Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Palmela organiza a Conferência “O Consumidor no Séc. XXI”

 

No próximo dia 13 de dezembro, com início às 09h30, realizar-se-á, no auditório da Biblioteca Municipal de Palmela, a Conferência “O Consumidor no Séc. XXI: Literacia Digital e os Direitos dos Consumidores”. A entrada é livre mediante inscrição.

 

Organizada pelo Município de Palmela, esta iniciativa conta com a parceria da Direção-Geral do Consumidor, da Área Metropolitana de Lisboa, da Associação de Municípios da Região de Setúbal e da DECO.

 

As políticas de defesa dos consumidores, o perfil do/a consumidor/a do séx. XXI, literacia digital, segurança e proteção de dados são alguns dos temas em destaque nesta Conferência que pretende esclarecer e informar as/os cidadãs/ãos sobre esta matéria.

 

Para além dos desafios que a nova década trará para as/os consumidoras/es, ao longo do dia, as/os participantes poderão adquirir mais conhecimento sobre o papel das estruturas governativas e administrativas na defesa dos consumidores, quais as estruturas legais e informais existentes no território com atuação neste domínio e que boas práticas podemos esperar quer dos agentes económicos, quer dos consumidores em Portugal.

 

As /os interessadas/os devem formalizar a sua inscrição através de www.cm-palmela.pt.

 

Para mais informações: apoio.consumidor@cm-palmela.pt

Programa:

 

09:30 | Registo e acolhimento dos participantes

10:00 | Sessão de abertura

Presidente da Câmara Municipal de Palmela – Álvaro Balseiro Amaro

Secretário de Estado do Comércio, Serviços e Defesa doConsumidor – João Torres

10:20 | Pausa para Café

10:40 | “As Politicas de Defesa do Consumidor no séc. XXI”

            Diretora-Geral do Consumidor – Ana Catarina Fonseca

                        10:55 | Painel I – As políticas de Defesa dos Consumidores no Séc. XXI

Moderadora da mesa redonda: Sónia Lapa Passos – Direção Geral do Consumidor

Julgado de Paz de Seixal – Carlos Ferreira

Centro de Arbitragem de Lisboa – Isabel Cabeçadas

DECO - Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor – Ana Tapadinhas

11:50 | “O perfil do consumidor no Séc. XXI”

Diretor da Nova Consumer Lab, da Universidade Nova de Lisboa

Jorge Morais Carvalho

12:10 | Debate

12:30 | Almoço Livre

14:00 | Conferência Satélite – A Inteligência das coisas: Click2Care

 Tecnologias Imaginadas – Tiago Luis

14:10 | Painel II - Literacia Digital e o Consumidor

Moderador: Francisco Alves Rito

Centro Nacional de Cibersegurança – Gonçalo Sousa

Associação para a Promoção da Segurança Infantil – Sandra Nascimento

Aluna da Escola Secundária de Palmela – Rita Sesinando

15:00 | Debate

15:20 | Pausa para café

15:30 | Conferência Satélite – Segurança do Consumidor e a Proteção de Dados –

Centro Nacional de Cibersegurança - Gonçalo Sousa

15:50 | Painel III – Os Direitos dos Consumidores e o Comércio em Linha

Moderador: Ordem dos Advogados de Palmela – Eduardo Ferro

DECO - Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor – Luis Pisco

Centro Europeu do Consumidor – Natália Leite

Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra – Sandra Passinhas

16:40 | Debate

17:00 | Conferência satélite – Literacia Digital – Case Study

Tecnologias Imaginadas – Tiago Luis e Olivio Pereira

17:20 | Conclusões e Encerramento

Câmara Municipal de Palmela – Vereador Luís Miguel Calha

 

 

 

O impacto do Reiki na cultura japonesa em discussão no Museu do Oriente

Foto Rika Tanaka, Dai-Shihan.jpg

 

Conferência com Rika Tanaka

 

A cultura ancestral japonesa e o seu contacto directo com a história e prática clínica do Reiki é o tema da conferência que o Museu do Oriente organiza no dia 13 de Dezembro, às 19.00, com entrada gratuita.

