Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Moita: Visitas Guiadas à Exposição de Arqueologia

 

 

A Câmara Municipal da Moita promove, nos dias 9 e 23 de outubro, às 10:30h e às 15:00h, visitas guiadas à Exposição de Arqueologia: “A Ocupação do Território através dos Vestígios Arqueológicos: Do Paleolítico à Idade Contemporânea”, patente na Capela de São Sebastião, na Moita.

A participação nas visitas é gratuita, mas sujeita a marcação através do T. 210 817 048 ou email div.cultura@mail.cm-moita.pt e com número limitado de dez participantes por cada grupo. A visita tem a duração aproximada de uma hora.

 

Esta exposição, que está aberta ao público em geral às sextas-feiras, das 15:00h às 18:00h, e sábados, das 10:00h às 13:00h e das 15:00h às 18:30h, faz uma abordagem da ocupação do território, através dos materiais arqueológicos encontrados nos diferentes sítios do concelho e em depósito na Reserva do Município da Moita. Estabelece uma linha cronológica, cujo circuito se inicia na geologia do território e prossegue pelos seis módulos cronológicos: Paleolítico, Neolítico, Período Romano, Idade Média, Idade Moderna e Idade Contemporânea. Para cada uma das temporalidades expostas e a partir das peças selecionadas, são abordadas as realidades sociais e económicas das comunidades que então viveram neste território.

Dança no Fórum Cultural na Baixa da Banheira

O Fórum Cultural José Manuel Figueiredo recebe, no dia 22 de outubro, pelas 21:30h, o espetáculo de dança “Inverno”, pela Companhia de Dança de Almada, com criação de Bruno Duarte.

INVERNO_foto_5_CaDA_2019_creditos_Miguel_Estima.JP

 

“Desde criança tenho muito presentes as imagens a que, fascinado, assistia na televisão e que me davam a conhecer um pouco do que são os costumes de inverno transmontanos – caretos, chocalheiros, diabos, figuras que sempre exerceram sobre mim um magnetismo especial. Vi na criação deste espetáculo uma oportunidade para explorar cenicamente o cruzamento da sacralidade ritual destas celebrações ancestrais, com uma linguagem de dança contemporânea. Situado entre o sagrado e pagão, ancestral e contemporâneo, humano e sobrenatural, “Inverno” procura transmitir a magia que se vive por estes lugares na altura do solstício de inverno, retratando o pulsar da terra, a emancipação dos jovens, as arruadas, a postura de transgressão – mas tão regrada por práticas fixas – e o forte misticismo cultural. Este é um trabalho sobre o que está vivo, mas também sobre a memória. Sobre aquilo e aqueles que já viveram os locais que hoje experimentamos.” Bruno Duarte

“Estes são rituais de juventude, cheios de vida e de futuro, por onde perpassam todas as atividades dos povos (…), rituais que a cada ano renovam a confiança na continuidade da vida, bem simbolizada no fogo e outros deuses pagãos.

Nunca realçaremos suficientemente o papel que os rituais (…) tiveram na evolução das nossas sociedades e lhes transmitiram um carácter de sanidade ética que consegue manter a dignidade no meio da maior pobreza e de dificuldades sem fim.” Amadeu Ferreira, in “O Diabo e as Cinzas” (2013).

 

Criação: Bruno Duarte | Cocriação e interpretação: Bruno Duarte, Carlota Sela, Francisco Ferreira, Joana Puntel, Luís Malaquias, Mariana Romão e Raquel Tavares | Música: Galandum Galundaina, Roncos do Diabo, Cabra Çega, Urze de Lume, Colin Stetson | Figurinos: Nuno Nogueira | Cenografia: Carlota Machado e Bruno Duarte | Desenho de luz: Stageplot – Filipa Romeu | Imagem promocional: Ester Gonçalves | Ensaiadora e assistente de coreógrafo: Maria João Lopes | Seleção musical e sonoplastia: Bruno Duarte

Coprodução do Teatro Municipal de Bragança e Companhia de Dança de Almada.

 

Destinatários: Geral | M/6 anos

Duração: 60 min.

