Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Ive Greice lança o vídeo de Minha Praia

 

 

transferir (2).jpg

 

Minha Praia é o novo single de Ive Greice, o primeiro de 2021 que a artista disponibilizou aos seus fãs, cujo videoclip está, a partir de hoje, disponível no Youtube.
 

Minha Praia, de Ive Greice, sucede a Cola na Boca, lançado em 2020, que já atingiu mais de 460 mil views no YouTube.
 

O vídeo, filmado maioritariamente na praia, transporta-nos para um sonho de amor e paixão num encontro romântico de total entrega, com um ambiente envolvente de sensualidade e sedução, mas, ao mesmo tempo, de fantasia, através da sereia que emerge da água, a Deusa do imaginário e a mulher real que brinca na praia interagindo com o seu amor, num misto de sonho e realidade.

A cantora brasileira com personalidade vocal intensa, mas muito melodiosa, traz-nos um tema muito fresco e leve escrito pela própria e por Natália Green.


“ Minha Praia” está disponível em todas as plataformas digitais e no Youtube.

 


 

 

O lendário guitarrista Carlos Santana lança o single Whiter Shade of Pale Featuring Steve Winwood

O lendário guitarrista Carlos Santana lança o single

Whiter Shade of Pale Featuring Steve Winwood

O terceiro single de Blessing and Miracles,
um álbum que chega no dia 15 de outubro, via BMG

transferir (50).jpgGuitarrista do Rock and Roll Hall of Fame e vencedor de vários Grammys, Carlos Santana lança o terceiro single do seu novo álbum Blessings and Miracles, um álbum repleto de estrelas que será lançado no dia 15 de outubro, via BMG. O clássico Whiter Shade of Pale resulta de uma colaboração com o lendário vocalista, guitarrista e teclista, vencedor de Grammy e ícone dos BMI Awards, Steve Winwood.

Aceitar um clássico é muitas vezes um risco, mas a parceria de Santana com o lendário Steve Winwood com a joia dos Procol Harum, A Whiter Shade of Pale, afasta todos os medos. É resplandecente, é recontar de uma forma maravilhosa, é um hino que alimenta a era moderna, no qual os dois gigantes da música vão descobrindo novas bolsas de beleza a cada passo. Tal como no original um sentimento elegíaco, ao qual acrescentaram um elemento romântico que nunca tinha existido anteriormente. Winwood, com uma voz maravilhosa e singular que é profundamente comovente, e Santana que canaliza os sons originais do órgão de Mathew Fisher para a sua reverente guitarra colocando a sua própria marca numa melodia intemporal. A cada passagem, deixa-nos cada vez mais em êxtase.
 
Santana relembra que estava com Winwood num concerto no London’s Hyde Park, quando lhe sugeriu gravarem esta canção. “Disse, temos de fazer isto, mas vamos fazê-lo de uma forma muito sexy, como o Hare Krishna mas como congas. Toquei os componentes ao ouvido e disse, “Ouvi, Carlos, tens razão. Foi então que referiu – é o Santana de Cuba, Porto Rico num modo africano. E, homem falaste em modo sexy. A voz do Steve é tão bonita e sexy”.
 
Winwood referiu, “Carlos tem feito o que tenho tentado fazer nos últimos 50 anos, uma combinação de elementos de rock, jazz, folk e música latino africana. A genialidade do Carlos vem em parte dessa fantástica combinação da música rock com os ritmos latino cubanos. Toquei com o Carlos em inúmeras ocasiões nos últimos 50 anos e estou muito contente de voltar a trabalhar com ele.”  
 
Para além de Whiter Shade of Pale, foi lançado o primeiro single do álbum, Move featuring Rob Thomas e Zac Barnett dos American Authors e She’s Fire uma colaboração de Santana com Diane Warren e G-Eazy, que também já está disponível.
 
Blessings and Miracles é um dos mais ambiciosos e inspiradores álbuns da histórica carreira de Santana, no qual o lendário guitarrista pretende chegar mais longe do que nunca. “O título deste álbum nasceu da minha convicção que nascemos com poderes celestiais que nos permitem criar bênçãos e milagres”, refere Santana. “O mundo programa-nos para sermos indignos destes presentes, mas temos de usar a luz, o espírito e a alma, e estes são indestrutíveis e imutáveis. Estes são os três elementos deste álbum”.
 
