Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

World Doctors Orchestra realiza concerto beneficente em Portugal a favor da Health4Moz

Dia 20 de setembro na Fundação Calouste Gulbenkian, Lisboa 

Dia 21 de setembro na Casa da Música, Porto

image002.jpg

 

Constituída exclusivamente por médicos-músicos de vários países que dão concertos de beneficência por todo o mundo, a World Doctors Orchestra estará pela primeira vez em Portugal com o seu maestro titular Stefan Willich para dois concertos, na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, e na Casa da Música, no Porto, nos dias 20 e 21 de setembro, pelas 21h00 respetivamente.

 

As receitas desta nobre iniciativa, onde os médicos trocam as suas batas por roupa de gala em prol da música e da beneficência social, irão reverter a favor da organização não-governamental Health4MOZ (Health 4 Mozambican Children and Families), com o objetivo de permitir a reconstrução do Hospital Central da Beira, profundamente devastado pelo ciclone IDAI, bem como a reorganização dos seus serviços e a formação dos seus profissionais.

 

O programa conta com a estreia absoluta de Arsis e Thesis, uma obra para clarinete e orquestra do compositor português Eurico Carrapatoso, assim como a magnífica 4ª Sinfonia de Anton Bruckner.

 

De acordo com Carla Rêgo, presidente da Health4Moz “graças a esforços como estes, os concertos já permitiram angariar mais de 1 milhão de euros a favor de instituições ligadas aos cuidados de saúde de populações mais desfavorecidas, ajudando várias causas locais que se alinhem com os princípios da orquestra. Em 2019, receberemos esta orquestra pela primeira vez em Portugal, na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, e na Casa da Música, no Porto”, refere. “Estes concertos são organizados pelo médico português Bernardo Duque Neves, membro regular desta orquestra desde 2014, e os seus donativos irão reverter a favor da Health4Moz, para a reconstrução do Hospital Central da Beira – Moçambique, destruído pelo ciclone IDAI”, explica.

 

Fundada há mais de 10 anos, a World Doctors Orchestra tem cumprido a sua missão de aliar a música à melhoria da saúde global, realizando anualmente concertos de beneficência nalgumas das melhores salas de concerto do mundo.

 

ENCONTRO SOBRE «O FUTURO DO PLANETA» JUNTA ARTISTAS PORTUGUESES EM CONCERTO ÚNICO

  • Sem Espinhas é o nome da banda constituída especialmente para o Encontro da FFMS por Lúcia Moniz, Xana, Fred Ferreira e Rui Reininho e produzida por Pedro Puppe.

 

A música volta a ocupar um espaço central no próximo Encontro da Fundação Francisco Manuel dos Santos, que junta consagrados nomes da música portuguesa para um concerto único. Sem Espinhas é o projeto musical constituído especialmente para o Encontro da FFMS por Lúcia Moniz, Xana, Fred Ferreira e Rui Reininho e produzido por Pedro Puppe.

 

No próximo dia 14 de Setembro, pelas 22h45, a bandasobe ao palco no Teatro Camões para um concerto de clássicos da canção portuguesa que de alguma forma abordem a temática do planeta e do seu futuro. A Estrela do Mar de Jorge Palma ou o Anzol dos Rádio Macau são alguns dos temas escolhidos para este momento musical irrepetível.

Mansarda mostra como todos vamos ficar com o passar do tempo

Nomes como Patrícia Vasconcelos, Rui Veloso, Noiserv, António Zambujo, Ana Bacalhau e Tiago Bettencourt já aderiram à campanha

 

António Zambujo_FCBLisboa.png

 

“Um dia todos vamos ficar assim”. É este o mote da nova campanha que apoia a Mansarda – uma Instituição Particular de Solidariedade Social (IPSS) sem fins lucrativos para artistas a “quem a vida trocou as voltas” – e que se baseia nas imagens geradas pela FaceApp, aplicação que tem estado em destaque pela introdução de um novo filtro que permite alterar a idade do indíviduo fotografado. O objetivo da ação consiste em chamar a atenção das pessoas para as dificuldades vividas na velhice. Rui Veloso, Miguel Guilherme, Patrícia Vasconcelos, Noiserv, António Zambujo, Ana Bacalhau, Aldina Duarte, Tiago Bettencourt, Frankie Chaves e Tomás Alves foram algumas das figuras públicas que já aderiram à campanha.