Bilhete: 3,56 euros

 

Fórum Cultural José Manuel Figueiredo.
Rua José Vicente, 2835-134 Baixa da Banheira


Horário da Bilheteira
De terça-feira a sábado, das 14:30h às 19:30h
Dias de espetáculo: Uma hora antes do início do espetáculo ou sessão; encerra aquando do início do espetáculo ou sessão.
Os bilhetes podem ainda ser reservados, através do telefone 210 888 900, no horário de funcionamento da bilheteira. As reservas têm que ser levantadas, no máximo, à véspera do espetáculo/sessão, com um limite de cinco bilhetes por reserva.

Baixa da Banheira: Blues Night By BBBF no Fórum Cultural

 

 

 

Depois da 10ª edição do BB Blues Fest, que decorreu a 23, 24 e 25 de setembro e 5 de outubro, as Blues Nights By BBBF regressam ao Fórum Cultural José Manuel Figueiredo, na Baixa da Banheira. No dia 16 de outubro, pelas 21:30h, sobem ao palco Mingo Balaguer’s Blue Shadow, Pablo Sanpa e Kid Carlos.

 

Velhos conhecidos dos palcos de blues na Europa, os três já tocaram juntos em várias ocasiões e colaboraram entre si em inúmeros projetos musicais, o último dos quais foi a gravação do novo álbum de Mingo Balaguer, “Blue Shadow”.

Mingo Balaguer (voz e harmónica) tem mais de 30 anos de palco e 17 álbuns lançados.

Pablo Sanpa e Kid Carlos (Guitarras) são dois dos melhores guitarristas de blues que existem em Espanha, ambos com projetos independentes e que trabalham há muitos anos com Mingo Balaguer.

A harmonização instrumental das guitarras, a voz e a harmónica criam o clima perfeito para levar o público de volta às origens do blues.

 

Destinatários: Geral | M/6 anos

Duração: 70 minutos

Bilhete: 8 euros

 

Organização: BBBP - Associação BB Blues Portugal, em parceria com a Câmara Municipal da Moita e União de Freguesias de Baixa da Banheira e Vale da Amoreira

 

 

Fórum Cultural José Manuel Figueiredo.
Rua José Vicente, 2835-134 Baixa da Banheira


Horário da Bilheteira
De terça-feira a sábado, das 14:30h às 19:30h
Dias de espetáculo: Uma hora antes do início do espetáculo ou sessão; encerra aquando do início do espetáculo ou sessão.
Os bilhetes podem ainda ser reservados, através do telefone 210 888 900, no horário de funcionamento da bilheteira. As reservas têm que ser levantadas, no máximo, à véspera do espetáculo/sessão, com um limite de cinco bilhetes por reserva.

 

Baixa da Banheira: Blues Pic-Nic no Parque José Afonso

MusicOrba - Press.jpg

 

 

A 3 de outubro, a partir das 15:00h, o tradicional Blues Pic-Nic tem lugar no Parque José Afonso, na Baixa da Banheira. Neste dia, o BB Blues Fest tem entrada gratuita mediante reserva antecipada em www.bbbluesfest.com. Stonebones & Bad Spaghetti, Mojo Hand, Catman & the Blues Doozers, BBBF All Stars são os nomes já confirmados para o Blues Pic-Nic.

Depois dos espetáculos a 23, 24 e 25 de setembro, no Fórum Cultural José Manuel Figueiredo e no recinto do Mercado Mensal, na Moita, o BB Blues Fest regressa à Baixa da Banheira com o Blues Pic-Nic. Recorde-se que a 10ª edição do BB Blues Fest iniciou a 23 de setembro com o concerto, no Fórum Cultural, do Grupo Dixieland da Banda da Armada.

Nos dias 24 e 25 de setembro, subiram ao palco do recinto do Mercado Mensal na Moita Tail Dragger, Richard Ray Farrell, The Black Mamba e Rick Estrin & The Nightcats.

STONEBONES & BAD SPAGHETTI (PT)

Muito provavelmente a única banda portuguesa de bluegrass, que se distingue pela incrível energia da sua música e a entusiástica performance em palco. Ao vivo, apresentam canções originais, compostas ao estilo do bluegrass, cantadas em português e, também, uma grande coleção de músicas tradicionais. A influência mediterrânica portuguesa está fortemente presente, resultando numa banda única, onde não há um oceano a separar ambas as culturas. Já conhecidos do público do BB Blues Fest, regressam para celebrar a décima edição do Festival.