Para além dos talentos já mencionados, em Blessing and Miracles, Santana colabora com brilhantes artistas, escritores e produtores incluindo Chris Stapleton, Chick Corea, Rick Rubin, Corey Glover, Kirk Hammett, Ally Brooke e Narada Michael Walden, entre outros, dando origem a verdadeiras e inovadoras celebrações musicais.
 
O álbum também conta com performances dos membros da banda que acompanham Santana na tourné, incluindo a sua baterista Cindy Blackman, o cantor Tommy Anthony, o baixista Benny Rietveld, o percussionista Karl Perazzo e o teclista David K. Mathews, assim como os impecáveis vocais e teclados do filho, Salvador Santana e os vocais impressionantes da filha Stella Santana.
 
Santana e a sua banda vão estar em tourné nos meses de setembro e outubro, com concertos em Jacksonville, FL, Simpsonville, SC, Tuscaloosa, AL, Augusta, GA, Brandon, MS, Chattanooga, TN, Franklin, TN, Tulsa, OK, and Durant, OK. Santana irá ainda continuar na sua residência de há vários anos, The House of Blues na Mandalay Bay Resort do Casino de Las Vegas, com datas agendadas para 3 de novembro e 11 de dezembro. Para mais informação e bilhetes por favor visite Santana.com.

Sobre Carlos Santana:
Durante mais de cinco décadas – desde os primeiros dias de uma inovadora fusão entre o Afro, o Latino, os Blues e o Rock em San Francisco – Carlos Santana tem sido uma força visionária por detrás de artistas que transcendem os géneros musicais assim como as influências geracionais, culturais e geográficas. Até à data, Santana venceu 10 Grammys e 3 Latin Grammys, com um record de 9 Grammys atribuídos ao seu projeto 1999’s Supernatural, incluindo o Album of The Year e Record of The Year para Smooth. Recebeu em 1996, o Billboard Century Award, e inaugurou o Rock and Roll Hall of Fame em 1998, recebeu o Billboard Latin Music Awards Lifetime Achievement honor em 2009, e foi galardoado com o Kennedy Center Honors Award em 2013. No meio de tantas distinções, Carlos Santana foi citado pela Rolling Stone como o número 15 na sua lista de 100 Greatest Guitarists of All Time e juntou-se aos Rolling Stones como uma das duas bandas que teve um álbum no Top 10 em todas as décadas, desde 1960. Em 2018, lançou a primeira MasterClass e recentemente celebrou três marcos épicos – o 20º aniversário do seu inovador álbum Supernatural, o 50º aniversário da sua lendária performance no Woodstock e o 50º aniversário da sua obra prima Abraxas.
 
Sobre Steve Winwood:
Cantor e compositor, lendário vocalista, guitarrista, teclista, tocador de bandolim, produtor, vencedor de Grammys e ícone dos BMI Awards, Steve Winwood já vendeu mais de 50 milhões de discos no decurso das suas cinco décadas de carreira. As suas composições incluem Gimme Some Lovin, Back In The High Life Again, Can’t Find My Way Home, Arc Of A Diver, Higher Love, Roll With It, While You See A Chance, Dear Mr. Fantasy, Split Decision, The Finer Things, Valerie, e The Low Spark Of High Heeled Boys, entre muitas outras. Nomeado como Greatest Singers of All Time pela revista Rolling Stone, Winwood recebeu a Outstanding Song Collection de Ivor Novello, o BMI Icon Award, the Musicians Union Classic Rock Award e o Nashville Symphony Harmony Award, foi nomeado para 11 Grammys, tendo vencido 2. Steve recebeu o Honorary Doctorate degrees em música no Berklee College of Music, em Aston University em Birmingham e pela The University of Gloucestershire. Em 2004, Traffic foi incluído no Rock and Roll Hall of Fame e no ano seguinte foi homenageado com o enduring influence on generations of music makers pela BMI. Em 2002, teve a honra de apresentar o The Golden Jubilee of Elizabeth II no Buckingham Palace, um concerto que marcou os 50 anos da rainha, assim como atuou para o presidente Obama em 2013 no Kenedy Center Honors em Washington, D.C.. A 5 de junho de 2014 foi incluído no Walk of Fame em Nashville, TN.
 

