drosselmeyer criou quando ficou órfã em criança. Marie confiou em Drosselmeyer para ajudar Clara na sua viagem pelos Quatro Reinos, um papel que ele leva muito a sério.

O QUEBRA-NOZES E OS QUATRO REINOS estreia nos cinemas portugueses a 31 de outubro de 2018, na versão legendada e dobrada.

 

Já estão abertas as inscrições para o Prémio Sophia Estudante 2018

5ª edição

 

 

Começou oficialmente a época de candidaturas ao Prémio Sophia Estudante 2018, que terá lugar no dia 13 de dezembro, pela primeira vez no Porto, no Teatro Municipal Rivoli. Os Prémios Sophia Estudante, uma cerimónia promovida pela Academia Portuguesa de Cinema, com o apoio do Instituto do Cinema e Audiovisual (ICA) e no âmbito da promoção do cinema estudantil, distinguem curtas-metragens realizadas por alunos de estabelecimentos do ensino superior e técnico em Portugal.

Através do site da Academia Portuguesa de Cinema (www.academiadecinema.pt/sophia-estudante/8252-2/), os estudantes podem inscrever-se até ao dia 2 de novembro, enviando duas obras, com a duração máxima de 20 minutos, para cada uma das seguintes categorias: Ficção, Documentário, Animação e Experimental. Este ano, pela primeira vez, será também entregue o Prémio Sophia Estudante para Melhor Cartaz.

No dia 2 de novembro serão revelados os nomeados e no dia 13 de dezembro serão conhecidos os três primeiros classificados para cada uma das categorias identificadas, que receberão um certificado. O primeiro lugar de cada categoria também recebe um troféu Sophia Estudante.

Todos os premiados de dia 13 de dezembro ficam ainda apurados para a primeira triagem do Júri dos Prémios Sophia e quatro deles serão escolhidos como nomeados na Cerimónia dos Prémios Sophia, a acontecer em Março de 2019. A curta-metragem vencedora do primeiro lugar é premiada com cinco mil euros pela NOS, com material de iluminação pela Cinemate e com material de imagem pela PLANAR, para a produção de uma nova curta-metragem.

A quinta edição dos Sophia Estudante contará com duas masterclasses acerca da temática “O Som no Cinema”. A primeira será dada por Nelson Ferreira, o editor de som lusodescendente nomeado aos Óscares de 2018 na categoria de Melhor Edição de Som pelo filme “A Forma da Água”. Além desta obra-prima de Guillermo del Toro, Nelson já tinha trabalhado em produções de nomes tão sonantes como Aaron Sorkin, Darren Aronofsky ou Peter Bogdanovich.

Já a segunda masterclass ficará a cargo de Tom Fleishman, Misturador de Som (re-recording mixer) nova-iorquino já cinco vezes nomeado aos Óscares e vencedor da edição de 2012 na categoria de Melhor Edição de Som pelo filme “A Invenção de Hugo”, de Martin Scorsese. Os dois artistas partilharão os seus conhecimentos com todos os estudantes que se queiram inscrever nas palestras.

 

Para mais informações, consulte o regulamento em www.academiadecinema.pt/sophia-estudante/regulamento-sophia-estudante/

 

Festa do Cinema regressa às salas nacionais de 22 a 24 de outubro

Festa do Cinema regressa às salas nacionais de 22 a 24 de outubro

Filmes a 2,5€ em todo o país

 

Festa do Cinema 2018-03.jpg

 

Nos dias 22, 23 e 24 de outubro, os entusiastas da sétima arte vão poder assistir a um total de 10 mil sessões de cinema com bilhetes a 2,5€* em todas as salas do país, na quarta edição da Festa do Cinema, uma iniciativa da APEC - Associação Portuguesa de Empresas Cinematográficas, e o ICA - Instituto do Cinema e do Audiovisual, em parceria com os distribuidores de conteúdos audiovisuais portugueses.

 

Pelo quarto ano consecutivo o maior evento cinematográfico organizado em Portugal, e que só em 2017 atraiu mais de 217 mil espectadores, regressa a dezenas de cidades e centenas de salas com os melhores filmes nacionais e internacionais, num total de 94 mil lugares disponíveis.

A Festa do Cinema vai realizar-se pela primeira vez no Outono e junta cineclubes, auditórios e salas de cinema numa celebração do grande ecrã que pretende trazer novos públicos ao cinema e incentivar os visitantes regulares a assistir a mais filmes.

 

Todas as novidades da Festa do Cinema 2018 estão disponíveis através do site oficial e das páginas no Facebook, Instagram, Twitter e Youtube.

 

Festival Bang Awards- Cinema de Animação - 12 e 13 outubro - Torres Vedras

CartazBangAwards.jpg

 Destaque para o Cinema ao livre, presença do artista Matthew Watkins e realizadores David Doutel e Vasco Sá,  para apresentação do novo filme “Agouro”, vencedores da terceira edição do Festival com o filme “Fuligem” e para a sessão de homenagem aos 100 anos da animação brasileira com a curadoria do produtor brasileiro Marcelo Marão.

