Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Feira de Agosto está de regresso a Grândola com cartaz de luxo - 22 a 26 de agosto - entrada gratuita

 

Dos lendários Xutos e Pontapés a um dos maiores sucessos da nova geração de música pop portuguesa, David Carreira, a maior festa de verão do litoral alentejano apresenta ainda o “Delfim” e “Resistente” Miguel Ângelo com a banda da Sociedade Musical Grandolense, a vibrante e contagiante Blaya e os sons dos DJ referência em Portugal: Mastiksoul, Dynamic Duo e Wilson Honrado.

David Carreira é o primeiro nome a subir ao palco principal da Feira para apresentação do álbum “7”. O seu último trabalho foi disco de Ouro em apenas 5 semanas e soma já mais de 30 milhões de visualizações nos seus singles.

Na sexta-feira, a noite é de dança com os ritmos de Dynamic Duo: DJ Cruzfader & Stikup. Em conjunto, os 2 turntablists contam com mais de 35 anos de experiência. Quando se juntam e formam o “Duo Dinâmico” a música ganha outra definição: sem estilos, sem rótulos, sem preconceitos!

A seguir o palco pertence ao DJ e produtor Mastiksoul. O artista, presença confirmada nos maiores e melhores eventos musicais nacionais e internacionais, é visto por muitos como uma verdadeira lenda da música de dança.

A noite termina com os ritmos de Wilson Honrado. DJ e uma das vozes mais conhecidas da rádio em Portugal tem uma capacidade rara de animar o público, com um mix musical eclético, onde não faltam os grandes êxitos do momento.

No sábado, a banda da Sociedade Musical Fraternidade Operária Grandolense (SMFOG), presença bianual na Feira de Agosto, convida Miguel Ângelo, um dos fundadores dos grupos “Delfins” e “Resistência” para um espetáculo musical com muitas surpresas.

Blaya, a primeira mulher portuguesa a atingir o número um no Spotify das 50 músicas mais tocadas em Portugal, promete pôr toda a gente a dançar no domingo à noite com um espetáculo que reúne grandes sucessos como “Faz Gostoso”, o primeiro single da cantora e um hit com mais de 29 milhões de plays no YouTube e líder dos tops de vendas e das plataformas de streaming.

Não necessitam de apresentação! Os “Xutos e Pontapés”, banda de rock portuguesa que move gerações, têm a seu cargo o concerto de encerramento da edição de 2019 do certame. Pela primeira vez, em Grândola, sem Zé Pedro, os “Xutos e Pontapés” prometem um espetáculo de temas de sucesso de 40 décadas “a dar no duro”.

De 22 a 26 de agosto a Feira de Agosto é ponto de paragem obrigatória e gratuita!

Warm Up AR PURO com atividades ao ar livre na costa atlântica de Grândola - 25 de maio

warm up carvalhal.jpg

warm up melides.jpg

 

No sábado que antecede a “Ar Puro, Feira da Caça, Pesca e atividades ao Ar Livre” o Município de Grândola promove um conjunto de atividades ao ar livre em Melides, Carvalhal e Tróia.

Vão ser 12 horas dedicadas ao desporto radical, de natureza e de lazer com Wakeboard, Meeting Surf / Bodyboard, Drop de Edge, Pesca em Kayak, Kitebuggy e carros à vela, Stand Up Paddle, Yoga e Papagaios estáticos e atividades de sensibilização ambiental: exibição de documentários, exposições, limpeza de praia e Ecointerventions e um Percurso Pedestre nas Ruínas de Tróia.

A edição da Feira dedicada aos segmentos da caça, da pesca e das atividades ao ar livre acontece nos dias 31 e 2 de Junho no Parque de Feiras e Exposições de Grândola.

33ª edição da Feira do Livro de Grândola - Certame abre portas ao público na próxima sexta-feira no Cineteatro grandolense

Promover Livros e Fomentar hábitos de Leitura

Feira do Livro - Programa.jpg

 

O Cineteatro Grandolense recebe a 33ª edição da Feira do Livro de Grândola que abre ao público na próxima sexta-feira, dia 10 de maio, às 18h, com centenas de livros que traduzem a participação de várias dezenas de editoras, numa edição que homenageia o escritor Fernando Namora, comemorando o centenário do seu nascimento, com um conjunto de iniciativas que assinalam a data.

 

Até 19 de maio, a Feira do Livro, uma das principais iniciativas de âmbito cultural da Câmara Municipal de Grândola, pretende promover os livros e fomentar hábitos de leitura, apresentado aos visitantes propostas que vão dos clássicos da literatura às mais recentes novidades do universo das letras. O certame proporciona a aquisição de livros a preços especiais, com um “Fundo de Catálogo” - edições mais antigas de alguns títulos – a preços mais reduzidos.