DOPE LEMON revela novo single e vídeo Stingray Pete

 
Novo álbum Rose Pink Cadillac lançado no dia 12 de novembro

Depois de na semana passada Dope Lemon ter anunciado que para além do lançamento do novo álbum Rose Pink Cadillac terá a oferta de um carro Cadillac, chega agora um novo single e vídeo Stingray Pete.
 
O tiroteio de Clint Eastwood de Winchester, Stingray Pete, é a maior curva à esquerda do próximo álbum Rose Pink Cadillac, uma construção lenta, um trilho encharcado de poeira do deserto que brilha com os neons e metais de uma bala de prata de um filme de Sergio Leone. O que dá ar de um começo verdadeiramente notável e que demonstra o que será a composição e a narrativa do terceiro álbum de Dope Lemon.
 
Sobre o single, Angus Stone refere “a nova música é épica. Stingray Pete é um tiroteio de Clint Eastwood no faroeste de Dope Lemon. É um conto de Stingray Pete. É uma lenda empoeirada que tenta encontrar-se a ele próprio numa aventura épica que decorre durante a noite, quando chega à cidade. É uma música que reflete a vastidão selvagem que se esconde no desconhecido da noite para o velho Stingray Pete”.
 
Sobre o vídeo que foi filmado nos canaviais na época das queimadas, refere “é épico ser aquele que iluminou todo o campo com um único fósforo, sendo este o final do vídeo. Este é provavelmente uma das minhas fotos favoritas, até à data. Fantástica equipa. Ótimas pessoas. E um novo single que vai levar a que este ano se assista a um lançamento incrível de Dope Lemon”.
 
Rose Pink Cadillac será lançado no dia 12 de novembro e até ao momento já se encontram disponíveis os singles Rose Pink CadillacKids Fallin’ In Love e Every Day Is A Holiday’ ft. Winston Surfshirt.
 
Para celebrar o lançamento do novo álbum, Dope Lemon vai realizar na Austrália um sorteio, através do qual vai oferecer um verdadeiro Cadillac cor-de-rosa. Todos na Austrália que fizerem uma pré-venda do álbum e www.dopelemon.com, habilitam-se ao sorteio de um lindo 1960 Cadillac Fleetwood, completamente restaurado.
 
Dope Lemon, também conhecido como Angus Stone, alcançou mais de 400 milhões de streams com os seus dois aclamados álbuns, Smooth Big Cat (2019), que ficou em segundo lugar no TOP de álbuns ARIA, assim como Honey Bones (2016) e o EP Hounds Tooth. Os três singles de Rose Pink Cadillac já alcançaram mais de 30 milhões de streams. Honey Bones, com uma sonoridade mais clássica fez com que Dope Lemon fosse olhado com curiosidade no que se refere à experimentação artística, tornando-se num verdadeiro fenómeno cultural.
 
Dope Lemon apresentou-se em festivais como Falls FestivalSplendour in the GrassGroovin The MooYours and OwlsFairgrounds, bem como em tournées onde esgotou a lotação dos espaços, tanto a nível nacional como internacional.

transferir (43).jpgSTINGRAY PETE já está disponível
O Álbum ROSE PINK CADILLAC será lançado dia 12 de Novembro via BMG
Pré-Venda de edição limitada em vinil AQUI

💿 AIRE apresenta novo disco "Danças de Porto de Mós"

transferir (12).pngcolectivo AIRE apresenta novo disco a 17 de Setembro

Nascido entre as voltas da serra e os muros do castelo, AIRE é um colectivo que se dedica à recriação do repertório dos grupos folclóricos de Porto de Mós. Integrado no projecto "Danças de Porto de Mós", promovido pelo município de Porto de Mós, o grupo AIRE, pela recriação contemporânea dos sons tradicionais da Alta Estremadura, traz uma nova sonoridade às músicas recolhidas pelos ranchos - mantendo ligação com as raízes populares - e dá continuidade ao baile tradicional.