 

Apesar dos nomes que já se associaram à ação da Mansarda, foram os colaboradores da FCB Lisboa – agência responsável pela ação –, assim como Edson Athayde, CEO e Diretor Criativo, que começaram por “dar a cara”. “A ideia partiu da FCB e pareceu-nos uma excelente oportunidade para rentabilizar todo o destaque que a aplicação mereceu nos media, de forma solidária. A verdade é que todos vamos acabar por envelhecer e temos o direito a fazê-lo com dignidade”, refere Patrícia Vasconcelos, uma das fundadoras da Mansarda.

 

Mansarda apoia os artistas

A Mansarda é uma IPSS, constituída como Associação de Solidariedade Social com caráter social, cultural e cívico, sem fins lucrativos. O projeto pretende ajudar os profissionais que estão, ou estiveram, durante uma parte significativa da sua vida profissional, ligados de forma principal ao mundo da língua, da arte e da cultura, especialmente às artes performativas. A associação está, atualmente, a dar os primeiros passos para a implementação e materialização do projecto com a construção de uma residência para ajudar os artistas, em Lisboa, num terreno a disponibilizar pela Câmara Municipal de Lisboa.

 

Instituto do Sangue lança apelo a novos dadores entre os mais jovens

image002.jpg

 

Entre os 210 mil dadores em Portugal, apenas 15% são jovens entre os 18 e os 25 anos

Parceria entre MAR Shopping Matosinhos e IPST dura há oito anos, contando com perto de 700 dadores inscritos

No verão, as dádivas de sangue tendem a registar uma quebra. As férias costumam desviar os dadores frequentes dos locais de doação. No entanto, este é um período crítico em termos de necessidades, já que as deslocações implicam, muitas vezes, um aumento do número de acidentes. Não admira, portanto, que os apelos do Instituto Português do Sangue e da Transplantação (IPST) se intensifiquem, ainda mais quando dados recentes revelam que há, em Portugal, cerca de 210 mil dadores, dos quais apenas 14% são jovens entre os 18 e os 25 anos. Em causa está a renovação dos dadores, fator de grande preocupação num país cuja população está cada vez mais envelhecida. Com esperança de contornar, um pouco que seja, este cenário, o IPST marcará presença no dia 1 de agosto, entre as 14h00 e as 19h00, no parque exterior do MAR Shopping Matosinhos, junto à entrada MAR, onde estará a desenvolver mais uma ação de recolha de sangue. Antes, durante ou depois das férias, o que importa é dar sangue para que ele não falte a quem mais necessita. Este é o oitavo ano consecutivo em que o IPST e o MAR Shopping Matosinhos se unem no apelo às dádivas de sangue. Ao longo destes anos, são já perto de 700 os dadores inscritos na sequência desta iniciativa que integra a política de responsabilidade social do centro comercial “AMAR quem mais precisa”. Em média, Portugal precisa de 1000 unidades de sangue diárias para poder tratar dos doentes. “E, como este bem não se produz, só através da generosidade dos dadores se pode manter um banco de sangue autossuficiente. Por outro lado, doar sangue é apenas um gesto que pode alcançar um fim sem preço – salvar uma vida”, recorda Ofélia Alves, responsável de programação e colheitas do Centro de Sangue e Transplantação do Porto. “O sangue humano continua a não ter substituto, pelo que ser dador pode fazer toda a diferença na vida de alguém. E é tão simples. Basta ser uma pessoa saudável, ter mais de 18 anos e pesar mais de 50Kg”, acrescenta.

 

 

 

“Precisamos do seu Tipo” é o mote deste ano que apela à dádiva de todos os tipos de sangue

De 01 a 12 de julho arranca a 18ª edição da Campanha de recolha de sangue Mundicenter

 

image002.jpg

 

  • O Braga Parque é um dos seis centros comerciais unidos nesta campanha;
  • Recolha de sangue e de medula óssea visa colmatar as necessidades dos hospitais no verão;
  • Iniciativa conta com a participação dos elementos da banda portuguesa HMB para apelo à dádiva

 

Arranca hoje a 18ª edição da campanha de recolha de sangue e de medula óssea, que se prolonga até dia 12 de julho e que terá lugar nos centros comerciais do grupo Mundicenter: Braga Parque, Oeiras Parque, Amoreiras, Strada Outlet, Spacio Shopping e Arena Shopping.

