Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Ciclo de Polinização Musical regressa a Paredes de Coura já esta sexta-feira

CP24_Cartaz_FB_Vertical.png

 

Ciclo de Polinização Musical regressa a Paredes de Coura para a 4ª edição, que decorrerá de 10 a 12 e 17 a 19 de maio. Dois fins de semana com concertos, oficinas e caminhadas - um programa de entrada livre que inclui vários géneros musicais, com destaques como Lula Pena, Daniel Pereira Cristo, a dupla galega Xisco Feijoó e María Vidal, entre outros artistas. 

 

Promovido pelo Município de Paredes de Coura, este ciclo de concertos e atividades culturais, dedicado à música clássica, tradicional e jazz, apresenta uma programação que acolhe projetos nacionais e internacionais que encontram nesses três géneros a sua base, mas que trazem a Paredes de Coura novas abordagens contemporâneas.

 

Além do Centro Cultural de Paredes de Coura, vários outros espaços do concelho vão acolher esta “polinização musical”, como é o caso da Junta de Freguesia de Agualonga, ACRDPC - Associação Paredes de Coura, Capela do Espírito Santo, Associação de Ferreira, Casa Grande de Romarigães, Eira Comunitária de Porreiras, Vascões, e Cossourado. 

 

De 10 a 12 de maio, será possível ver e ouvir Lula Pena, Nuno Campos 4tet, Vítor Joaquim acompanhado por Ulrich Mitzlaff e João Silva, Daniel Pereira Cristo Trio (vencedor do prémio Carlos Paredes 2018), 293 Diagonal, A menina que não cabia numa caixa quadrada (espetáculo para crianças) e Canto Nono (concerto em homenagem a José Mário Branco). Já de 17 a 19 de maio, o programa inclui Phole Trio, Opus Trio, o duo María Vidal e Xisco Feijoó (Cantares no Camiño) e Samurai Magazine. 

 

A programação conta ainda com várias oficinas dinamizadas por alguns dos artistas programados, dedicadas a temas tão variados como Dança e Canto Popular Galego (com María Vidal e Xisco Feijoó), Dança Africana (com Isa Santos) e Ritmos e Instrumentos Tradicionais Portugueses (com Daniel Pereira Cristo). Como já é habitual, o Ciclo de Polinização Musical terá também caminhadas na programação (em parceria com a associação local Ori-Coura Orientação), que convidam o público a desfrutar da riqueza da natureza e da programação artística de Paredes de Coura em simultâneo. 

 

O Ciclo de Polinização Musical é promovido pelo Município de Paredes de Coura, no âmbito da programação do Centro Cultural de Paredes de Coura, contando com o apoio da Rede de Teatros e Cineteatros Portugueses. Conta ainda com parceria de programação da Associação Cultural Rock’n’Cave e da Associação Porta-Jazz. A programação completa pode ser consultada em: http://ciclopolinizacao.paredesdecoura.pt/

 

Paredes de Coura: A Escola do Rock Vira Festival a 23 e 24 de março

A Escola do Rock Vira Fest: Paredes de Coura volta a ser o ponto de encontro para projetos de educação musical 

 

Criado em 2018 para promover o intercâmbio entre alunos, professores, profissionais da música e comunidade geral, o Vira Fest regressa a Paredes de Coura no fim de semana de 23 e 24 de março. Escolas e projetos de educação musical de Portugal e da Galiza juntam-se na 5.ª edição do festival, com um programa que inclui conversas, showcases e concertos.

 

É do conhecimento geral que a vila minhota de Paredes de Coura tem uma relação especial com a música. No entanto, nos últimos anos tem apostado em diversificar a sua oferta cultural, com propostas direcionadas a diferentes públicos. É o caso do Vira Fest, uma iniciativa da Associação Cultural Rock’n’Cave em coprodução com o Município de Paredes de Coura, que pretende ser um espaço de troca de experiências e boas práticas de educação musical, onde também se reflete sobre os diferentes percursos que a música tem para oferecer aos jovens e à comunidade em geral. 

