Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Pedro e os Lobos | O regresso aos palcos faz-se já no próximo dia 24 de outubro

fe0c30fe-68b5-42b7-8bcb-635ffd76b1ae.jpeg

 

Em tempos de confinamento, Pedro e os Lobos lançaram o single Dançar ao luar retirado do seu longa duração Depois da tempestade (editado ainda antes do início da pandemia).

Agora, passados os meses de confinamento, já está a ser possível o regresso aos palcos dos artistas. É o que vai acontecer neste próximo dia 24 de outubro pelas 18:00 na Casa da Cultura em Setúbal.

Pedro e os Lobos regressam assim à estrada (outras datas a serem anunciadas brevemente) em promoção a Depois da tempestade mas sem esquecerem todos os registos anteriores.

24 outubro 2020
18.00h
Casa Da Cultura Setúbal
Concerto ao ar livre com entrada livre sujeito a reserva
https://guiaeventos.mun-setubal.pt/pt/agenda/2208/pedro-e-os-lobos.aspx


 

Setúbal Cantofest | Festival de Ópera online de 23 a 27 de agosto

A segunda edição Setúbal Cantofest | Festival de ópera (online), reúne um leque de cantores líricos de vários países, entre eles Portugal, Coreia do Sul, França, Hong Kong, Rússia, Sérvia e Ucrânia e decorre entre 23 e 27 de agosto, através de transmissão online no Facebook e no Youtube do Câmara Municipal, diariamente, às 21h00 e às 21h30.

image003 (6).jpg

O Setúbal CantoFest, nasceu em 2019, pelas mãos de Marcos Santos, Olga Makarina e a Câmara Municipal de Setúbal.

É um festival de ópera que reúne cantores líricos de vários pontos do mundo para trabalhar numa especialização em reportório de ópera italiana, francesa e alemã. Cantores líricos profissionais e semiprofissionais e professores de renome internacional apresentam-se ao público em concertos e formações online.

A segunda edição do Setúbal CantoFest começa no dia 23 de agosto, com a voz de Olivia Hong-Kyung Kim, da Coreia do Sul, e uma atuação da pianista portuguesa Ana Filipa Luz. De seguida, decorre a primeira masterclass de Olga Makarina, soprano de origem russa.

No dia 24, é apresentado um concerto da cantora lírica ucraniana Anna Kosachevich. A seguir, ouve-se a voz de Lora Chow, de Hong Kong.

O concerto com transmissão online do dia 25 é conduzido pela cantora francesa Barbara Kits. Segue-se a segunda masterclass de Olga Makarina.

A 26, há concertos de Ahyoung Jeong, da Coreia do Sul, e da portuguesa Maria Ermida.

A segunda edição do Setúbal CantoFest, evento organizado pela Câmara Municipal em parceria com a GSIArts, termina no dia 27 com apresentações de Stevan Karanac, da Sérvia, e Nazia Amineva, da Rússia.

Festival Internacional de Teatro de Setúbal - XXII Festa de Teatro

transferir (1).jpg

transferir (2).jpg

 

 
Esgotadissímo, está o Fado Bicha, espectáculo de abertura do FITS, dia 21 de Agosto, mas não se preocupem que este dia conta com muitas mais surpresas e ainda há bilhetes... quentinhos á vossa espera!
 
21:30 Instruções para Abolir o Natal - ACTA no Fórum Municipal Luísa Todi
 Bilheteira:
Fórum Municipal Luísa Todi
De terça-feira a domingo
Das 13h00 às 20h00
265 522 127
bilheteira.fmlt@mun-setubal.pt
fmlt@mun-setubal.pt
 
23:00 Et Toi Michel frente á Casa Da Cultura | Setúbal
Bilheteira:
Pátio da Escola Secundária Sebastião da Gama
R. Mariano Carvalho
de 17 a 29 de Agosto
Das 18h00 às 21h00
ou bilheteirafits@gmail.com
 

Como Pré-Abertura do Festival teremos os Al-Trip; esta banda insólita promete muita diversão e vai aquecer a noite de dia 20, mais informações abaixo.

transferir (4).jpg

Al-Trip
Pré-Abertura da XXII Festa do Teatro
20.08.2020 | 22H00
 
 
Pensaram em títulos mais insólitos como Los Xaputas, Banda'Alheira, Banda Gástrica e até Al-Moh-Fodahs, mas optaram por este, atendendo à "trip" quase constante nos ensaios...pois, é isso! Fazem som do Médio Oriente? Gostam de pensar que sim, mas na verdade é uma mixórdia de vários sons "étnicos" que surgem. E urgem.
Valham-lhes os Deuses da Música.
E deixemo-los ser insólitos à vontade.