 

A sessão é orientada pela Dai-Shihan Rika Tanaka, presidente da International Jikiden Reiki Association e professora do Instituto Jikiden Reiki em Quioto, no Japão. O Instituto Jikiden Reiki representa o Reiki directamente ensinado desde a sua origem, pelos mestres Usui Mikao Sensei, Hayashi Chujiro Sensei e Yamaguchi Chiyoko Sensei, até ao Sensei na actualidade, Yamaguchi Tadao Sensei.

 

A conferência terá tradução simultânea para português.

 

Conferência

Reiki: simplicidade a partir da origem. Cultura japonesa, prática clínica, filosofia reiki.

13 de Dezembro

19.00

Entrada gratuita, mediante levantamento prévio de bilhete no próprio dia

 

Macau 20 Anos | 5 de Novembro a 19 de Dezembro | Museu do Oriente | Gratuito

Macau_20anos_concerto5-min.JPG

 

Fundação Oriente assinala 20 anos da transferência da administração de Macau para a China

 

Uma jornada literária, sessões de cinema, espectáculos musicais, conferências e mesas-redondas com personalidades que dão a conhecer a sua vivência, experiência e conhecimento do território, são as iniciativas que, de 5 de Novembro a 19 de Dezembro, integram o programa comemorativo do 20º aniversário da transferência da administração de Macau para a China, no Museu do Oriente.

 

“Literaturas de Macau pós-1999” marca o arranque das celebrações com uma jornada literária, no dia 5 de Novembro, que reúne escritores e críticos numa análise e leituras evocativas dos imaginários de Macau e seus autores de línguas portuguesa, inglesa e chinesa.

 

A 29 de Novembro, com a participação de personalidades de áreas tão distintas como a História, a Economia, as Artes Plásticas e o Jornalismo, a conferência “Macau 2019 – 20 Anos Depois da Transferência de Poderes” partilha testemunhos diretos deste momento histórico, sendo procedida da exibição da longa-metragem do realizador Carlos Fraga, “Macau 20 Anos Depois – Testemunhos e Percepções da Matriz Lusófona sobre o Contexto da RAEM – Presente e Futuro”.

 

O mês de Dezembro inicia-se com a mesa-redonda “Identidade Macaense: Que Futuro?”, no dia 6, para discutir reflexões e pontos de vista da comunidade macaense sobre o seu futuro.

 

O domingo, 8 de Dezembro, é dedicado ao cinema, com a exibição de O Som do Bambu, de Javier Martinez (legendado em português e mandarim) e Cidade Ecrã, de Rui Filipe Torres (legendado em inglês). Ambas as sessões são de entrada gratuita, mediante levantamento de bilhete no próprio dia.

 

A música macaense sobe ao palco do Auditório do Museu do Oriente a 13 de Dezembro, com o espectáculo “Macau/RAEM 20 Anos/20 Poemas/20 Canções”, do Duo A Outra Banda e Amigos, em celebração dos afectos e das memórias que unem portugueses e macaenses em torno da terra que continuam a adoptar como sua e da singularidade que esta oferece a quem nela vive ou a visita.  A 19 de Dezembro, é a vez do Trio Sunny Side Up dar voz a “Tributo a Macau 2”.

 

Macau é uma das regiões administrativas especiais da República Popular da China, desde 20 de Dezembro de 1999. A Fundação Oriente, através da sua delegação em Macau, contribui para o ensino da língua portuguesa e o intercâmbio cultural, social e educativo. O centro das suas actividades é a Casa Garden, um dos mais notáveis exemplares do património arquitectónico macaense de raiz europeia, que dispõe de uma galeria de exposições temporárias e um auditório destinado a conferências e espectáculos culturais de música, cinema e teatro.

 

Macau 20 Anos | 29 de Novembro | Museu do Oriente | Gratuito

 

Conferência e filme debatem Macau depois da transferência de poderes

 

Vinte anos depois da transferência da administração de Macau para a China, a Fundação Oriente convida um painel de especialistas para discutir a nova realidade deste território, numa conferência que se realiza no Museu do Oriente, na manhã de 29 de Novembro. No mesmo dia é exibido o filme “Macau 20 Anos Depois”, de Carlos Fraga, às 18.00. Ambas as iniciativas têm entrada livre.