 

Para ajudar a sensibilizar esta iniciativa, os 5 elementos da banda portuguesa de soul e funk - HMB - uniram-se a esta causa, apelando a todos à dádiva de sangue e medula óssea: “Precisamos do seu Tipo”, é o mote deste ano, onde a mensagem reforça a importância da dádiva de todos os tipos de sangue, incluindo o seu!

 

Héber Marques, Fred Martinho, Daniel Lima, Joel Silva e Joel Xavier, juntam o seu sangue a esta contribuição, divulgando a uma só voz, uma preocupação que deve ser de todos e que visa colmatar as reservas de sangue e medula óssea que, normalmente, atingem valores críticos nos meses de verão, esperando que com a sua mensagem e contributo possam ajudar a estabilizar os níveis de stock e salvar vidas todos os dias. “Para nós ter a oportunidade de mobilizar as pessoas a darem vida umas às outras é um privilégio. É uma ocasião perfeita para demonstrarmos como sociedade que conseguimos amar através de um gesto simples, mas poderoso. Já estamos muito gratos por podermos estar envolvidos nesta causa.”

 

No Braga Parque, Oeiras Parque, Amoreiras, Strada Outlet, Spacio Shopping e no Arena Shopping, serão instalados stands com todas as condições para a dádiva, geridas pelas equipas do Instituto Português do Sangue e da Transplantação (IPST), entre os dias 01 e 12 de julho, das 14h às 20h. Braga Parque das 13h30 às 19h30.

 

Sob o mote “Precisamos do seu Tipo”, o grupo Mundicenter e o Instituto Português do Sangue e da Transplantação (IPST) unem forças novamente nesta ação solidária que, por ter lugar em diversos centros comerciais, “permite captar novos dadores de sangue que, pela facilidade e oportunidade, têm a sua primeira experiência nesta campanha, mantendo-se depois como dadores”, como refere o IPST.

 

Esta campanha tem um papel fundamental na sensibilização da população para a importância de dádiva de sangue e dá resposta às necessidades de componentes sanguíneos dos hospitais de norte a sul do país. A recolha de reservas procura colmatar as necessidades dos hospitais numa época crítica, como é o verão, estabilizando os níveis de stock do IPST e permitindo salvar vidas todos os dias.

 

Na Campanha de 2018, participaram 2.706 dadores, tendo sido recolhidos 927 litros de sangue.

Ao longo das 17 edições já realizadas, a recolha anual registou mais de 35.206 dadores, reunindo cerca de 24.660 unidades de sangue cruciais para o tratamento de cerca de 74 mil pessoas.

 

As pessoas com idades compreendidas entre os 18 e 65 anos e com mais de 50 Kg, estão convidadas a participar na recolha de sangue, juntando-se a esta causa, que ocorre entre os dias 01 e 12 de julho, no horário das 14h às 20h, nos diversos centros comerciais do grupo Mundicenter.

 

A colheita dura aproximadamente 10 minutos, sendo que todo o processo demora cerca de 25 minutos e que inclui a inscrição e tiragem clínica, sendo que a dádiva de cada um pode impactar até 3 pessoas, uma vez que o sangue é separado em três componentes com diferentes funções terapêuticas, utilizadas no tratamento de uma grande diversidade de patologias.

Mansarda dá o mote ao primeiro ensaio solidário de sempre do TNDMII

Cartaz A Matança Ritual de Gorge Mastromas TNDMII

 

Espetáculo: A matança ritual de Gorge Mastromas

Local: Teatro Nacional D. Maria II

Data: Hoje, 24 de Maio

Preço: 12 euros

Horário: 21h00

 

Pela primeira vez, o Teatro Nacional D. Maria II (TNDMII), em Lisboa, promove um Ensaio Geral Solidário. Hoje, às 21h00, o público pode assistir a um momento exclusivo da peça A matança ritual de Gorge Mastromas, cujas receitas revertem na sua totalidade a favor da Mansarda – uma Instituição Particular de Solidariedade Social (IPSS) sem fins lucrativos para artistas a “quem a vida trocou as voltas”. O preço dos bilhetes é de 12 euros e estão disponíveis on-line ou na bilheteira do TNDMII.