 

A 33ª edição da Feira do Livro de Grândola assinala o centenário do nascimento de Fernando Namora, com a realização no dia 12 às 16h do Colóquio “Retalhos da Vida de Um Escritor” com os convidados José Manuel Mendes, Presidente da Associação Portuguesa de Escritores e Fernando Teixeira Batista, autor da primeira tese de doutoramento sobre Fernando Namora. A seguir ao colóquio irá decorrer um “Lanche Namoriano” com a ementa criada a partir de referências encontradas na obra do autor.

 

A Feira do Livro apresenta um programa cultural paralelo, onde se destaca no dia 18, às 16h30, a apresentação do Livro “José Afonso, o Tempo e o Modo” de Alcides Bizarro, numa sessão que conta com a presença do autor a que se segue um espectáculo com o Ensemble da SMFOG – Música Velha que interpreta José Afonso e Carlos Paredes. No dia 19, o líder dos UHF, José Manuel Ribeiro, vai estar em Grândola para apresentar ao lado de Alcides Bizarro e Helena Pereira, o seu livro “És Meu, Disse Ela”.

 

A sessão de contos para crianças “Contos no Pátio”, as sessões de apresentação dos livros “Idade Moderna – Desconcerto do Mundo” de Leonor Fernandes, (Des)Emoções de Liliana Rodrigues, o Cine-Concerto “O Dia em que o Mar Voltou” de Miguel Gizzas, e o Ciclo ”Cinema e Literatura” com a exibição dos filmes “Se Esta Rua Falasse”, “Snu” “O Profeta” e “O Dia a Seguir” completam o programa da 33ª Feira do Livro.

 

A Feira do Livro e todas as iniciativas associadas têm entrada livre.

Horário da Feira do Livro:

2ª a 6ª feira das 09h30 às 20h

Sábados e Domingos das 11h às 20h

Grândola - Experimenta - Workshop de Pinturas Faciais - atividade gratuita

EXPERIMENTA - MAIO.jpg

 

 

No âmbito do “Experimenta – Workshops/Oficinas” O Município de Grândola promove no dia 3 de maio, um Workshop de Pinturas Faciais dinamizado por “O Mundo da Zingarela”. O Workshop que decorrerá no Estúdio Jovem das 19h às 21h, é limitado a 12 participantes com idade igual ou superior a 15 anos.

 

“Experimenta – Workshops/Oficinas” é um projecto do Município de Grândola que promove ao longo do ano um conjunto de workshops e oficinas sobre diferentes temáticas, envolvendo sempre que possível, dinamizadores e formadores do concelho. Enriquecimento individual, aprendizagem de novos conhecimentos, aprofundamento de áreas de interesse e a troca de experiências são objectivos.

*Inscrições gratuitas no Estúdio Jovem até 29 de abril: gab.jovem@cm-grandola.pt / 269 450 083

Grândola apresenta a Exposição "Alves Redol - Horizonte Revelado"

Exposição - Alves Redol.jpg

 

A exposição sobre a vida e obra de António Alves Redol (1911 - 1969) estará patente entre os dias 5 de Abril e 4 de Maio no Cineteatro Grandolense. Organizada pela Associação Promotora do Museu do Neo-Realismo e Câmara Municipal de Grândola, a inauguração na próxima sexta-feira, às 18h30, conta com a participação de António Mota Redol.

 

Alves Redol, escritor, cronista, contista, novelista, crítico de teatro, guionista para cinema, investigador e conferencista, é uma figura maior da cultura portuguesa pela dimensão, qualidade e versatilidade da sua obra. Com a publicação em 1939 do romance de estreia "Gaibéus",  Redol constituiu a referência inicial do movimento literário neorrealista em Portugal, que reuniu uma geração de escritores em torno do advento de uma consciência social e  intervenção cultural e política sobre as condições de vida dos camponeses  e a necessidade de transformação da sociedade pela  afirmação da dignidade do ser humano.

A Exposição dá  a conhecer uma visão alargada sobre aspetos centrais da sua vida pessoal e sobre o seu percurso literário, com destaque para um conjunto significativo de documentos essenciais para  se entender os valores e as ideias que marcaram grande parte do século XX em Portugal.

 

A Exposição "Alves Redol - Horizonte Revelado" integra o programa

das Comemorações dos 45 anos da Revolução de Abril na Vila Morena que vai decorrer ao longo de todo o mês com um programa preparado pelo Município de Grândola em parceria com as Juntas de Freguesia e o movimento Associativo.