Carlos Pereira | Percussão
Inês Monteiro Pires | Baixo
Pedro Banza | Viola Campaniça

M/12 | Espectáculo de Contribuição Solidária (a chapéu)
Local: Frente à Casa da Cultura
20.08.2020 | 22H00

//

Todos os espectáculos estão sujeitos a bilhete, mesmo os de entrada livre!
As reservas e compras antecipadas deverão ser preferencialmente realizadas até 24h antes do dia do espectáculo na bilheteira e bilheteirafits@gmail.com

Todos os espaços de apresentação terão uma lotação limitada, de acordo com as regras e as medidas delineadas pela DGS.

Informações:
www.teatroestudiofontenova.com
927 718 386 | 967 330 188
teatroestudiofontenova@gmail.com

Bilheteira:
Pátio da Escola Secundária Sebastião da Gama
R. Mariano Carvalho
de 17 a 29 de Agosto
Das 18h00 às 21h00
 

transferir (5).jpgTodos os espectáculos e performances requerem reserva prévia e só é permitida a entrada com bilhete válido.
All shows and performances require prior reservation and entry is only allowed with a valid ticket.

A reserva e compra antecipada de bilhetes deverá ser preferencialmente realizada até 24h antes do dia da apresentação.
The reservation and advance purchase of tickets should preferably be made up to 24 hours before the day of the presentation.


Pedimos ao público cooperação no cumprimento das orientações da DGS:
- É obrigatório o uso de máscara de protecção.
- É obrigatório a desinfecção das mãos à entrada do espaço.
- Respeitar a distância de pelo menos 1,5 metros entre as pessoas (excepto coabitantes).

We ask the public for cooperation in complying with the General Health Direction guidelines:
- The use of a protective mask is mandatory.
- Disinfection of hands is mandatory when entering the space.
- Respect the distance of at least 1.5 meters between people (except cohabitants).


Reservas / Booking

Pátio/Courtyard of / da Escola Secundária Sebastião da Gama
R. Mariano Carvalho
de 17 a 29 de Agosto
Das 18h00 às 21h00
 

Espectáculos / Shows in Fórum Municipal Luísa Todi
Compra Online
Terça a Sexta-feira / Tuesday to Friday
Das / From 13h30 às / to 19h30*
Encerramento semanal / Closing day
Segunda-feira / Monday
265 522 127
bilheteira.fmlt@mun-setubal.pt



Valor dos bilhetes / Cost of Tickets:
Descontos / Discounts: 6€ - Desempregados / Unemployedmenor de 25 / under 25estudante / studentmaior de 65 / over 65, reformado ou profissional do espectáculo / retired of scenic arts professional
Sem Desconto / Without Discount: 8€

O Pagamento poderá ser feito presencialmente ou por transferência (privilegiamos este último método) / The payment can be made in person or by transfer (we give preference this last method):
IBAN: PT50 0036 0043 9910 0214 9720 3 (necessário comprovativo)
Mbway: 925 436 516.

 
 

Festival Internacional de Teatro de Setúbal - XXII Festa de Teatro

 

transferir (4).jpg

 

 

Festival Internacional de Teatro de Setúbal - XXII Festa de Teatro

 
 
Mais um ano, mais uma volta ao sol, mais uma Festa do Teatro!
 
Para vocês, em todo o seu esplendor, segue agora a nossa programação em vários formatos e feitios!

Ao fim de 22 Edições, o Teatro Estúdio Fontenova e o Festival Internacional de Teatro de Setúbal guardam memórias diversas: peripécias artísticas; constrangimentos económicos; decisões e mudanças políticas. A memória de 2020 manter-se-á e, queremos acreditar, que em parceria com o Município de Setúbal, co-organizador do Festival, a Festa do Teatro se realizará com o mesmo espírito de família na qual crescemos.