Propondo arranjos pensados para a transmissão da dança, este disco faz parte duma nova fase do projecto, que pretende divulgar este repertório fora do seu território de origem. Após uma selecção cuidada, que contemplou critérios musicais, mas também coreográficos, pedagógicos e etnográficos, as "Danças de Porto de Mós" ficam agora disponíveis para um público mais vasto.

transferir (42).jpg

Sob a coordenação de Marisa Barroso, Professora de Dança e Investigadora do Instituto Politécnico de Leiria e responsável pelo estudo e recolha do repertório das Danças Tradicionais, o projecto "Danças de Porto de Mós" surgiu em 2018, focado nas pessoas e na sua cultura, no regresso ao baile tradicional e no encontro de várias gerações, assente na capacitação, investigação, intervenção pedagógica e disseminação. A interpretação musical fica a cargo de Ana Clément (flautas de bisel, voz), Emiliana Silva (violino), Rafael Gomes (concertina), Samuel Louro (bateria, percussão, guitarra) e Sara Vidal (voz, harpa celta).

As danças de Porto de Mós veiculam o retrato da história e da cultura local, nutrindo a relação entre a memória e a vida no tempo actual. Além da Câmara Municipal de Porto de Mós, do Instituto Politécnico de Leiria e da Associação de Folclore da Região de Leiria - Alta Estremadura, os parceiros do projecto são o Rancho Folclórico Luz dos Candeeiros (do Arrimal), o Rancho Folclórico de Mira de Aire, o Rancho Folclórico de Pedreiras e o Rancho Folclórico Sociedade Recreativa de Cabeça Veada.

O disco "Danças de Porto de Mós" terá distribuição comercial a partir do dia 17 de Setembro e a sua apresentação será no domingo seguinte, dia 19, às 16h30, com um concerto-baile para todas as idades, e com entrada gratuita, no Centro de Interpretação da Batalha de Aljubarrota em São Jorge - Porto de Mós.

disponível a 17 de Setembro

Alinhamento
1 Choutice - Arrimal (2:59)
2 Choutice - Pedreiras (2:29)
3 Fadinho - Mira de Aire (3:51)
4 Fado - Cabeça Veada (3:14)
5 Loureiro - Arrimal (2:49)
6 Loureiro - Mira de Aire (3:14)
7 Oliveira - Cabeça Veada (3:46)
8 Passe Catre - Cabeça Veada (3:54)
9 Passe Catre do Sobrado - Arrimal (3:28)
10 Pirolito - Arrimal (2:05)
11 Reinadio - Cabeça Veada (2:25)
12 Vá de Roda - Pedreiras (3:35)
13 Valsa a Dois Passos - Mira de Aire (2:08)
14 Valsa de dois Passos - Pedreiras (2:34)
15 Verde Gaio das Pedreiras - Pedreiras (2:07)
16 Vinhedos - Mira de Aire (2:59)
Todos os temas são tradicionais do concelho de Porto de Mós, com arranjos do grupo Aire.

Apoios
Município de Porto de Mós
ESECS - Instituto Politécnico de Leiria
Associação de Folclore da Região de Leiria - Alta Estremadura

Ficha Artística
Marisa Barroso - Professora de Dança e Investigadora, estudo e recolha do repertório das Danças Tradicionais
Ana Clément - Flautas de Bisel, Voz
Emiliana Silva - Violino
Rafael Gomes - Concertina
Samuel Louro - Bateria, Percussão, Guitarra
Sara Vidal - Voz, Harpa celta

Ficha Técnica
Gravado no FBS Studio em Julho de 2021.
Gravação, Edição, Mistura e Masterização: Fábio Silva
Design: Rui Lobo
Fotografia: Solange Gomes
Vídeo: João Ramos
Produção e Direcção Musical: Espírito Claro
Edição e Distribuição: Sons Vadios

Contactos
Marisa Barroso - 965 526 255
facebook.com/aire.bailetrad
instagram.com/aire.bailetrad

 

 

 

MIRZA Lauchand | EP "Híbrido Vol.1" já disponível nas plataformas digitais

transferir (11).jpg

 

Depois do lamento em "Far Away", MIRZA Lauchand reaparece com novas canções. A receita é a mesma: mensagens poderosas e ritmos polivalentes. A promessa de que seria fácil cativar não ficou perdida no primeiro single, e também não se dilui nas melodias que chegam agora no EP de estreia, Híbrido Vol 1.