 

“Macau 2019 - 20 anos depois da transferência de poderes” reúne personalidades de áreas como a História, Economia, Artes Plásticas e Jornalismo, para darem a conhecer a sua vivência, experiência e conhecimento do território. Num balanço informado, despojado de nostalgias e orientado para o futuro, as duas mesas-redondas, moderadas por Jorge Santos Alves (Universidade Católica Portuguesa), realizam-se entre as 10.00 e as 13.00 e são subordinadas aos temas “Macau, a OBOR e a Grande Baía” e “Macau, Patrimónios e Novos Públicos/ Mercados Culturais”.

 

No Auditório do Museu do Oriente, a partir das 18.00, é exibida a longa-metragem de Carlos Fraga, “Macau 20 Anos Depois - Testemunhos e Percepções da Matriz Lusófona sobre o Contexto da RAEM”, um olhar sobre uma Macau chinesa onde a cultura portuguesa se faz sentir e continua a marcar presença, numa viagem pela fascinante multiculturalidade que a define e diferencia de todas as demais cidades chinesas.

 

Ambas as iniciativas integram o programa comemorativo do 20º aniversário da transferência da administração de Macau para a China, que a Fundação Oriente organiza até ao final do ano no Museu do Oriente.

 

Programa Comemorativo Macau 20 Anos

 

Conferência “Macau 2019 – 20 Anos Depois da Transferência de Poderes”

29 de Novembro

10.00-13.00

Entrada gratuita

 

Programa

 

10.00 – 11.15 | Mesa Redonda 1. Macau, a OBOR e a Grande Baía
Moderação Jorge Santos Alves (Universidade Católica Portuguesa) | Participantes João Amorim (Fundação Oriente), Carlos Gaspar (IPRI, Universidade Nova de Lisboa), Leonídio Paulo Ferreira (Diário de Notícias), Un I Wong (Morais Leitão & Associados)

11.45 – 13.00 | Mesa Redonda 2. Macau, Patrimónios e Novos Públicos/Mercados Culturais
Moderação Jorge Santos Alves (Universidade Católica Portuguesa) | Participantes Rui Simões (Instituto Politécnico de Lisboa), Hélder Beja (Capítulo Oriental - Agência Literária e Editora), Anabela Antunes e Pedro Reigadas (Galeria Arte Periférica, Lisboa)

 

Exibição do filme “Macau 20 Anos Depois - Testemunhos e Percepções da Matriz Lusófona sobre o Contexto da RAEM - Presente e Futuro”, de Carlos Fraga

29 de Novembro

Auditório

18.00

Duração: 94', sem intervalo
Entrada gratuita, mediante levantamento do bilhete no próprio dia

 

Metropolitana e Carlos Fiolhais em concerto/conferência no IPS

Carlos Fiolhais.jpg

 

 

O físico Carlos Fiolhais e o ensemble Percussões da Metropolitana vão estar no Instituto Politécnico de Setúbal (IPS) na próxima segunda-feira, dia 4 de novembro, para um concerto/conferência sobre a chegada do Homem à lua, no ano em que se celebra meio século do voo espacial Apollo 11. 

 

A iniciativa, com entrada livre, decorre pelas 15h00 no Auditório Nobre do IPS (edifício ESCE/ESS), integrando o ciclo “Música e Ciência”, que está a percorrer várias instituições de ensino superior em todo o País, numa organização do Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (MCTES), em parceria com a Orquestra Metropolitana de Lisboa (AMEC – Metropolitana).  

 

Sob direção musical de Marco Fernandes, as Percussões da Metropolitana apresentam no IPS a mais célebre composição do inglês Gustav Holst (1874-1934), a suite em sete andamentos que se dedica a cada um dos planetas do sistema solar conhecidos à época, além da Terra, e que, por isso, recebe o nome de “Os Planetas”. A transcrição para orquestra de percussão é de Scott Weatherson.

 

Antes, o professor universitário e ensaísta Carlos Fiolhais fará uma introdução à obra, que teve a sua primeira execução pública há precisamente um século e que terá ido buscar inspiração, não à astronomia, como seria de prever, mas à astrologia. O conferencista explicará também por que razão “Os Planetas” continuam a inspirar criadores até aos dias de hoje, do universo do rock até à banda sonora do filme de culto “Star Wars”.