O que pode fazer uma companhia de Teatro em Setúbal?

Pode tanto quanto couber no nosso coração.
O Festival Internacional de Teatro de Setúbal é feito também por quem nos tem acompanhado, seja durante a Festa do Teatro ou nas diversas produções do TEF, este ano em particular incluímos na nossa programação e equipa trabalhadores das artes da nossa comunidade para os quais que possamos contribuir um pouco mais na sua sustentabilidade. Comunidade essa para a qual nos viramos, criando este ano 22 vídeos, assinalando as nossas 22 Edições, com comércio local (locais a visita), criando assim uma rota representativa do Festival para o local em que se insere.

Menos é mais. Nem sempre a quantidade é representativa de qualidade. Reunimo-nos este ano à volta de uma Secção Oficial com menos companhias, maioritariamente nacionais e uma Secção Off reduzida. No entanto, nunca tanto como este ano valorizámos o diálogo e a escuta. Procurámos saber como estávamos e do que precisávamos, do que podíamos fazer por quem está mais próximo.
Do norte ao sul do país, várias são as companhias que integrarão o programa, algumas trazendo uma estreia (Hotel Europa), outras marcando presença pela primeira vez no Festival (Teatro do Noroeste, Teatro Extremo e Companhia Mascarenhas-Martins), não contando com os participantes da Secção OFF - Mais Festa.

Contamos este ano com 18 espectáculos de Teatro, entre outros espectáculos de música, projecção de curtas-metragens e conversas de teatro!

Gratas e gratos por nos lerem e estarem presentes.


De 21 a 29 de Agosto a festa faz-se.
 

 

Performance "Cerco" - 22 de Fevereiro, 22h - Casa da Cultura, Setúbal

image001.png

 

O Teatro Estúdio Fontenova vai estrear a 22 de Fevereiro de 2020, às 22h, na Casa da Cultura, "cerco" a sua primeira performance de 2020  
a convite da Casa da Cultura. Esta performance está integrada no ciclo Duplicidades, apresentando-se de seguinda às 23h00, Disruption Ensemble • Portrait Concert

Sinopse:  Ocupámos as terras, delimitámo-las, fechámo-las cada vez mais, até para quem sempre viveu delas. E como reagiu o nosso corpo a estes “cercos”? Foi-se fechando também, nele mesmo, e na sua ligação à terra. Corpo e Terra, dois lugares que habitamos, como não pensar neles de forma intrinsecamente ligada? Olhamos para o Alentejo, para Setúbal, para movimentos indígenas que questionam a violência para com terra e a violência para com o corpo da mulher, questionámos mulheres à volta do mundo na sua ligação corpo-terra, questionámos as nossas próprias ligações, bebemos das investigações académicas de Silvia Federici e do conceito de Marx de “cercamento”. Assim, cercámos corpos, palavras, memórias e movimentos descobrindo que precisamos de os devolver, mais livres e mais abertos.

“Dizemos Mãe Terra… é a nossa mãe, e nós somos os filhos, e tudo entre nós e a terra é o nosso cordão umbilical. Então… se violarmos a terra, violamos estas coisas… envenenamo-nos.” Laura Red Elk (Pueblo Pintado)

Criação e Interpretação: Eduardo Dias e Patrícia Paixão | DesignVídeo e Operação Técnica: Leonardo Silva | Agradecimentos: Amala Oliveira, Anna Luňaková, Bitasta Das, Iliana Martinez, Luis Junqueira, Shahd Wadi, Silvia Floresta, Tatiana Zalla, Tio Rex (Tema "BOM DIA! e Outros Pensamentos") | Produção: Graziela Dias   

Local: Casa da Cultura – Sala José Afonso (1ºpiso)
Reservas: 265 236 168 . casacultura@mun-setubal.pt / lotação muito limitada

Duração aprox: 40 min.
Organização: CMS . TEFN

"Caminhos de Pan" | Casa da Cultura-Setubal

image002 (1).jpg

 

O Teatro Estúdio Fontenova vai estrear no 21 de Dezembro de 2019, às 22h, na Casa da Cultura, "Caminhos de Pan" a sua última performance de 2019  
a convite da Casa da Cultura.