Se "Far Away" era uma ode ao amor ou à falta dele e de nós mesmos, "The Funk" é uma explosão de tudo o que precisamos de nos lembrar e na sua máxima força. A cacofonia que adorna a letra é digna de um club dos anos 60, com sensações confusas, perfeitamente organizadas numa canção que tanto pede que nunca se pare de dançar, ou que nunca se pare de lutar. Apela-se à união de todos, ao mesmo tempo que a voz de MIRZA parece disfarçada e saída de um outro corpo que não o dele. 

"Dear God" é a oração melódica que faz com que se fique preso ao timbre r&b do músico moçambicano. Carregar no 'play' diversas vezes vai tornar-se um vício neste terceiro tema, já que encontramos MIRZA no seu estado mais puro e honesto. A musicalidade casa bem com o apelo aos céus de que isto é feito. 

A edição de autor de Híbrido Vol 1 e a transversalidade dos temas quer mesmo dizer que MIRZA tem vários rostos, vários timbres, mas sempre a mesma intensidade. Ouvi-lo em registos tão diferentes é uma experiência sensorial especial, de tão ambígua e humana que pode soar. Sempre competente e sempre impactante,  Híbrido Vol 1 é, acima de tudo, uma estória que nos vai falar ao ouvido. E por demais à consciência, e só depois ao coração. 

O título numérico do EP faz adivinhar mais edições com este formato. E isso parece um bom plano. As suas emoções, muito intimistas, parecem estar todas lá, e foram escritas como uma confissão. Uma espécie de purgatório. É que MIRZA sabe que deixar a luz entrar é também deixar a escuridão sair

Este é o primeiro trabalho discográfico do artista, que recentemente foi semi-finalista no programa de talentos da TVI "All Together Now". O seu percurso junta também dezenas de anos a ser performer de grandes palcos ao lado dos grupos de Gospel Collective e Soul Gospel Project, e outras tantas colaborações com artistas da nossa praça. 

O EP, produzido por MIRZA e também por LINK, já se encontra disponível em todas as plataformas digitais. 

"BARRACADA" É O NOVO SINGLE E VÍDEO DE DEEJAY TELIO

DEEJAY TELIO lança novo single e vídeo "Barracada"

O tema sucede a "Desconfinamento" que acaba de alcançar o galardão de single de Ouro

“Barracada”, o novo single de Deejay Telio, é o segundo single do artista em 2021. Depois do sucesso de “Desconfinamento”, o cantor e produtor embarca numa viagem até à Nigéria e traz-nos um tema com uma sonoridade “naija” que em simultâneo se integra com a sua karanganhada, nunca perdendo o seu cunho pessoal. O tema já está disponível em todas as plataformas digitais e o vídeo pode ser visto aqui.
 
 
Com produção do próprio, “Barracada” vem afirmar, mais uma vez, que Deejay Telio não se cinge a um determinado género musical, mostrando versatilidade e capacidade de adaptação à medida que a sua carreira continua a crescer, sistematicamente. Apesar de se ter tornado numa referência de afrobeat, alimentando as pistas de dança em todo o mundo com vários hits, Deejay Telio supera-se ao sair da sua zona de conforto com a aposta em ritmos e instrumentais mais orgânicos com este tema.

Em “Barracada”, o artista fala da vida nas barracas e no gueto de uma forma positiva, realçando a alegria e as coisas boas da vida. No vídeo, Deejay Telio reforça esse ambiente de diversão com uma festa repleta de tranquilidade, boa disposição e dança.

Deejay Telio é um dos artistas mais bem-sucedidos da nova geração. Com apenas 25 anos, os milhões de streams, visualizações e dezenas de prémios falam por si e pelo seu talento.

A 25 de Setembro, apresenta-se com uma experiência digital única e exclusiva para todo o mundo que procura superar todas as expectativas. Os bilhetes estão à venda em www.deejaytelioexperience.com e podem ser adquiridos por 3,50€.
 