 

A origem do festival está intimamente ligada à Escola de Rock Paredes de Coura, iniciativa promovida por este município desde 2014, que serviu como inspiração para a criação deste festival e assume o papel de escola anfitriã  a Escola do Rock Vira Festival

 

No dia 23 de março (sábado), a manhã e a tarde serão ocupadas com apresentações e showcases de diversos projetos no Centro Cultural de Paredes de Coura, com o objetivo de mostrar a diversidade de metodologias, abordagens e percursos que a música oferece. Haverá oportunidade de conhecer o Serviço Educativo da Casa da Música, programa pioneiro no que diz respeito à capacitação de artistas para trabalho em comunidades e criação coletiva. Em dose dupla (apresentação e showcase), chegarão a Escola Superior de Música e Artes do Espetáculo (ESMAE, Porto), a SonDeSeu - Orquestra Folk de Galicia / ETRAD e a Academia de Artes de Chaves, com o projeto de cruzamento disciplinar Os Caminhos da Cultura. A tarde terminará com um ensaio aberto da Escola do Rock Paredes de Coura. O programa noturno irá invadir o Xapas Lounge, em parceria com a iniciativa local Xapas Sessions, acolhendo concertos de combos provenientes da RockSchool Porto e da Academia Valentim de Carvalho (Porto).

 

Já no dia 24 de março (domingo), a manhã começará no Centro Cultural com outro ensaio aberto da Escola do Rock Paredes de Coura, a que se junta a Academia de Música de Castelo de Paiva. A tarde continuará com concertos no mesmo espaço, com a participação de grupos formados em escolas dedicadas a géneros musicais variados, como A Casa do Rock Santiago de Compostela, o Conservatório de Música Calouste Gulbenkian de Braga e a Escola Estúdio do Pejão. O festival terminará com o concerto de encerramento da Escola do Rock Paredes de Coura em parceria com a Academia de Música de Castelo de Paiva, em formato de big band, às 16h30. 

 

O Vira Fest é um convite aberto a todos os interessados em valorizar o papel da música na educação de jovens, adultos e séniores, contribuindo para promover a coesão territorial e o diálogo transfronteiriço mediado pela música. Trata-se de um fim de semana de convívio, partilha de aprendizagens e troca de ideias, especialmente interessante para a comunidade educativa, artística e cultural, mas também para qualquer pessoa que queira conhecer de perto projetos musicais e educativos únicos.

 

A entrada é livre em todas as atividades, sujeita à lotação dos espaços. Recomenda-se consultar o programa completo e efetuar reserva (individual ou em grupo) através do formulário disponível em https://escoladorock.paredesdecoura.pt/vira-fest-2024-programa.

Zines da Cave: publicações independentes para ver numa exposição inédita em Paredes de Coura

Expo_Cartaz horizontal (c) Laura Palma.jpg

Zines da Cave, exposição de fanzines da Associação Cultural Rock’n’Cave, inaugura já no dia 18 de julho, às 14h, na Elevadora (Paredes de Coura). Será possível visitá-la até dia 31 de agosto, em dias úteis das 9h às 18h. 

 

A exposição Zines da Cave vai estar patente de 18 de julho a 31 de agosto na Elevadora, em Paredes de Coura, com o objetivo de expor edições que fazem parte do acervo da Fanzinoteca Rock’n’Cave. Adicionalmente, vão também ser expostas edições mais atuais, concorrentes ao Concurso de Fanzines que vai atribuir prémios de 250€ a 3 vencedores, que serão anunciados no dia 14 de agosto. Através dos prémios, a Rock’n’Cave pretende apoiar a produção de novas edições independentes. 


A inauguração da exposição será no dia 18 de julho, às 14h, com uma visita aos espaços da exposição na Elevadora. Adicionalmente, vão ser também dinamizados workshops de criação de fanzines para escolas e organizações locais orientados por Laura Palma, ilustradora e uma das curadoras da exposição, e por Hayli Chwang, designer, produtora e fundadora da organização alemã Dodo Laboratory. 


Esta exposição e o concurso de fanzines pretendem divulgar o trabalho de quem continua a fazer este género de edições de autor e, simultaneamente, promover a Fanzinoteca Rock’n’Cave, a primeira fanzinoteca portuguesa e a segunda da Europa, marcando o relançamento deste projeto. A Rock’n’Cave vai incluir todos os trabalhos recebidos no âmbito do concurso na exposição, num espaço aberto para consulta destes e de outros fanzines que fazem parte do acervo. 


A Rock’n’Cave é uma associação cultural sem fins lucrativos, fundada em 1997 e sediada atualmente em Paredes de Coura, que tem por objetivo promover, divulgar e dinamizar a cultura em todas as suas vertentes. Um dos seus projetos mais antigos é a Fanzinoteca Rock’n’Cave, um acervo de fanzines de todo o mundo, com mais de 20 anos e em crescimento. 