Sinopse:  5 A.C. aprox., uma família da Nazaré com um bebé foge de Belém para o Egipto. 1212 D.C., milhares de crianças cristãs Europeias tentam cruzar a Europa e África para conquistar a Terra Sagrada aos Muçulmanos. 1939 D.C. milhares de crianças, na sua maioria Judias, são transportadas da Alemanha, Áustria, Checoslováquia, Polónia para países como França, Bélgica ou Reino Unido. 2017 D.C. aprox. um milhão de crianças procuram asilo na União Europeia. Fugir, procurar, cruzar, transportar, refugiar em procura de algo melhor, a sua Terra do Nunca. Nesta performance, com o espírito de Yule, ou Natal, bebemos da(s) história(s) de fuga, a partir de “A Cruzada das Crianças”, de Marcel Schwob.   

Ficha Artística e Técnica:
Criação e Interpretação: Eduardo Dias e Patrícia Paixão | Design e Operação Técnica: Leonardo Silva | Produção: Graziela Dias   

 

Local: Casa da Cultura – Sala José Afonso (1ºpiso)
Reservas: 265 236 168 . casacultura@mun-setubal.pt

Duração aprox:40 min.
Organização: CMS . TEFN

Estrutura Financiada por: República Portuguesa - Direção-Geral das Artes e Município de Setúbal

Concurso “Pegada Ecológica” desafia crianças e jovens de Setúbal

 

A competição, promovida pela ESE/IPS, pretende fomentar a literacia ambiental

 

Que impacto tem o nosso estilo de vida – o que comemos, o que vestimos, como nos movemos – no planeta e em que medida podem as nossas ações ecológicas, individuais ou coletivas, restaurar o equilíbrio da Terra? É esta a grande reflexão proposta pelo concurso “Pegada Ecológica”, que acaba de ser lançado pela Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Setúbal (ESE/IPS), dirigindo-se a docentes e alunos do ensino básico do concelho de Setúbal.

 

Com inscrições abertas até ao próximo dia 31 de dezembro, a competição conta com o apoio da Câmara Municipal e da Proteção Civil de Setúbal e assume-se como um instrumento para desenvolver a literacia ambiental junto das crianças e jovens, ao desafiá-los a criar projetos nesta área que traduzam especial empenho e participação ativa face à problemática das alterações climáticas.

 

Tendo como bases orientadoras os conceitos de “ecological footprint” e “ecological handprint”, ou seja, a consciência do impacto negativo da ação do Homem no Ambiente e as respetivas ações positivas que podem ser tomadas para um planeta mais sustentável, os trabalhos participantes devem, por um lado, promover a inovação pedagógica e, por outro, estabelecer objetivos de aprendizagem e conteúdos que se enquadrem no currículo e que possam depois ser partilhados com a respetiva comunidade escolar.

 

Os prémios, entregues em cerimónia a realizar no dia 5 de junho de 2020, por ocasião das comemorações do Dia Mundial do Ambiente, pretendem distinguir o melhor projeto de cada um dos dois escalões considerados, consoante se trate de turmas do 1º ciclo (1º escalão) ou do 2º e 3º ciclos do ensino básico (2º escalão).  

 

Metropolitana e Carlos Fiolhais em concerto/conferência no IPS

Carlos Fiolhais.jpg

 

 

O físico Carlos Fiolhais e o ensemble Percussões da Metropolitana vão estar no Instituto Politécnico de Setúbal (IPS) na próxima segunda-feira, dia 4 de novembro, para um concerto/conferência sobre a chegada do Homem à lua, no ano em que se celebra meio século do voo espacial Apollo 11. 

 

A iniciativa, com entrada livre, decorre pelas 15h00 no Auditório Nobre do IPS (edifício ESCE/ESS), integrando o ciclo “Música e Ciência”, que está a percorrer várias instituições de ensino superior em todo o País, numa organização do Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (MCTES), em parceria com a Orquestra Metropolitana de Lisboa (AMEC – Metropolitana).  