 

 

--

Agenda cultural Roca Lisboa Gallery outubro 2019

 

//PRÉMIO VALMOR E MUNICIPAL DE ARQUITETURA – ARQUITETO LUÍS CRISTINO DA SILVA

10/10 | 18h30

Moderador: Pedro Novo, arquiteto

Organização: Pedro Novo Arquitectos

Colaboração: Roca e Roca Lisboa Gallery

O Prémio Valmor e Municipal de Arquitetura destaca as edificações consideradas um exemplo da arquitetura de excelência na cidade

de Lisboa e distingue de igual forma o arquiteto do edifício. Trata-se de uma abordagem conceptual a um dos mais prestigiados

prémios portugueses da arquitetura. Com a moderação do arquiteto Pedro Novo, esta sessão é dedicada à vida e obra do arquiteto

Luís Cristino da Silva. Diplomado pela Escola de Belas Artes de Lisboa em 1919, estudou em Paris entre 1920 e 1925. Fixou-se depois

em Lisboa, onde projetou alguns dos edifícios mais marcantes das décadas seguintes (entre eles, encontramos o Cineteatro Capitólio,

a entrada do Parque Mayer, o Liceu Nacional de Diogo de Gouveia, entre outros).

//Participação gratuita. Inscrições em breve.

 

//TRABALHO COLABORATIVO E INTERDISCIPLINAR EM BIM

17/10 | 18h00

Organização: Infor

Colaboração: Roca e Roca Lisboa Gallery

O BIM - Building Information Modeling - refere-se a um software de modelação 3D para arquitetura. Para além disso, é também uma

metodologia de projeto construtivo, que visa a criação de edifícios virtuais, com informação associada aos seus elementos constituintes.

//Participação gratuita. Inscrições em breve.

 

//WORKSHOP INTRODUÇÃO À HIDROPONIA

19/10 | 10h00 – 16h30

Formador: Estevão Anacleto, engenheiro ambiental, Presidente da Associação Portuguesa de Hidroponia, CEO e fundador da empresa

“GroHo Hidroponia” e da  “Campónio – Real Farm Experience”

Organização: GroHo

Colaboração: Roca e Roca Lisboa Gallery

Aprenda os conceitos básicos da Hidroponia, uma técnica de cultivar plantas sem solo, onde os elementos minerais essenciais para o

crescimento e o desenvolvimento das plantas são fornecidos através de uma solução nutritiva que fornece, na medida exata e de forma

constante, todos os nutrientes que os vegetais necessitam. Conhecer as diferentes técnicas de hidroponia; Como cultivar através das

principais técnicas; Conhecer as culturas, pragas e doenças; Como elaborar a solução nutritiva e controlar, são alguns dos tópicos

que irão ser abordados neste workshop.

//Participação gratuita. Inscrição obrigatória AQUI.

 

//DEBATE: A QUALIDADE DOS SERVIÇOS E AS ESPECIALIDADES DE ARQUITETURA

22/10 | 17h30

Programa:

* Abertura com José Manuel Pedreirinho, Presidente da Ordem dos Arquitectos e Maria João Graça, diretora do Instituto Português da

Qualidade;

* Apresentação da Norma, com Filipe Borges de Macedo, arquiteto;

* Debate moderado por Rui Florentino, arquiteto, que contará com o seguinte painel de oradores:

- José Castro Silva, Colégio de Gestão, Direção e Fiscalização de Obra;

- Diana Roth, Colégio do Património Arquitectónico;

José Veludo, Associação Portuguesa dos Arquitectos Paisagistas.

* Sessão de perguntas.

 

Organização: Ordem dos Arquitectos

Colaboração: Roca e Roca Lisboa Gallery

Pelo carácter generalista da sua profissão, os arquitetos exercem funções e atividades relevantes para o desenvolvimento económico

e social. Os serviços de arquitetura cobrem diferentes áreas, que interessa conhecer e divulgar publicamente. A Ordem dos Arquitectos

atualizou a norma dos serviços dos arquitetos e arquitetos paisagistas no âmbito da construção, em colaboração com a Associação

Portuguesa dos Arquitectos Paisagistas e outras instituições, no quadro do protocolo com o Instituto Português da Qualidade. Nesta

sessãoserá apresentado o trabalho realizado, abrindo a todos os interessados um debate alargado sobre as diferentes atividades e

especialidades do arquiteto.