 

MOJO HAND (PT)

Joe Mac é um cantor e escritor de canções norte-americano a viver em Portugal. A sua carreira musical começou no final dos anos 80, tocando Blues Rock em diversos palcos no continente americano e na europa. Em conjunto com o Holandês Gerrit Ekelenkamp, harmonicista e vocalista, também a viver em Portugal, formaram este duo Mojo Hand. Esta singular junção forma um projeto que vai à raiz do blues buscando os sons mais originais. Tocam no Blues Pic-Nic, numa recriação virtual de uma sessão de alpendre, com uma brisa do Oeste… português.

 

CATMAN & THE BLUES DOOZERS (PT)

Formado em 2005, o projeto Catman and The Blues Doozers nasceu no antigo espaço Catacumbas Jazz Bar, no Bairro Alto, em Lisboa, fruto da paixão de Manuel Pais (Catman) pelo Blues. Até ao seu encerramento (2013), a banda foi presença regular no Catacumbas tendo começado por essa altura a marcar presença no Alface Hall (também no Bairro Alto), bar onde se mantém como banda fixa até aos dias de hoje. Após algumas entradas e saídas de vários elementos, a banda estabilizou-se há cerca de seis anos: Catman – Voz, Teclas e Harmónica; Mr. Bo – Clarinete, José Luís Ferreira – Guitarra; Luís Varatojo – Bateria. Este tipo de formação, algo "sui generis", proporciona a possibilidade da banda apresentar, através de arranjos personalizados, um reportório de Blues influenciado quer pelo Swing, quer pelo Jazz.  Assim, para além de originais, Catman and The Blues Doozers apresentam temas de autores que vão de Louis Jordan a Fats Waller, passando por clássicos como Willie Dixon ou Albert King. Regressam ao BB Blues Fest, depois de terem participado no warm-up em 2014.

 

BBBF ALL STARS (PT)

A tarde do Blues pic-nic encerra em clima de festa com mais uma atuação da BBBF All Stars. Sob a batuta de Fast Eddie Nelson, será mais uma reunião aberta numa celebração do Blues e do espírito do BB Blues Fest.

 

O BB Blues Fest resulta de uma parceria entre a Associação BB Blues Portugal, a Câmara Municipal da Moita e a União de Freguesias da Baixa da Banheira e Vale da Amoreira e tem trazido à vila da Baixa da Banheira e ao concelho da Moita os melhores nomes do blues nacional e internacional. À semelhança de anos anteriores, o BB Blues Fest tem como parceiro na divulgação a Antena 3.
Visando a segurança de todos, o BB Blues Fest irá seguir medidas rigorosas, cumprindo todas as normas da Direção Geral de Saúde e garantindo todas as condições para uma experiência segura.
Mais informações em www.bbbluesfest.comwww.cm-moita.ptwww.ufbbva.ptwww.bbbluesportugal.comhttps://www.instagram.com/bbbluesportugal/www.facebook.com/bbbluesfest e www.facebook.com/cmmoita

 

Baixa da Banheira: Blues Pic-Nic no Parque José Afonso adiado para 5 de outubro

blues 5 de outubro.jpg

 

Devido à possibilidade de ocorrência de precipitação no domingo, dia 3 de outubro, o Blues Pic-Nic foi adiado para dia 5 de outubro, a partir das 15:00h, no Parque José Afonso, na Baixa da Banheira. O Blues Pic-Nic, inserido no BB Blues Fest, tem entrada gratuita mediante reserva antecipada em www.bbbluesfest.com. Stonebones & Bad Spaghetti, Mojo Hand, Catman & the Blues Doozers, BBBF All Stars são os nomes para o Blues Pic-Nic.

Depois dos espetáculos a 23, 24 e 25 de setembro, no Fórum Cultural José Manuel Figueiredo e no recinto do Mercado Mensal, na Moita, o BB Blues Fest regressa à Baixa da Banheira com o Blues Pic-Nic. Recorde-se que a 10ª edição do BB Blues Fest iniciou a 23 de setembro com o concerto, no Fórum Cultural, do Grupo Dixieland da Banda da Armada.

Nos dias 24 e 25 de setembro, subiram ao palco do recinto do Mercado Mensal na Moita Tail Dragger, Richard Ray Farrell, The Black Mamba e Rick Estrin & The Nightcats.

STONEBONES & BAD SPAGHETTI (PT)

Muito provavelmente a única banda portuguesa de bluegrass, que se distingue pela incrível energia da sua música e a entusiástica performance em palco. Ao vivo, apresentam canções originais, compostas ao estilo do bluegrass, cantadas em português e, também, uma grande coleção de músicas tradicionais. A influência mediterrânica portuguesa está fortemente presente, resultando numa banda única, onde não há um oceano a separar ambas as culturas. Já conhecidos do público do BB Blues Fest, regressam para celebrar a décima edição do Festival.