 

 

Fritz Kahn and The Miracles apresenta o single Believe

 

O novo single de Fritz Kahn and The Miracles, chamado “Believe”, incluído no EP “Jonah and The Whale” de 2021, é a história de alguém que está em vias de perder a fé, mas que, apesar de tudo, continua a lutar.
É um dos temas recorrentes do autor e compositor Gonçalo Serras (ou Fritz Kahn): acreditar até ao fim, contra todas as probabilidades e expetativas.
Com produção e orquestrações de Tiago Machado, e gravado nos estúdios Namouche em Lisboa com um fabuloso piano Petrof de fabrico checoslovaco, este tema apresenta semelhanças com a banda sonora de um filme épico, mas com um refrão excitante e convidativo, em que Gonçalo Serras dá o mote para uma fabulosa interpretação, naquele que é, possivelmente, um dos seus melhores temas de sempre. Pelo menos, na opinião do próprio. 


Fritz Kahn and The Miracles , um nome a fixar!!!

Zara Tejo com novo álbum "Quando penso em ti meu fado"

transferir (1).png

 

Quando penso em ti meu fado”, é o novo álbum de Zara Tejo.
Este quarto álbum é o resultado da sua grande paixão pela música. A “pausa” pandémica contribuiu para a criatividade e a musicalidade que este “Quando penso em ti meu fado” nos oferece.
Zara Tejo pretende trazer de volta a alegria que todos os cantores e músicos sentem no palco e diz: "cantamos a nossa alma e deixamos a nossa energia e amor na música para que outros escutem a nossa mensagem.
A música é a minha paixão e a arte musical é a linguagem que utilizo para demonstrar tudo aquilo que sinto. Por vezes ansiedade pelo momento de voltar ao palco, tristeza por não conseguir estar com aqueles que amo e também a alegria de transmitir a minha emoção através de várias gerações reunidas neste meu álbum"
Zara Tejo refere ainda que este é um disco "cantador" de momentos especiais como se de um livro se tratasse. Uma viagem musical profunda, verdadeira e plena, um convite ao sentimento e à verdade do coração, esse que tem sempre a razão ...
Com vários convidados neste novo trabalho discográfico de Zara Tejo, podemos ouvir as vozes de Miguel Vital, Frederico BC, Ernesto leite e o grupo de cante alentejano Planície Dourada em vários duetos, dando voz às crianças em "Mãe terra".
                        
O tema que dá nome ao álbum, “Quando penso em ti meu fado” mostra a viagem ao pensamento daquele que cria, canta e sofre intensamente com a ausência do público e a distância dos palcos.
Nesta viagem pelo “Quando penso em ti meu fado”, são evidentes as raízes de Zara Tejo na terra alentejana de Estremoz, local onde nasceu, e onde se pode escutar Cante Alentejano, na participação do grupo Planície Dourada na viagem quente e profunda como o Alentejo, interpretando “Mãe Terra” (pedido de ajuda que a terra nos faz), neste tema representado através das vozes e mensagens tocantes das crianças que o interpretam e que assinala uma mensagem forte e profunda.
Para Zara Tejo as coincidências são sincronias que geram acontecimentos: Variadíssimas vezes cantou com Miguel Vidal por brincadeira, desta vez endereçou convite sério a este grande comunicador que participa no tema “Luz no luar".
Frederico BC é para Zara Tejo o verdadeiro gentleman e cuja voz conquistou a sua atenção. O resultado é um dueto romântico e arrebatador.
A produção deste álbum é de Ernesto Leite, também presente no tema "um amor que é só teu". Um dueto que mostra esta sincronicidade musical. Talentoso e único nas suas composições e prestações musicais, Ernesto Leite acompanha Zara Tejo desde o seu primeiro álbum. Conheceram-se aos 17 anos num programa televisivo e desde então a música é o encontro de alma.

 

Kacey Musgraves em estreia absoluta no palco dos MTV VMAs

image001 (6).png

 

A MTV e a Paramount+ aliaram-se para o lançamento global do novo filme da cantora norte-americana.

Justin Bieber e Megan Thee Stallion são os líderes da tabela de nomeações da noite que será comandada por Doja Cat.

Votações a decorrer aqui.

 

A cantora e compositora Kacey Musgraves, seis vezes vencedora dos Grammy Awards, prepara-se para fazer a sua tão aguardada estreia no palco dos MTV VMAs na edição deste ano com a primeira performance global do seu novo tema star-crossing. Tudo isto, é claro, transmitido em direto a partir do Barclays Center, em Nova Iorque, pela MTV Portugal no dia 12 de setembro, às 23:30 com o pré-show, seguindo-se a gala às 01:00.