//Participação gratuita. Inscrições em breve.

 

//CONFERÊNCIA “MUSEUMS. OR HOW TO EXPLORE YOUR CITY (LIKE A PRO)”

23/10 | 18h00

Moderador: Simon Scharf, empreendedor, profissional de Marketing e Comunicação

Oradores: Eden Flaherty, escritor para o website Atlas Lisboa e Pedro Matias, colaborador do serviço educativo do Museu da Presidência

Organização: LXMuseumQuest

Colaboração: Roca e Roca Lisboa Gallery

Descubra Lisboa através do mundo dos museus e das histórias escondidas nos objetos, sítios e pessoas.

Simon Scharf, já visitou mais museus em Lisboa do que qualquer outra pessoa e irá partilhar os seus conhecimentos e a sua visão

sobre esta forma de explorar uma cidade.

A sessão será moderada em inglês

//Participação gratuita. Inscrições em breve.

 

//AS NOVAS TECNOLOGIAS DIGITAIS NA ARQUITETURA E URBANISMO

24/10 | 18h30

Oradores: Helen Morais, arquiteta, mestre em arquitetura, estudante do 3.º ano do Doutoramento em Arquitetura na Universidade de

Lisboa e autora; Eduardo Morelli, mestre em Bancos de Dados, Chief Data Officer na Zoox Smart Data, autor de 4 livros

e 5 cursos online; Rodolfo J. Guilherme, arquiteto, consultor sénior para a América Latina na Bentley Systems e especialista em

soluções BIM.

Organização: Universidade de Lisboa, Faculdade de Arquitetura da Universidade de Lisboa; e CIAUD.

Colaboração: Roca e Roca Lisboa Gallery

Esta conferência tem como objetivo principal a disseminação do conhecimento científico de modo a promover o intercâmbio entre a

Universidade de Lisboa e as empresas privadas.Os temas que serão apresentados dizem respeito ao uso das novas e sofisticadas

ferramentas digitais em arquitetura e urbanismo, incluindo o projeto e a fabricação digital, a partir da visão multidisciplinar de três

profissionais experientes.

//Participação gratuita. Inscrições em breve.

image001.jpg

 

//MUNDO 4.0: CIDADES INTELIGENTES E SUSTENTÁVEIS – MOBILIDADE ELÉTRICA

30/10 | 18h00

Organização: KNX e Roca

Colaboração: Roca e Roca Lisboa Gallery

Conferência que abordará a temática da mobilidade elétrica, pensando no futuro sustentável das cidades.

//Participação gratuita. Inscrições em breve.

 

Outubro MAIOR valoriza papel das pessoas idosas na comunidade

Outubro MAIOR.jpg

 

A assinalar o Dia Internacional das Pessoas Idosas (1 de outubro), o Município de Palmela e os parceiros locais promovem o Outubro MAIOR - Mês das Pessoas Idosas, um mês recheado de atividades dirigidas à população +55 anos e às famílias.

O Chá Dançante, iniciativas sobre o Cartão Municipal Idade Maior + Perto, Yoga, um Ciclo de Miniconferências/debate e Oficinas, cinema, espetáculos musicais, uma exposição e a VI Feira Sénior de Palmelacompõem o programa.

O Outubro MAIOR - Mês das Pessoas Idosas tem vindo a ser realizado no âmbito das políticas locais promotoras do envelhecimento ativo e saudável e conforme os princípios do PEL - Projeto Educativo Local. A iniciativa tem privilegiado respostas integradas e novas oportunidades de participação dos adultos de mais idade e das famílias na vida da comunidade. Pretende reforçar o envelhecimento como uma oportunidade, um processo natural e um desafio que a todos diz respeito (indivíduos e organizações), valorizando o papel dos homens e das mulheres de mais idade na comunidade. O Outubro MAIOR integra a candidatura PRIA – Percursos em Rede para a Inclusão Ativa.