 

MOJO HAND (PT)

Joe Mac é um cantor e escritor de canções norte-americano a viver em Portugal. A sua carreira musical começou no final dos anos 80, tocando Blues Rock em diversos palcos no continente americano e na europa. Em conjunto com o Holandês Gerrit Ekelenkamp, harmonicista e vocalista, também a viver em Portugal, formaram este duo Mojo Hand. Esta singular junção forma um projeto que vai à raiz do blues buscando os sons mais originais. Tocam no Blues Pic-Nic, numa recriação virtual de uma sessão de alpendre, com uma brisa do Oeste… português.

 

CATMAN & THE BLUES DOOZERS (PT)

Formado em 2005, o projeto Catman and The Blues Doozers nasceu no antigo espaço Catacumbas Jazz Bar, no Bairro Alto, em Lisboa, fruto da paixão de Manuel Pais (Catman) pelo Blues. Até ao seu encerramento (2013), a banda foi presença regular no Catacumbas tendo começado por essa altura a marcar presença no Alface Hall (também no Bairro Alto), bar onde se mantém como banda fixa até aos dias de hoje. Após algumas entradas e saídas de vários elementos, a banda estabilizou-se há cerca de seis anos: Catman – Voz, Teclas e Harmónica; Mr. Bo – Clarinete, José Luís Ferreira – Guitarra; Luís Varatojo – Bateria. Este tipo de formação, algo "sui generis", proporciona a possibilidade da banda apresentar, através de arranjos personalizados, um reportório de Blues influenciado quer pelo Swing, quer pelo Jazz.  Assim, para além de originais, Catman and The Blues Doozers apresentam temas de autores que vão de Louis Jordan a Fats Waller, passando por clássicos como Willie Dixon ou Albert King. Regressam ao BB Blues Fest, depois de terem participado no warm-up em 2014.

 

BBBF ALL STARS (PT)

A tarde do Blues pic-nic encerra em clima de festa com mais uma atuação da BBBF All Stars. Sob a batuta de Fast Eddie Nelson, será mais uma reunião aberta numa celebração do Blues e do espírito do BB Blues Fest.

 

O BB Blues Fest resulta de uma parceria entre a Associação BB Blues Portugal, a Câmara Municipal da Moita e a União de Freguesias da Baixa da Banheira e Vale da Amoreira e tem trazido à vila da Baixa da Banheira e ao concelho da Moita os melhores nomes do blues nacional e internacional. À semelhança de anos anteriores, o BB Blues Fest tem como parceiro na divulgação a Antena 3.
Visando a segurança de todos, o Blues Pic Nic irá seguir medidas rigorosas, cumprindo todas as normas da Direção Geral de Saúde e garantindo todas as condições para uma experiência segura.
Mais informações em www.bbbluesfest.comwww.cm-moita.ptwww.ufbbva.ptwww.bbbluesportugal.comhttps://www.instagram.com/bbbluesportugal/www.facebook.com/bbbluesfest e www.facebook.com/cmmoita

 

Baixa da Banheira: Teatro “Não se Ganha, Não se Paga!”

 

não se ganha não se paga ©Jose Frade 02.11.20-2

 

“Não se Ganha, Não se Paga!” é uma comédia da autoria do ator e dramaturgo italiano Dario Fo (1926-2016), prémio Nobel da Literatura em 1997, em cena no Fórum Cultural José Manuel Figueiredo, na Baixa da Banheira, no dia 9 de outubro, pelas 21:30h. Esta peça do Teatro Ubu / Arte 33 tem encenação de Ana Nave.

 

Com uma grande agitação social como pano de fundo, duas famílias tentam encontrar forma de contornar a situação de crise em que vivem, garantindo a sobrevivência. Os acontecimentos precipitam-se numa sequência delirante. A fome não morre, os valores confundem-se e a Revolução começa no coração de cada um.

 

Texto: Dario Fo | Encenação: Ana Nave | Tradução/adaptação: Rui Silvares | Interpretação: Ana Nave, António Olaio, Carlos Dias Antunes, Francisco Silva, Patrícia Conde | Música original: Manuel Paulo | Cenário: Ana Nave/ Rui Silvares | Figurinos: Rafaela Mapril | Desenho de luz: Daniel Verdades | Produção: Arte33

 

Destinatários: Geral | M/12 anos

Duração: 90 min.