Festa do Cinema Italiano pela primeira vez em Angra do Heroísmo: 18 - 21 outubro

Festa do Cinema Italiano
pela primeira vez em Angra do Heroísmo
de 18 a 21 de outubro

 

Em 2018 é celebrada a 11ª edição da Festa do Cinema Italiano que se realiza, este ano em 17 cidades portuguesas , além de outros países lusófonos tais como Angola, Moçambique e Brasil.

De 18 a 21 outubro a Festa do Cinema Italiano está pela primeira vez em Angra do Heroísmo. Quatro dias com o melhor cinema italiano: novidades, clássicos, antestreias, cinema para crianças e aulas de Italiano no Centro Cultural e Congressos.

A sessão de abertura é na quinta-feira dia 18 às 21h00, com The Place, último filme de Paolo Genovese que, depois do sucesso internacional de Perfetti sconosciuti (Amigos, Amigos, Telemóveis à Parte), volta a explorar com este empolgante drama o lado oculto da alma humana, os seus segredos mas também os seus inesperados recursos

No dia 19, 10h30 de manhã, é a vez de os mais pequenos irem à sala assistir às aventuras dos simpatiquíssimos Pipì, Pupù e Rosmarina que têm de descobrir quem roubou as notas musicais para o Grande Concerto de 15 de Agosto! Pipì, Pupù e Rosmarina e o Mistério das Notas Roubadas é a mais recente obra de Enzo d’Alò, o autor do famoso O Gato que Ensinou a Gaivota a Voar.

Às 21h00 a última estreia cinematográfica da Festa: Em Guerra por Amor, do conhecido humorista Pif: uma divertida história de amor em tempos de guerra e sobretudo uma irónica e inteligente reflexão sobre a máfia na sua amada terra: a Sicília.

No dia 20, às 16h00 Italiano per principianti: todos a aprender o bê-á-bá da língua italiana! A Festa proporciona uma aula aberta de língua italiana com um professor do Instituto Italiano de Cultura.

Segue às 18h00 o filme que abriu o festival em Lisboa: O Fantasma da Sicília: filme de abertura da Semaine de la Critique no Festival de Cannes o novo surpreendente trabalho de uma dupla de realizadores que já ganhou o Grande Prémio da mesma selecção em 2013. Mais uma reflexão sobre como a máfia actua no sul da Itália, desta vez a partir de um facto verídico: um caso que chocou a opinião pública italiana nos anos 90 é uma fábula romântica no mundo implacável da máfia italiana.

Às 21h00 Cá Por Casa Tudo Bem o último filme do Gabriele Muccino (À Procura da Felicidade, O Último Beijo): uma família inteira encontra-se na maravilhosa ilha de Ischia, em Nápoles para as bodas de ouro de Pietro e Alba, mas quando uma tempestade bloqueia o grupo na ilha, os rancores e as hipocrisias escondidas durante muitos anos emergem de forma imprevista.

No domingo dia 21, para os mais pequenos, o encontro está marcado no CCC, às 14h00, para um atelier com curtas de animação e divertidas atividades!

A seguir, às 16h00, um dos maiores artistas da arte renascentista italiana é apresentado numa versão inédita no filme Raffaello - o príncipe das artes: uma digressão pelo trabalho do pintor Raffaello Sanzio (1483-1520) contada através de múltiplos pontos de vista exclusivos e inéditos. Um ocasião única de ver a grande arte italiana no ecrã!

Às 18h30 é a vez de um dos maiores clássicos do cinema italiano de sempre: Cinema Paraíso, o filme da vida para mais de uma geração; uma história comovedora e inesquecível acerca da magia do cinema, que nos fará rir e chorar mais uma vez na sala de cinema.

O encerramento será às 21h00 com uma recente estreia nas salas portuguesas: A Rapariga no Nevoeiro, primeira obra cinematográfica de Donato Carrisi, um dos escritores italianos de policiais mais conhecidos internacionalmente. É um thriller de grandes ambições com uma realização soberba e um elenco notável (Toni Servillo e Jean Reno).

Segundo a organização, “um dos objetivos para este ano está, para já, cumprido: o aumento significativo do número de cidades em Portugal e em países lusófonos, onde estaremos presentes graças à colaboração dos nossos patrocinadores e aos apoios locais e municipais. Estamos muito satisfeitos com a programação da Festa do Cinema Italiano deste ano e esperamos ir ao encontro das expetativas do público de Angra do Heroísmo que, com certeza, nos irá receber muito bem”.

A programação pode ser consultada no site www.festadocinemaitaliano.com e na página de Facebook (facebook.com/festadocinemaitaliano).

Festa do Cinema Italiano em Angra do Heroísmo é organizada pela Associação Il Sorpasso, com o apoio da Câmara Municipal de Angra do Heroísmo, e com o apoio do Ministero per i beni e le attività culturali italiano, Luce-Cinecittà, e o patrocínio principal da Pasta Garofalo.