Vira Fest regressa a Paredes de Coura a 25 e 26 de Março 🥁

A Escola do Rock Vira Festival em Paredes de Coura nos dias 25 e 26 de março
 
 
 

descarregar (3).jfif

 
 
O Vira Fest regressa a Paredes de Coura no final deste mês para aquela que será a sua 4ª edição. Durante um fim de semana, escolas e projetos de educação musical de Portugal e da Galiza, reúnem-se para uma conferência sobre boas práticas no ensino da música, showcases e concertos, jam sessions e muito mais
O evento decorre desde 2019 num formato itinerante, surgindo como um festival entre escolas e projetos educativos na área da música, onde os alunos são cabeças de cartaz. É organizado pela Associação Cultural Rock’n’Cave, em coprodução com o Município de Paredes de Coura e a Escola do Rock Paredes de Coura, um projeto educativo deste município em funcionamento desde 2014, que foi a principal inspiração para a criação do evento e que assume o papel de escola anfitriã.
 
 
 
O que vai acontecer no Vira Fest?

 

Conferência sobre boas práticas no ensino da música

O evento começa no dia 25 (sábado) com uma conferência que levará ao Centro Cultural de Paredes de Coura um conjunto de oradores provenientes de diversas escolas e projetos de música de Portugal e da Galiza. É num formato de talk que estes convidados subirão ao palco para apresentar os mais variados projetos educativos, partilhando as suas experiências e trazendo uma reflexão acerca do ensino de música no panorama atual.

Entre a lista de convidados estarão nomes como: Rui Júnior - Tocá Rufar (Seixal); Luís Fernandes e Sara Borges - Circuito - Serviço Educativo Braga Media Arts (Braga);  Alejandro Alonso (produtora Arte Calavera) e Alberto Oubinã (Concelleiro da Xuventude no Concello de Pontevedra) - Xeración Sónica / Estudo Bonobo (Pontevedra, Galiza); e ainda o projeto Som Sim Zero - com a exibição do filme que documenta a sua passagem pelo Rock in Rio 2022, seguido por uma breve conversa online com a Ondamarela (Guimarães), responsável pelo projeto que envolve a Associação de Surdos da Ilha de São Miguel e a Escola de Música de Rabo de Peixe. 

Está também incluída no programa a mesa redonda “Percursos na Música”, que vai juntar alunos de diversas escolas e projetos, numa conversa moderada por Tiago Brandão Rodrigues (Deputado e Presidente da Comissão Parlamentar de Ambiente e Energia e Ministro da Educação entre 2015 e 2022) que, sendo natural de Paredes de Coura, acompanha o projeto educativo da Escola do Rock desde o seu início.


O programa do Vira Fest é de entrada livre, sujeita à lotação dos espaços. Para garantir lugar na conferência de dia 25, é possível fazer uma inscrição gratuita aqui.
 

 

 
Concertos e showcases

 

O Vira Fest 2023 conta ainda com uma série de concertos e showcases de combos formados nas escolas e projetos convidados, entre eles Escola Municipal de Música de VigoAcademia Valentim de Carvalho (Porto), Conservatório de Música do PortoRock School PortoTocá Rufar (Seixal) e Estudo Bonobo (Pontevedra, Galiza), e da escola anfitriã - Escola do Rock (em formato de combos e big band), bem como bandas a título individual, como os Pomadinha (Vila Nova de Gaia). Estes concertos não acontecem apenas no Centro Cultural – o programa estende-se a outros espaços de Paredes de Coura, nomeadamente às ruas da vila e ao Xapas Lounge, onde alguns concertos serão apresentados em parceria com o Xapas Sessions (iniciativa local de dinamização de concertos). 
 
 
Programa completo do Vira Fest 2023

 

 
O Vira Fest pretende criar um espaço de partilha de experiências e aprendizagens entre projetos educativos na área da música, oferecendo a alunos, professores/formadores, programadores, artistas e comunidade em geral um fim de semana de convívio e de reflexão sobre a música enquanto bem essencial na vida dos jovens e das populações. 
 