Bilhete: 3,56 euros

 

Fórum Cultural José Manuel Figueiredo.
Rua José Vicente, 2835-134 Baixa da Banheira


Horário da Bilheteira
De terça-feira a sábado, das 14:30h às 19:30h
Dias de espetáculo: Uma hora antes do início do espetáculo ou sessão; encerra aquando do início do espetáculo ou sessão.
Os bilhetes podem ainda ser reservados, através do telefone 210 888 900, no horário de funcionamento da bilheteira. As reservas têm que ser levantadas, no máximo, à véspera do espetáculo/sessão, com um limite de cinco bilhetes por reserva.

 

 

Município da Moita | Cultura em Movimento: Música no último fim-de-semana

 

Município da Moita

Cultura em Movimento: Música no último fim-de-semana

 

O programa “Cultura em Movimento” 2021 está a chegar ao fim. Nos dias 28 e 29 de agosto, haverá música nos espaços públicos do concelho da Moita.

No sábado, dia 28, a partir das 18:30h, a Rua Catarina Eufémia, em Sarilhos Pequenos, recebe a iniciativa “Juventude à Mostra”, promovida no âmbito do projeto cultural Mural 18. O Município da Moita opta novamente por destacar os artistas do concelho, com os concertos com Dudah e Mancallas.

No domingo, 29 de agosto, pelas 19:00h, decorre o concerto com Club Makumba, no Parque Municipal da Moita (junto ao parque infantil). Club Makumba é um dos mais recentes projetos musicais da cena cultural atual. Teve origem na parceria criada entre Tó Trips (Dead Combo, Lulu Blind, entre outros) e João Doce (Wraygunn), a que se juntam agora Gonçalo Prazeres e Gonçalo Leonardo.

dia 29_CLUBMAKUMBA.jpg

 

Numa organização da Câmara Municipal da Moita, Juntas de Freguesia e Movimento Associativo, “Cultura em Movimento” inclui na sua programação, todos os anos, um conjunto de espetáculos de qualidade, dando, desta forma, mais vida aos espaços públicos do concelho. Durante os meses de julho e agosto, foram vários os espetáculos, na sua maioria com lotação esgotada, que animaram os parques, jardins e ruas em todas as freguesias do concelho da Moita.

Comprometidos com a segurança de todos – público, artistas e equipas municipais – as atividades cumprem as normas da Direção Geral de Saúde no que respeita à prevenção da COVID-19, garantindo todas as condições para uma experiência segura.

Mais informações podem ser consultadas em www.cm-moita.pt.

Para participar no Cultura em Movimento basta ligar para o número 964750165, de segunda a sexta feira, das 9:00h às 12:30h e das 14:00h às 17:30h, e fazer a sua marcação, num máximo de cinco reservas por pessoa.

 

Município da Moita | Cultura em Movimento: Música no último fim-de-semana

O programa “Cultura em Movimento” 2021 está a chegar ao fim. Nos dias 28 e 29 de agosto, haverá música nos espaços públicos do concelho da Moita.

No sábado, dia 28, a partir das 18:30h, a Rua Catarina Eufémia, em Sarilhos Pequenos, recebe a iniciativa “Juventude à Mostra”, promovida no âmbito do projeto cultural Mural 18. O Município da Moita opta novamente por destacar os artistas do concelho, com os concertos com Dudah e Mancallas.

dia 29_CLUBMAKUMBA (1).jpg

 

No domingo, 29 de agosto, pelas 19:00h, decorre o concerto com Club Makumba, no Parque Municipal da Moita (junto ao parque infantil). Club Makumba é um dos mais recentes projetos musicais da cena cultural atual. Teve origem na parceria criada entre Tó Trips (Dead Combo, Lulu Blind, entre outros) e João Doce (Wraygunn), a que se juntam agora Gonçalo Prazeres e Gonçalo Leonardo.

Numa organização da Câmara Municipal da Moita, Juntas de Freguesia e Movimento Associativo, “Cultura em Movimento” inclui na sua programação, todos os anos, um conjunto de espetáculos de qualidade, dando, desta forma, mais vida aos espaços públicos do concelho. Durante os meses de julho e agosto, foram vários os espetáculos, na sua maioria com lotação esgotada, que animaram os parques, jardins e ruas em todas as freguesias do concelho da Moita.