Mais informações e inscrição nas atividades através dos contactos deis.geral@cm-palmela.pt, 212 336 606 ou em www.cm-palmela.pt.

 

PROGRAMA

 

1 de outubro | 14h30 | Rancho Folclórico “Os Rurais” da Lagoa da Palha e Arredores

Palmela Chá Dançante 2019

“Um pé de dança e dois dedos de conversa” ao ritmo de valsas, rumbas, tango, chachachás e muitos outros

Destinatários: +55 anos

Inscrição prévia gratuita, obrigatória e limitada

Org.: Câmara Municipal de Palmela

Parceiros: Rancho Folclórico “Os Rurais” da Lagoa da Palha e Arredores e Palmela Desporto, EM

 

2 e 7 de outubro | 9h00 | Loja Móvel do Cidadão

Cartão Municipal Idade Maior + Perto

Conheça as vantagens do Cartão Municipal Idade Maior na Loja Móvel do Cidadão. Pode ainda aceder ao seu cartão e apresentar sugestões de melhoria (documentos necessários: Cartão do Cidadão ou Bilhete de Identidade e última declaração de rendimentos)

Circuitos: 2 de outubro - Carregueira e 7 de outubro - Cabanas

Destinatários: +55 anos

Org.: Câmara Municipal de Palmela

 

4 de outubro | 10h00 | Centro de Yoga de Quinta do Anjo

Yoga para Todas as Idades - Aula Aberta

Destinatários: +55 anos e jovens

Org.: Centro de Yoga de Quinta do Anjo

 

8 a 22 de outubro | 14h30

Idade+: Ciclo de Miniconferências/debate e Oficinas

Propostas que sublinham o direito à participação, à aprendizagem ao longo da vida, ao desenvolvimento sustentável e a ambientes confortáveis e em segurança em casa

Destinatários: +55 anos

Inscrição gratuita, obrigatória e limitada

Org.: Câmara Municipal de Palmela

 

8 de outubro | 14h30 | Espaço Fortuna - Artes e Ofícios, Quinta do Anjo

Visita com Memórias – Território Arrábida

Visita ao Espaço Fortuna

 

14 de outubro | 14h30 | Biblioteca Municipal de Palmela

“Chá de Memórias”

Uma infusão de desejos para maior consciência pela sustentabilidade ambiental

Atividade plástica reflexiva sobre a responsabilidade de todas/os para um futuro sustentável, dinamizada por “Entre Memórias - Educação Patrimonial Itinerante”

 

21 de outubro | 14h30 | Biblioteca Municipal de Palmela

“Voluntariado na Idade Maior” - Motivações, interesses e necessidades

Momento de discussão - voluntariado e cidadania ativa 55+ anos

Org.: Câmara Municipal de Palmela e Instituto Politécnico de Setúbal (IPS)*

*a confirmar

 

22 de outubro | 10h00 | Mercado Municipal de Pinhal Novo

“Ambientes + confortáveis e seguros em casa” - Serviço Municipal de Teleassistência

Câmara Municipal de Palmela e Serviço Teleassistência

 

11 de outubro | 14h30 | Cineteatro S. João, Palmela

Espetáculo das Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS)

Talentos na Idade Maior

Destinatários: população em geral

Org.: GIQE - Grupo Interinstitucional para as Questões do Envelhecimento

 

18 de outubro | 15h00 | Biblioteca Municipal de Palmela

23 de outubro | 15h00  | Auditório Municipal de Pinhal Novo

29 de outubro | 15h00 | Centro Cultural do Poceirão

Cine Gerações - “Pedro e Inês”

Pedro e Inês encontram e reencontram-se, vivendo uma das maiores histórias de amor em Portugal. Filme de 2018, realizado e produzido por António Ferreira, que é uma adaptação do romance de Rosa Lobato Faria “A Trança de Inês”

População-alvo: +55 anos e jovens

Org.: CineClube Odisseia / Associação Juvenil Odisseia

Apoio: Câmara Municipal de Palmela

 

22 e 23 de outubro | Mercado Municipal de Pinhal Novo

Exposição itinerante “Piscina Municipal de Palmela: 25 anos 1993-2018”

 