Paredes de Coura acolhe Vira Fest este fim de semana

 

descarregar (1).jfif

 
É já este fim de semana que a Escola do Rock

Vira Festival em Paredes de Coura
 

O Vira Fest regressa a Paredes de Coura já este fim de semana (25 e 26 de março) para aquela que será a sua 4ª edição. Durante 2 dias, escolas e projetos de educação musical, de Portugal e da Galiza, reúnem-se para uma conferência sobre boas práticas no ensino da música, showcases e concertos, jam sessions e muito maisO programa do Vira Fest é aberto ao público em geral e de entrada livre, sujeita à lotação dos espaços.
O evento decorre desde 2019 num formato itinerante, surgindo como um festival entre escolas e projetos educativos na área da música, onde os alunos são cabeças de cartaz. É organizado pela Associação Cultural Rock’n’Cave, em coprodução com o Município de Paredes de Coura e a Escola do Rock Paredes de Coura, um projeto educativo deste município em funcionamento desde 2014, que foi a principal inspiração para a criação do evento e que assume o papel de escola anfitriã.
 

Paredes de Coura organiza Vira Fest para trocar experiências entre projetos educativos “fora da caixa”, de 25 a 27 março

Cartaz_ViraFest22.png

Paredes de Coura organiza Vira Fest - Encontro Internacional de Escolas de Música para trocar experiências entre diferentes projetos educativos “fora da caixa”

 

O Vira Fest irá acontecer em Paredes de Coura de 25 a 27 março, com um programa composto por conferências, partilha de experiências, ensaios e concertos com a participação de diversas escolas de música e projetos de educação musical portugueses e galegos, para refletir sobre o seu papel para a inclusão de diversos setores da população. Todas as atividades são de entrada livre.

 

Partindo da experiência acumulada da Escola do Rock de Paredes de Coura, um projeto educativo promovido pelo Município de Paredes de Coura desde 2014, a proposta deste evento é “virar” esta escola num festival, originando o nome “Vira Fest”, e convidar outras Escolas de Música e projetos educativos a apresentar as suas experiências e metodologias. 

 

O programa é composto por atividades distintas. O Vira Fest terá uma conferência no dia 25 de março (sexta-feira), no Centro Cultural de Paredes de Coura, que irá contar com oradores convidados de escolas e projetos de educação musical reconhecidos, como A Voz do Rock (Viseu), Skoola - Academia de Música Urbana (Lisboa), A Música dá Trabalho, da Omnichord (Leiria), Descúbreas (Pontevedra, Galiza), Música e Inclusão no Alto Minho, Tum Tum Tum (Gondomar, Porto e Matosinhos) e Serviço Educativo das Comédias do Minho (Melgaço, Monção, Paredes de Coura, Valença e Vila Nova de Cerveira). Além desta atividade, cujo principal objetivo é a divulgação dos projetos educativos e a troca de experiências entre os mesmos, a programação também inclui ensaios abertos da Escola do Rock de Paredes de Coura em colaboração com outras escolas e com o coro sénior do projeto Couração CLDS 4G, bem como showcases e concertos no Centro Cultural e na Caixa de Música, onde vão atuar combos da Academia Valentim de Carvalho, Rockschool Porto, Escola Estúdio do Pejão, Estudo Bonobo (Pontevedra, Galiza), Allegro Música (Vigo, Galiza) e da própria Escola do Rock de Paredes de Coura. 

 

O evento destina-se ao público em geral, docentes e alunos de escolas de música e/ou artísticas e a técnicos que trabalham com diversos setores da população. O programa de conferências irá ser transmitido em Live Streaming através do Facebook e YouTube da Escola do Rock de Paredes de Coura, contudo a organização aconselha à participação presencial para uma vivência completa do evento, cujo o programa foi pensado para ser apelativo e inclusivo para diversas faixas etárias. Os interessados podem inscrever-se na conferência através do seguinte formulário: https://bit.ly/ViraFest22_Inscricoes

 

O Vira Fest - Encontro de Escolas de Música é promovido pelo Município de Paredes de Coura no âmbito do Rock com Todos, inserido no projeto Cultura para Todos, financiado pelo Norte 2020 - Programa Operacional Regional do Norte, produzido pela Associação Cultural Rock’n’Cave, e conta com coordenação do Space Ensemble, responsável pela direção de formação e atividade da Escola do Rock de Paredes de Coura. Este evento teve outras edições em anos anteriores, nomeadamente uma edição em 2019 em Vigo (Galiza), na Sala Radar e na Fundação Barrié, em parceria com a Escola Municipal de Vigo e Allegro Música, e outra em 2021 em várias localidades galegas, em colaboração com os municípios, escolas de música e bandas locais de Tomiño, Ponteareas e Nigrán. 