Comprometidos com a segurança de todos – público, artistas e equipas municipais – as atividades cumprem as normas da Direção Geral de Saúde no que respeita à prevenção da COVID-19, garantindo todas as condições para uma experiência segura.

Mais informações podem ser consultadas em www.cm-moita.pt.

Para participar no Cultura em Movimento basta ligar para o número 964750165, de segunda a sexta feira, das 9:00h às 12:30h e das 14:00h às 17:30h, e fazer a sua marcação, num máximo de cinco reservas por pessoa.

 

 

 

X BB Blues Fest: Grupo “Dixieland” da Banda da Armada na noite de abertura

blues 24 e 25.jpg

 

Na noite de abertura do X BB Blues Fest, sobe ao palco do Fórum Cultural José Manuel Figueiredo, na Baixa da Banheira, o grupo Dixieland, da Banda da Armada. Este espetáculo, no dia 23 de setembro, a partir das 21:30h, tem entrada gratuita, mediante reserva antecipada na Bilheteira do Fórum Cultural (a partir de 8 de setembro).

Com concertos em que predomina o improviso espontâneo, Dixieland interpreta um estilo musical originário do blues e jazz, do princípio do século XX, com origem na cidade de New Orleans. A formação do grupo Dixieland da Banda da Armada é composta por seis músicos, sendo os instrumentos presentes neste agrupamento o clarinete, saxofone, trompete, trombone, sousafone e bateria.

 

Tail Dragger e Richard Ray Farrell no dia 24 de setembro

Na décima edição, o BB Blues Fest surge com um novo palco, no recinto do Mercado Mensal, na Avenida Marginal da Moita, que permite a realização dos concertos com toda a segurança, no que respeita à prevenção da COVID-19. Renovado, mas com mesma qualidade musical a que o público já está habituado, o BB Blues Fest tem já como nomes confirmados, para dia 24 de setembro, a partir das 21:00h, a lenda do blues de Chicago Tail Dragger e o nomeado para os Blues Music Awards de 2021, Richard Ray Farrell.

 

Tail Dragger, um dos mais aclamados nomes dos blues, tem quatro discos gravados: Crawling Kingsnake (1996), American People (1998), Live at Rooster’s Lounge (2009) e Longtime Friends in the Blues (2012). Com 80 anos, este norte-americano, do Arkansas, tem como uma das suas influências o “mestre” Howlin’ Wolf.

Richard Ray Farrell esteve nomeado, em 2021, para os Blues Music Awards, para melhor álbum acústico com “Three Pints of Gin. Apresenta-se no BB Blues Fest com a sua recente formação blues e rock ‘n’ roll, um quarteto pleno de energia em palco. Richard tocou, gravou e integrou digressões com muitos nomes maiores do blues nos últimos 45 anos (Jerry Portnoy, RL Burnside, Lousiana Red, Big Jack Johnson, entre outros). Junta-se neste projeto com Troy Nahumko, na guitarra. A secção rítmica fica a cargo dos irmãos Sérgio e Pablo Barez, de Madrid.

Rick Estrin & The Nightcats e The Black Mamba no dia 25 de setembro

A 25 de setembro, a partir das 21:00h, a Avenida Marginal, na Moita, recebe os concertos com Rick Estrin & The Nightcats, em estreia absoluta em Portugal, e The Black Mamba, os vencedores do Festival da Canção da RTP.

 

Liderados pelo multifacetado e verdadeiro showman Rick Estrin, os Nightcats misturam o humor e a diversão com o genuíno Blues. Estes norte-americanos, multipremiados nesta última década, ganharam também o Blues Music Award de Banda do Ano em 2018. A banda combina o talento de Rick, virtuoso da harmónica e vocalista/ entertainer, o magistral guitarrista Kid Andersen, o teclista feiticeiro Lorenzo Ferrel e o criativo baterista Derrick Martin. No BB Blues Fest vêm apresentar o seu novo álbum “Contemporary, o quarto lançado com o selo da Alligator Records. Influenciados e respeitando os clássicos com quem tocaram (Muddy Waters, Lowell Fulson, Z.Z. Hill, Eddie Taylor, Little Charlie Baty) fazem, contudo, do seu estilo inventivo e originais canções a sua imagem de marca.