UHF e STEREOSSAURO na noite de 24 de Abril em Grândola

Abril em Grândola, Vila Morena

Dá mais força à Liberdade

GRANDOLA Comemorações dos 45 anos do 25 de Abril

 

No ano em que se comemoram os 45 anos da revolução dos cravos e reafirmando a ligação da Grândola Vila Morena aos valores essenciais da liberdade, democracia e fraternidade o espectáculo dos UHF “40 anos numa noite” e Stereossauro são as apostas do Município de Grândola para a noite de 24 de abril.

 

“40 Anos numa noite” é o espectáculo que celebra quatro décadas  de UHF, a banda rock de Almada liderada por António Manuel Ribeiro. Sobem ao palco às 22h30 para revisitar os maiores sucessos como “Cavalos de Corrida” ou “Rua do Carmo” temas intemporais que cruzam gerações. Na Grândola, Vila Morena de Zeca Afonso, os UHF vão também tocar temas de “A Herança do Andarilho” o disco de 2018 inspirado na obra de José Afonso, o músico e poeta que ligou, para sempre, o nome de Grândola aos ideais de liberdade.

 

A seguir à meia-noite o palco ganha uma nova dimensão e recebe Stereossauro, o apaixonado pela reinvenção da música portuguesa que tem procurado encontrar novas coordenadas para apresentar a música de Zeca Afonso, Sérgio Godinho, Amália Rodrigues ou Carlos Paredes.

Stereossauro tem vindo a firmar um espaço único na música portuguesa e a alcançar conquistas ao lado do DJ Ride na dupla Beatbombers – juntos sagraram-se bicampeões mundiais de scratch pela IDA, em 2011 e 2016 e, em 2018, actuaram na grande final da Eurovisão que decorreu em Lisboa e foi transmitida para todo o mundo.

 

A Festa da Liberdade realiza-se no Parque de Feiras e Exposições a partir das 20h15 com animação de rua com a Fanfarra da Música Velha, a tradicional Corrida da Liberdade, a arruada da banda da SMFOG e o espectáculo de fogo de artificio piromosical às 00h20.

 

O Hastear da Bandeira com a participação da Banda da SMFOG, do corpo de Bombeiros Mistos e da Sociedade Columbófila de Grândola, a Sessão Solena Comemorativa dos 45 anos do 25 de Abril, e a Festa da Liberdade na Praça D. Jorge com as atuações do Grupo de Dança Típica da Queimada, Tuna da Universidade Sénior de Grândola, Grupo caminhando e cantando dos Caminheiros de Grândola, Grupo Coral do Programa Viver Solidário, Grupo Coral e Etnográfico de Grândola e Baile com Tozé Pratas e Dina Teresa são as principais iniciativas para o dia 25 de Abril.

Dia Mundial do Livro - Apresentação do livro "José Saramago: rota de vida - uma biografia"

José Saramago.jpg

 

O Município de Grândola irá apresentar no dia 23 de Abril às 18h, no Cineteatro Grandolense, com os objectivos de assinalar o Dia Mundial do Livro e promover hábitos de leitura, o livro José Saramago: rota de vida — uma biografia, o mais longo trabalho sobre o autor e a obra.

A apresentação e justo tributo ao Prémio Nobel da Literatura serão prestados pelo autor, Joaquim Vieira, jornalista, ensaísta e documentarista, com uma ampla obra em registo biográfico, havendo inclusivamente, em cinco anos, publicado as biografias de Álvaro Cunhal, Mário Soares, Francisco Pinto Balsemão e José Saramago, e o convidado Fernando Dacosta, galardoado escritor e jornalista-literário, colega e amigo de José Saramago.

Grândola » Colóquio: 50 anos da Crise Académica de Coimbra e movimentos estudantis

 

O Município de Grândola irá dedicar, no dia 14 de Abril às 16h, no Cineteatro Grandolense, um colóquio-debate à Crise Académica de Coimbra e aos movimentos estudantis, em contexto ditatorial e em democracia, com as participações de Albano Nunes, antigo dirigente estudantil, e de Rui Pato e Octávio Alexandrino, estudantes em Coimbra aquando da crise.

 

Há 50 anos, em 17 de Abril de 1969, na inauguração do Departamento de Matemática da Universidade de Coimbra, com as presenças do Presidente da República e do Ministro da Educação, quando a palavra foi negada a Alberto Martins, Presidente da Direcção Geral da Associação Académica, eclodiu a crise académica em Coimbra, à semelhança do que acontecera em Março de 62, quando a polícia de choque atacou com violência estudantes que manifestavam em Lisboa. Os estudantes fizeram greve e cerca de 87% faltou aos exames, o Ministro da Educação e o Reitor demitiram-se, Coimbra foi ocupada por forças da polícia e do exército, vários dirigentes académicos foram presos e outros tantos estudantes foram forçados a ir combater na Guerra do Ultramar. «Abril antes de Abril», assim designou Rui Namorado a crise universitária de Coimbra em 69, confirmando que, embora nesse ano “a briosa” tenha perdido a final da taça de futebol para o Benfica, os estudantes venceram.