22 e 23 de outubro | 10h00-13h00 | Mercado Municipal de Pinhal Novo

VI Feira Sénior de Palmela

Org.: GIQE - Grupo Interinstitucional para as Questões do Envelhecimento

 

30 de outubro | 14h30 | Cineteatro S. João, Palmela

Musicando

Espetáculo musical: fado e música popular portuguesa

Transmissão direta em POPULARFM 90.9Mhz | www.popularfm.com

Inscrição prévia gratuita, obrigatória e limitada

Org.: Rádio PopularFM e Câmara Municipal de Palmela

Apoio: Restaurante “O Forno”

Museums. Or how to explore your city (like a pro) - 23 Outubro - Roca Lisboa Gallery

image001.png

 

Venha descobrir Lisboa através da perspetiva de Simon Scharf, cuja missão enquanto fundador do LX Museum Quest tem sido visitar todos os museus da cidade para assim conhecer as histórias por detrás dos objetos, lugares e pessoas.

 

A conferência ‘Museums. Or how to explore your city (like a pro)’ é organizada por Simon Scharf em colaboração com o Roca Lisboa Gallery e a Roca. Serão oradores Eden Flaherty, do Atlas Lisboa, e Pedro Matias, do Museu da Presidência.

 

Evento em inglês.

 

Entrada livre. Para participar basta responder a este email e fazer a inscrição aqui.

 

Alterações climáticas é tema de conferência em Loulé com Pedro Martins Barata

Pedro Barata.jpg

 

Pedro Martins Barata é o convidado da próxima conferência integrada no Ciclo “Horizontes do Futuro”, no dia 24 de outubro, pelas 21h30, no Salão Nobre dos Paços do Concelho de Loulé. Em destaque vai estar um tema que está na ordem do dia em todo o mundo e que faz parte da agenda da Câmara de Loulé, um dos municípios portugueses que mais tem acolhido esta matéria na sua ação: “Os desafios da mitigação e da adaptação às alterações climáticas”.

As alterações climáticas e a transição energética colocam desafios a todos os níveis da governação. Por um lado, a capacidade de “resolver” o problema das alterações climáticas é limitada a todos os níveis pela escala do problema. Por outro lado, a ubiquidade dos impactos e das causas das alterações climáticas implicam o repensar do nosso atual modelo social e económico, implicando mais do que reformas, revoluções em alguns dos sistemas que hoje temos como estáveis. Como exemplo, ao nível municipal: como será fornecida a energia; quais as implicações de um mundo com limites biofísicos à atividade económica, como determinar quem tem acesso aos recursos municipais, como financiar a necessária adaptação num mundo em que a base fiscal pode ser facilmente erodida… Inquietações (muitas), respostas (algumas).

Pedro Martins Barata é licenciado em Economia, pela Universidade Nova de Lisboa, e tem um mestrado em Economia, pela London School of Economics, onde se especializou em avaliação e política ambiental.

É CEO da GET2C e coordena a área de clima, consultoria estratégica, política, energia e carbono.

Tem mais de 20 anos de experiência em política climática e mercados de carbono, tendo exercido as funções de consultor regular do Banco Mundial, das Nações Unidas e Comissão Europeia na área da mitigação das alterações climáticas e de team leader em variados projetos de consultoria em geografias como Marrocos, Tunísia, Vietname, Costa Rica, Angola e Colômbia.

Foi membro e vice-presidente do Comité Executivo do Mecanismo de Desenvolvimento Limpo para o Protocolo de Quioto e vice-presidente do Painel de Metodologias onde participou na elaboração, aprovação e revisão de metodologias MDL para projetos de redução de emissões de gases de efeito de estufa (GEE).

Prestou assessoria política de clima ao Ministério do Ambiente de Portugal e foi membro da delegação portuguesa e europeia para a Convenção Quadro das Nações Unidas sobre as alterações climáticas em negociações europeias e das Nações Unidas.

É coordenador do Roteiro para a Neutralidade Carbónica em Portugal, projeto do Ministério do Ambiente e Transição Energética.

Foi consultor sénior de Política na Comissão Interministerial para as Alterações Climáticas do Ministério do Ambiente de Portugal, onde supervisionou o Roteiro Nacional de Baixo Carbono, a implementação de planos setoriais de mitigação de emissões de GEE e a participação do Governo Português em fundos internacionais de carbono.