Muito acarinhados pelo público do BB Blues Fest onde tiveram uma atuação memorável em 2017, os The Black Mamba regressam quatro anos depois ao BB Blues Fest. Desde a sua passagem pelo BB Blues Fest, lançaram o terceiro álbum de originais “The Mamba King” (2018) que se juntou aos já anteriormente consagrados: “The Black Mamba” (2012) e “Dirty Little Brother” (2014), este com participações de Áurea e António Zambujo, entre outros. 2019 marcou o ínicio da Good Times Tour, comemorativa de dez anos da banda. 2021 fica marcado pela vitória no Festival da Canção da RTP e pela prestação na final do Eurovision Song Contest, onde foram aclamados pela crítica e público internacional. Carregados de uma sonoridade marcada pela soul e toda a música negra, os The Black Mamba sobem ao palco do BB Blues Fest num concerto muito aguardado, confessando a sua paixão pelo Blues.

 

Os bilhetes para os dias 24 e 25 de setembro estão disponíveis em Ticketline (https://ticketline.sapo.pt/evento/bb-blues-fest)

Passe de dois dias (24 e 25 de setembro) – 30 euros

Passe diário para dia 24 ou dia 25 – 20 euros

 

De referir que a 3 de outubro, a partir das 15:00h, o tradicional Blues Pic-Nic tem lugar no Parque José Afonso, na Baixa da Banheira. Neste dia, o BB Blues Fest tem entrada gratuita mediante reserva antecipada em https://bbbluesportugal.com/. Os nomes para o Blues Pic-Nic serão divulgados em breve.

 

O BB Blues Fest resulta de uma parceria entre a Associação BB Blues Portugal, a Câmara Municipal da Moita e a União de Freguesias da Baixa da Banheira e Vale da Amoreira e tem trazido à vila da Baixa da Banheira os melhores nomes do Blues nacional e internacional. À semelhança de anos anteriores, o BB Blues Fest tem como parceiro na divulgação a Antena 3.

Visando a segurança de todos, o BB Blues Fest irá seguir medidas rigorosas, cumprindo todas as normas da Direção Geral de Saúde e garantindo todas as condições para uma experiência segura.

Mais informações em www.bbbluesfest.comwww.cm-moita.ptwww.ufbbva.ptwww.bbbluesportugal.comhttps://www.instagram.com/bbbluesportugal/www.facebook.com/bbbluesfest e www.facebook.com/cmmoita

Fórum Cultural José Manuel Figueiredo

Rua José Vicente, 2835-134 Baixa da Banheira

 Horário da Bilheteira

De terça-feira a sábado, das 14:30h às 19:30h

Dias de espetáculo: Uma hora antes do início do espetáculo ou sessão; encerra aquando do início do espetáculo ou sessão.

Os bilhetes podem ainda ser reservados, através do telefone 210 888 900, no horário de funcionamento da bilheteira. As reservas têm que ser levantadas, no máximo, à véspera do espetáculo/sessão, com um limite de cinco bilhetes por reserva.

 

Município da Moita: “Cultura em Movimento” em agosto

CARTAZ CULTURA EM MOVIMENTO.jpg

 

 

O programa “Cultura em Movimento” continua, em agosto, a animar os espaços públicos do concelho da Moita. Numa parceria entre a Câmara Municipal da Moita, as Juntas de Freguesia e o Movimento Associativo, o programa inclui artes performativas, cinema, música, teatro e muito mais, proporcionando atividades ao ar livre para todos os públicos, ocupando parques, jardins, praças e ruas em todas as freguesias do Município.

“Cultura em Movimento” cumpre todas as normas da Direção-Geral de Saúde para o setor da cultura, devendo ser respeitadas as regras de funcionamento.

Os interessados em participar no “Cultura em Movimento” podem ligar para o T. 964 750 165, no horário de segunda a sexta-feira, das 9:00h às 12:30h e das 14:00h às 17:30h, e efetuar a marcação, no máximo de cinco reservas por pessoa.