O que também vai fazer a sua estreia absoluta é star-crossed: the film, protagonizado pela cantora norte-americana, e que será lançado a nível mundial na Paramount+ nos EUAAmérica LatinaAustráliapaíses nórdicos e Canadá a partir do dia 10 de setembro, sendo que os fãs do resto do mundo, incluindo os portugueses, poderão ver esta nova produção através da MTV e da sua rede de canais presente em cerca de 180 regiões.

star-crossed: the film leva a música do estúdio para o ecrã utilizando visuais deslumbrantes e uma sensação de realidade elevada imaginada por Musgraves e Bardia Zeinali, a realizadora, tendo sido filmado por Matthew Libatique, diretor de fotografia nomeado para os Óscares por Assim Nasce uma Estrela e Cisne Negro.

Com 50 minutos, o filme dos MTV Entertainment Studios e produzido pela Interscope Films e MCA Nashville, em parceria com a Anonymous Content e a Sandbox Entertainment, foi filmado ao longo de 10 dias em Los Angeles e conta as participações especiais do vencedor do Emmy Eugene LevyVictoria Pedretti (Once Upon a Time in Hollywood, You), a cantora e compositora Princess NokiaSymone (vencedora da RuPaul’s Drag Race) e a comediante Megan Stalter.

Mas as novidades não terminam por aqui: na próxima semana, a MTV Portugal vai estrear em exclusivo o novo videoclip de Kacey Musgraves – justified –, o segundo tema do seu tão aguardado quarto álbum de estúdio, que será igualmente lançado no dia 10 de setembro.

“Kacey Musgraves é uma artista imparável e estamos muito entusiasmados por podermos estabelecer uma parceria com ela”, afirma Bruce Gillmer, Chief Content Officer, Music, Paramount+ e President of Music, Music Talent, Programming & Events, ViacomCBS“Daquela que será uma performance inesquecível na sua estreia nos VMAs até à estreia do seu novo e altamente antecipado filme star-crossed em setembro, é um enorme orgulho podermos fazer parte do próximo capítulo tanto da artista como da criadora.”

Voltando aos MTV VMAs 2021, este ano promete e, para quem ainda não está a par, aqui fica o resumo:

  • Doja Cat será a anfitriã da noite, e, tal como Kacey Musgraves,  vai também subir ao palco dos MTV VMAs, juntamente com Camila CabelloChlöeDoja CatLil Nas XMachine Gun KellyOlivia RodrigoShawn Mendes e Twenty One Pilots.
  • Os Foo Fighters também farão uma performance inesquecível, já que são os homenageados com o Global Icon Award, além de se encontrarem indicados em três categorias.
  • Justin Bieber (sete) e Megan Thee Stallion (seis) lideram a corrida aos prémios, seguidos de perto por Billie EilishBTSDoja CatDrakeGiveonLil Nas X e Olivia Rodrigo (cinco cada).
  • Mas… Para conhecer os vencedores, é necessário esperar pelo voto dos fãs. As votações em 14 categorias de género neutro já se encontram abertas em vma.mtv.com e vão decorrer até ao dia 3 de setembro, sexta-feira. A votação para Best New Artist, apresentada através do Facebook, permanecerá ativa durante o espetáculo no dia 13 de setembro de 2021. As nomeações para as categorias de social media, incluindo Best Group e Song of Summer serão anunciadas posteriormente.

Ao longo dos próximos dias, a MTV vai anunciar todos os detalhes adicionais e informações sobre a gala e, para não perder pitada, o melhor mesmo é seguir @MTVPortugal e @VMAs nas redes sociais para ficar a par de todas as novidades dos #VMAs.

Bruce Gillmer e Jess Ignjatovic, cofundador do Den of Thieves, são os Executive Producers dos MTV VMAs 2021. Barb Bialkowski é Co-Executive Producer. Alicia Portugal e Jackie Barba são as Executives in Charge of Production. Wendy Plaut é a Executive in Charge of Celebrity Talent. Lisa Lauricella é a Music Talent Executive.

 

EP Mambos Da Banda já disponível

Novo EP de Plazza já está disponível

transferir - 2021-08-28T211437.057.jpg