Esta conferência tem entrada livre.

 

CML/GAP /RP

Conferência | Deuses Egípcios I - Osíris e Ísis

Terça, 24 de Setembro, 19h30
Fundição de Oeiras
(por detrás da Estação de C.F. Oeiras)

 

9dd1ccdd-5b31-45a9-9918-b97426a64cb0.jpg

 


Entrada livre mediante inscrição
no seguinte formulário: https://bit.ly/2lDjcIm


por José Carlos Fernandez
Escritor, investigador e Director Nacional da Nova Acrópole 
 

«Osíris e Ísis - Deuses principais que unificavam a religião egípcia, cujos hieróglifos eram o cubo da Natureza (Ísis) e o olho vigilante irradiando luz e consciência sobre a mesma (Osíris). Analisaremos os atributos de Osíris (os chamados «gancho» e «látego», a sua função na Pesagem da Alma e no Rito da Justificação. Os nomes de Osíris que depois vieram a influenciar os 72 nomes de Deus na religião hebraica. A sua função como Rei Justo e Bom Pastor, como civilizador e a sua relação com o trigo de Amenti e o terrestre, etc.

Veremos também os epítetos de Ísis como Mãe do Mundo, Senhora dos 7 Escorpiões, como a Natureza virgem e fecunda, como civilizadora, Senhora da Navegação, Vencedora do Destino, e um longo etc... incluídos os epítetos da aretologia de Cime.» (José Carlos Fernández)

 

CICLO DE CONFERÊNCIAS SOBRE OS DEUSES EGÍPCIOS


«A religião egípcia é de grande beleza e profundos significados. Frutos das Escolas de Mistérios, os seus símbolos velam ensinamentos sobre a Natureza, a Alma e a Vida, que mantêm toda a actualidade nos nossos dias. Certamente que o conhecemos não será praticamente nada em comparação com o que aprendia o mais humilde dos discípulos ou fiel destes cultos.

No entanto, podemos conhecer algumas coisas por analogia com outros simbolismos, pelos próprios textos egípcios e sobretudo pelo esforço dos filósofos gregos e das escolas neoplatónicas, e inclusivamente por certas tradições herméticas conservadas até aos nossos dias. Por exemplo: "Ísis sem Véu" de H. P. Blavatsky (1831-1891), pelos livros e conferências do Professor Jorge Ángel Livraga (1930-1991) e outros autores como Schwaller Lubicz (1887-1961).

Isto permite-nos não só penetrarmos na beleza dos seus mitos e símbolos, mas também extrair ensinamentos através da sua Filosofia e cosmovisão. Analisaremos também em cada um destes Deuses, os seus nomes, hieroglifos e epítetos, uma vez que em diferentes chaves cada um tem significados muito diferentes e complementares.» (José Carlos Fernández)

Sessões às terças, 19h30, na Fundição de Oeiras

1 - Osíris e Ísis (24/9/2019)
2 - Ptah e Sekhmet (12/11/2019)
3 - Hórus e Hathor
4 - Amon e Mut
5 - Kepher e Jepet
6 - Thot e Seshat
7 - Hapi e Maat
8 - Seth e Selkit
9 - Bes e Neith
10 - Anúbis e Neftis
11 - Montu e Mau (Bastek)
12 - Shu e Nuth
 

 *
 

  Próximas actividades 
 

"1ª aula livre | Curso de Filosofia Prática"

 01 de Outubro | 19h30 | Fundição de Oeiras

31c86266-8a3d-46a6-ab3a-735c23d9df5a.jpg

 

 

 

Inscrição no seguinte formulário: https://bit.ly/2JzjkCr

*

"Performance: «Viver os Símbolos» | na pintura de Lima de Freitas"

 04 de Outubro | 19h30 | Livraria-Galeria Municipal Verney

 

Inscrição no seguinte formulário: https://bit.ly/2kvlglG

*

Informações:
oeiras-cascais@nova-acropole.pt

963 925 758



Organização:
Nova Acrópole Oeiras-Cascais
Espaço Arkhé


Apoio:
Câmara Municipal de Oeiras