O Colóquio integra o programa das Comemorações dos 45 anos do 25 de Abril que vão decorrer ao longo de todo o mês, reafirmando a ligação da Grândola Vila Morena aos valores essenciais da liberdade, da democracia e da fraternidade.

 

Grândola: "Vivam as Férias da Páscoa" programa de ocupação dos tempos livres para crianças e jovens começa hoje

VivamFérias  - Páscoa 2019.jpg

A elaboração da obra escultórica – Mega Cravo de Abril marca o arranque nesta segunda-feira do programa “Vivam as Férias da Páscoa”, promovido pelo Município de Grândola com o objectivo de oferecer uma resposta ao nível da ocupação dos tempos livres, durante as férias escolares, a crianças e  jovens com idade a partir dos 6 anos.

 

Visitas à Anta da Pedra Branca e às Cistas das Casas Velhas em Melides, ao Planetário, à Casa Museu Quinta Esperança em Cuba e às Ruinas Romanas de S. Cucufate em Vila de Frades, workshop de construção de instrumentos musicais feitos a partir de materiais reciclados, à descoberta de Abrantes (turismo juvenil), jogos tradicionais, hidroginástica, um percurso pela rotas das plantas comestíveis, atelier de doçaria, construção de caça sonhos a partir de lendas e cinema são atividades inseridas no “Vivam as Férias da Páscoa” que decorre até 22 de abril.

 

Inscrições e mais informações no Estúdio Jovem de Grândola.

Grândola estreia Documentário "Se Fores Preso, Camarada." - 6 de Abril - 16h - Cine Granadeiro - entrada gratuita

Abril em Grândola, Vila Morena

Dá mais força à Liberdade

 

Grândola estreia Documentário “Se Fores Preso, Camarada…”

Se Fores Preso, Camarada....jpg

 

Inserido no programa das Comemorações dos 45 anos do 25 de Abril, é exibido publicamente no próximo dia 6 de Abril, às 16h, no Cine Granadeiro Auditório Municipal, o Documentário intitulado “Se Fores Preso, Camarada…” realizado por Tiago Pereira e produzido pela associação A Música Portuguesa A Gostar Dela Própria.

 

No âmbito do Ano Europeu do Património Cultural 2018 e com o objetivo de valorizar a liberdade e os direitos humanos, para que a memória não se perca e os tempos de ditadura e repressão nunca mais se repitam, o Município de Grândola realizou a recolha de depoimentos grandolenses perseguidos e presos durante o Estado Novo.

O documentário “Se Fores Preso, Camarada…,  é um dos resultados desse registo.

 

Partindo da Lista dos presos políticos grandolenses (1937 - 1974), facultada por munícipes ligados à luta antifascista, recolheu-se, na primeira pessoa, o testemunho de dezasseis ex-presos políticos. De facto, durante o Estado Novo, encontram-se documentadas, no Registo Geral de Presos do Arquivo da PIDE, as prisões de oitenta grandolenses, admitindo-se que este número seja muito inferior ao real.

A iniciativa pretendeu constituir um repositório documental sobre a resistência e a luta antifascista em Grândola, dada a crucial importância desta temática no contexto da História Local do séc. XX, e a realização de um documentário audiovisual, para exibição pública.

 

O Documentário apresenta testemunhos de:

Álvaro Mariani, António Figueira Mendes, Aprígio de Sousa, Armando Costa, Augusto Pinto da Costa, Joaquim dos Santos, Joaquim Pinto da Costa, Joaquim Sobral Lança, José António Rafael, José Manuel Esperto, Manuel Francisco Barão, Manuel Maria Candeias, Manuel dos Santos Guerreiro, Maria de Lourdes de Sousa, Maria Vitorina Batista e Raúl Martins Costa.

 

Se Fores Preso, Camarada… é o título de uma publicação da Editorial “Avante”, cujo texto é atribuído a Álvaro Cunhal. Considerando que a maioria dos testemunhos refere a importância desta publicação na resistência à prisão e na afirmação dos valores de liberdade e de dignidade humana, o Município atribuiu este título ao documentário, refletindo de modo mais adequado as finalidades que se pretendem atingir.

 

As Comemorações da Revolução de Abril na Vila Morena vão decorrer ao longo de todo o mês. O programa preparado pelo Município de Grândola e parceria com as Juntas de Freguesia e o movimento Associativo será divulgado em breve.