 

Programa

 

8 agosto | domingo | 19:00h

Espetáculo itinerante com início junto ao Fórum Cultural José Manuel Figueiredo | Baixa da Banheira

Multidisciplinar | Amores na Clandestinidade”, pelo Hotel Europa

Público em geral | M/6 anos | ± 1h e 30 min.

dia 8_Amores na Clandestinidade.png

 

Este espetáculo de teatro documental investiga as relações amorosas que nasceram no seio da luta antifascista em Portugal, analisando como é que as relações foram capazes de sobreviver à perseguição do Estado Novo e, ao mesmo tempo, estiveram na base da sustentabilidade dessa mesma luta política. Muitos destes casais conseguiram ter filhos, manter a sua vida familiar enquanto participavam em ações contra o Estado Novo, perseguições da PIDE, eram informadores, entre outros. Paralelamente, investiga as falsas relações amorosas que foram criadas na clandestinidade para manter as aparências de pessoas que secretamente lutavam contra o fascismo em Portugal.

Ficha técnica e artística | Criação: André Amálio e Tereza Havlíčková | Movimento: Tereza Havlíčková | Criação Musical: Pedro Salvador e Joana Guerra | Com: André Amálio, Pedro Salvador, Joana Guerra, Cheila Lima e Tereza Havlíčková | Desenho de Luz e Direção Técnica: Joaquim Madaíl | Produção: Patrícia Cuan Coprodução: EGEAC | Residência de coprodução: O Espaço do Tempo | Apoio à Residência: LARGO Residências Especial agradecimento: AlmaSã, teatromosca teatro e todos os entrevistados e entrevistadas | Créditos: Rita Fevereiro

 

 

14 agosto | sábado | 18:30h

Praia Fluvial do Rosário | Rosário

Música | Juventude à Mostra

Público em geral | M/6 anos | ± 60 min

Dia 14_JUVENTUDEÀMOSTRA_PRIMO.jpg

 

Em mais uma iniciativa inserida no Mural 18, o Município da Moita opta novamente por destacar os artistas do concelho, desta vez na área da música, com os artistas Primo e Mugsy LTMS.

 

21 agosto | sábado | 21:00h

Coreto do Rosário | Rosário

Música | Apresentação da Banda Musical do Rosário

Público em geral | M/6 anos | ± 60 min.

 

Considerada a banda filarmónica do concelho com mais anos de experiência, o Município da Moita desafiou a Banda Musical do Rosário para uma apresentação pública, na qual divulgará este género musical junto da comunidade.

 

22 agosto | domingo | 18:30h

Exterior da Biblioteca Municipal de Alhos Vedros | Alhos Vedros

Literatura | Apresentação do Livro “Pesadelos Despertos”, de Rúben Martins

Público em geral | M/6 anos | ± 60 min.

dia 22_capa Livro.png

 

Cinco histórias que desafiam a razão, o medo, e o receio de ser humano. A curiosidade, o lado negro de cada um, a sensação de isolamento, seres sombrios e mitológicos que se cruzam connosco e nos fazem viver os piores pesadelos. Locais assombrados há muito esquecidos que guardam histórias nunca antes contadas. Conheça os segredos de TwinFalls, uma cidade onde o mal prevalece à espreita em cada esquina. Tranque as portas e janelas de sua casa, sente-se confortável e mergulhe neste mundo onde os pesadelos não são um sonho, mas sim uma realidade.

 

28 agosto | sábado | 18:30h

Parque de Merendas de Sarilhos Pequenos | Sarilhos Pequenos

Música | Juventude à Mostra

Público em geral | M/6 anos | ± 60 min.

Dia 28_JUVENTUDEÀMOSTRA_DUDA.jpg

 

Em mais uma iniciativa inserida no Mural 18, o Município da Moita opta novamente por destacar os artistas do concelho, desta vez na área da música, com os artistas Dudah e Mancallas.

 

29 agosto | domingo | 19:00h

Parque Municipal da Moita (junto ao parque infantil) | Moita

Música | Club Makumba

Público em geral | M/6 anos | ± 65 min.

dia 29_CLUBMAKUMBA.jpg

 

Club Makumba é um dos mais recentes projetos musicais da cena cultural atual. Teve origem na parceria criada entre Tó Trips (Dead Combo, Lulu Blind, entre outros) e João Doce (Wraygunn), a que se juntam agora Gonçalo Prazeres e Gonçalo Leonardo. Club Makumba é um exercício livre, espontâneo, experimental e tribalista. O primeiro disco de Club Makumba abre a janela para uma viagem pelas sonoridades do Mediterrâneo e pela África imaginada, para uma música sem preconceitos e sem fronteiras.

Ficha artística | Tó Trips: Guitarras | João Doce: Bateria | Gonçalo Prazeres: Saxofone Gonçalo Leonardo: Contrabaixo