 

 

Programa completo e projetos convidados em: https://escoladorock.paredesdecoura.pt/Vira-Fest 

Escola do Rock Vira Festival de 25 a 27 de março

É já esta semana que Paredes de Coura recebe o Vira Fest - Encontro de Escolas de Música, de sexta a domingo. Convidámos várias Escolas de Música e Projetos de Educação Musical "fora da caixa" a juntar-se a nós neste evento, para talks, ensaios e concertos imperdíveis
 

descarregar.png

Cartaz © Margarida Macedo
 
 
O que vai acontecer no Vira Fest?


Conferência sobre boas práticas no ensino da Música

Na conferência do Vira Fest no Centro Cultural de Paredes de Coura, dia 25 de março (sexta-feira), vamos partilhar experiências e refletir em conjunto sobre o papel de escolas e projetos de educação musical “fora da caixa” na inclusão e empoderamento de vários setores da população.

Convidados: Ana Bento - A Voz do Rock (Viseu), Mariana Duarte Silva - Skoola - Academia de Música Urbana (Lisboa), Hugo Ferreia - A Música dá Trabalho, da Omnichord (Leiria), Vanesa Sánchez - Descúbreas (Pontevedra, Galiza), Sara Costa - Música e Inclusão no Alto Minho, Susana Lage - Tum Tum Tum (Gondomar, Porto e Matosinhos) e Alice Silva - Serviço Educativo das Comédias do Minho (Melgaço, Monção, Paredes de Coura, Valença e Vila Nova de Cerveira). 

 

Paredes de Coura enche-se de Rock entre 18 e 23 de julho

transferir (4).png

 

Além dos concertos e ensaios, haverá também um workshop de rádio, com a radialista Catarina Machado (RUC, Rádio Estação Diária Viseu, entre outros), aberto à comunidade e a alunos da Escola do Rock. Este workshop será dedicado ao tema dos programas de rádio de autor e está dividido em várias sessões entre os dias 19 e 21 de julho, nas quais vão ser abordados temas como a preparação de programas, realização de entrevistas, playlists e outros elementos, noções básicas a nível técnico e gravação ou difusão do trabalho desenvolvido. As pessoas interessadas não precisam de ter conhecimento prévio sobre o tema e devem inscrever-se em apenas uma das sessões.

 

As inscrições já estão abertas em:

https://bit.ly/workshopderadio-escoladorock

 

Vai ser uma semana em grande, com muitas atividades surpresa. Acompanhem a Escola do Rock Paredes de Coura pelas nossas redes sociais!

Fãs LEGO de todo o Mundo em Paredes de Coura

image004.jpg

 

PAREDES DE COURA FAN WEEKEND 2018

Um dos melhores eventos de fãs LEGO do Mundo regressa a Paredes de Coura, com oficinas, palestras, exposição e muitas surpresas.

Fãs LEGO, crianças, adultos, pais e avós estão convidados para ir a Paredes de Coura de 8 a 10 de Junho para assistir e/ou participar no Paredes de Coura Fan Weekend 2018, um evento LEGO como nunca houve em Portugal.

Trazido até Portugal graças a uma parceria entre LEGO, a Câmara Municipal de Paredes de Coura e a Comunidade 0937, o Fan Weekend, que vai na sua 3ª edição, inspira-se no Skaerbaek Fan Weekend, que decorre todos os anos na Dinamarca, desde 2005, sendo o nosso país o segundo no Mundo a ter um evento destes.

Mais do que uma exposição, Paredes de Coura vai receber palestras, oficinas especializadas e outras actividades, que permitirão aos fãs trocar impressões e técnicas de construção. Vários funcionários do grupo LEGO estarão também presentes para partilhar as suas experiências.

O evento, que é considerado um dos melhores do Mundo pelas comunidades de fãs LEGO, conta já com 250 participantes inscritos, de 19 países diferentes, desde a Austrália à Noruega, passando pelo Brasil, Estados Unidos e Canadá.

As palestras, oficinas e outras actividades são só para os inscritos, no entanto, os curiosos estão podem visitar e assistir à exposição, onde a entrada é gratuita e poderão visitar monumentos de todo o Mundo, ver réplicas dos mais icónicos veículos (carros, comboios, motas, etc) ou viajar até aos cenários dos seus filmes e/ou séries de TV favoritos.

 

Horários:
Sexta a Domingo: 8 a 10 de Junho
14:00 às 19:00
Entrada Gratuita