 

Sob direção musical de Marco Fernandes, as Percussões da Metropolitana apresentam no IPS a mais célebre composição do inglês Gustav Holst (1874-1934), a suite em sete andamentos que se dedica a cada um dos planetas do sistema solar conhecidos à época, além da Terra, e que, por isso, recebe o nome de “Os Planetas”. A transcrição para orquestra de percussão é de Scott Weatherson.

 

Antes, o professor universitário e ensaísta Carlos Fiolhais fará uma introdução à obra, que teve a sua primeira execução pública há precisamente um século e que terá ido buscar inspiração, não à astronomia, como seria de prever, mas à astrologia. O conferencista explicará também por que razão “Os Planetas” continuam a inspirar criadores até aos dias de hoje, do universo do rock até à banda sonora do filme de culto “Star Wars”.

 

 

--

Estreia / R.U.R. (Robots Universais Rossum) e Lançamento do livro

image002.jpg

 

O Teatro Estúdio Fontenova vai estrear no 31 de Outubro de 2019, às 21h30 no Fórum Municipal Luísa Todi em Setúbal, "R.U.R. (Robots Universais Rossum)".

R.U.R. (Robots Universais Rossum) é um aviso, uma visão, mas também uma esperança. Com o mundo prestes a entrar na 4ª revolução industrial a uma velocidade exponencial, a substituição do trabalho em larga escala por robots irá trazer novos desafios a toda a humanidade. R.U.R., apesar de ser um dos textos mais importantes na cultura do séc. XX, tem sido injustamente esquecido. O Teatro Estúdio Fontenova trá-lo à cena de forma profissional, pela primeira vez em Portugal, contribuindo desta forma para que encontre o seu lugar devido no plano literário e dramático contemporâneo.

Da mesma forma, o livro será lançado pela primeira vez em Portugal, pela editora não edições. O lançamento ocorrerá dia 1 de novembro, na Casa da Cultura - Sala José Afonso, pelas 17h00
à conversa com um ilustre painel de convidados; Alexandre Bernardino (Professor do Instituto de Sistemas e Robótica - IST), Manuel Araújo (Arquitecto e crítico de arte) e Tiago Lapa (Professor na Escola de Sociologia e Políticas Públicas - ISCTE-IUL) com moderação de João Santos (Doutorando do Instituto de História Contemporânea - NOVA/FCSH).

Informamos que o espectáculo vai estar, ainda, em cena Fórum Municipal Luísa Todi nos seguintes dias:

Dia 1 de Novembro (sexta-feira) às 21h30
Dia 2 de Novembro  (sábado) às 21h30
Dia 3 de Novembro  (domingo) às 17h


Ficha Artística e Técnica:

Autor: Karel Čapek | Encenação: José Maria Dias | Interpretação: André Moniz, Cirila Bossuet, Eduardo Dias, Fábio Nóbrega Vaz, Graziela Dias, Hugo Moreira, João Jacinto, Patrícia Paixão | Composição Musical do Coro: André Mota | Maestrina Coro: Markéta Chumová | Desenho de Luz: José Maria Dias | Cenografia e Imagem: José Manuel Castanheira | Sonosplatia: Emídio Buchinho | Figurinos: Zé Nova | Design de Comunicação, Fotografia, Vídeo e Operação Técnica: Leonardo Silva | Produção e Apoio à Dramaturgia: Patrícia Paixão | Execução de Figurinos: Gertrudes Félix | Coro:  
Ana Correia, Bruna Correia, Carlos Rocha, Cassandra Silva, Constança Ahumada, Daniela Francisco, Daniela Patrocínio, Diana Lopes, Eva Caracol, Filipe Braz, Inês Monteiro Pires, João Peitaço, Kuka Bragança, Lúcia Mosca, Mafalda Santos, Marta Sofia, Nadine Maneta, Paula De Melo Cruz, Pedro Rocha, Raquel Conde, Sofia Silva

Estrutura Financiada por: República Portuguesa - Direção-Geral das Artes e Município de Setúbal

68ª Produção do Teatro Estúdio Fontenova
Duração aprox: 120 min.
Classificação: m/ 12