 

A Mansarda quer apoiar – através de acolhimento numa residência ou de projectos que envolvam várias gerações – profissionais que estão ou estiveram, durante uma parte significativa da sua vida profissional, ligados ao mundo das artes, maioritariamente performativas. O espectáculo é uma encenação de Tiago Guedes, a partir de uma peça do dramaturgo britânico Dennis Kelly e conta com as interpretações de Bruno Nogueira, António Fonseca, Beatriz Maia, Inês Rosado, José Neves, Luís Araújo e Rita Cabaço.

 

TDMII promove Ensaio Solidário a favor da Mansarda

Cartaz A Matança Ritual de Gorge Mastromas TNDMII

No dia 24 de Maio, às 21h00, em Lisboa

TNDMII promove Ensaio Solidário

a favor da Mansarda

 

Receitas do ensaio geral de A matança ritual de George Mastromas serão entregues, na totalidade, à Associação

 

No dia 24 de Maio, às 21h00, o Teatro Nacional D. Maria II é palco de uma acção solidária. O Ensaio Geral de A Matança Ritual de George Mastromas estará aberto ao público, sendo que as receitas vão reverter na sua totalidade para a Mansarda. Esta Instituição Particular de Solidariedade Social (IPSS) sem fins lucrativos foi idealizada para “quando a vida nos troca as voltas” e apoia o acolhimento de profissionais que estão ou estiveram, durante uma parte significativa da sua vida profissional, ligados ao mundo das artes, maioritariamente performativas.

 

A Mansarda vai apostar na implementação e materialização do projecto com a construção de uma residência para artistas, em Lisboa, num terreno a disponibilizar pela Câmara Municipal de Lisboa. Mas o apoio à comunidade artística vai muito além do acolhimento: pretende ser um projecto activo, capaz de mobilizar diferentes expressões artísticas, potenciando o encontro e a interacção entre gerações. Os bilhetes para o Ensaio Geral Solidário têm o preço único de 12 euros e estão disponíveis on-line ou na bilheteira do TNDMII.

 

Bruno Nogueira regressa ao palco do Teatro Nacional D. Maria II

Esta não é a primeira vez que Tiago Guedes encena uma peça do dramaturgo britânico Dennis Kelly. Após Órfãos, o realizador e encenador apresenta A Matança Ritual de George Mastromas, um texto sobre a banalidade do mal na pessoa do homem. Através do escrutínio à personagem de Bruno Nogueira, figuras interpretadas por António Fonseca, Beatriz Maia, Inês Rosado, José Neves, Luís Araújo e Rita Cabaço discorrem sobre a existência e a cegueira em que o resto da população vive. Afinal, o que é a existência? É a pergunta à qual o texto de Dennis Kelly pretende responder. O espetáculo pode ser visto entre 25 de Maio e 28 de Junho, quartas-feiras e sábados às 19h00; quintas e sextas-feiras, às 21h00; e domingos, às 16h00.

 

BILHETES JÁ À VENDA PARA CONCERTO SOLIDÁRIO DE TATANKA EM BRAGA

TC_Tatanka.jpg

 

Espetáculoa decorrer a 4 de junho é promovido pela Vida Norte no ano em que a IPSS completa 20 anos de existência

 

No ano em que a Vida Norte celebra 20 anos, Tatanka junta-se à IPSS promovendo o primeiro concerto solidário da associação em Braga. O espetáculo está agendado para 4 de junho, às 21h30, no Theatro Circo e os bilhetes já se encontram à venda no Theatro Circo, na BOL e em outros locais habituais.

 

Atualmente a Vida Norte atua nos concelhos do Porto e de Braga, apoiando uma média de 100 grávidas e famílias por mês. Este apoio inicia-se habitualmente desde da gravidez até ao bebé completar 18 meses de vida, e baseia-se num acompanhamento de proximidade através de visitas domiciliárias, encontros presenciais e sessões de capacitação, procurando garantir que as famílias terão as condições necessárias para dar seguimento a um projeto de vida estruturado e feliz.

 

A todos os que queiram ajudar a associação a dar continuidade a esta missão poderão fazê-lo adquirindo entradas para o concerto que variam entre os 9,60€ e os 12€ e que revertem a favor da Vida Norte. Se por um lado estarão a apoiar grávidas, famílias e bebés em situação de vulnerabilidade, por outro, terão a garantia de desfrutar de uma noite de descontração e muito boa música.

 

Tatanka tornou-se conhecido como o vocalista de uma das mais bem-sucedidas bandas portuguesas da atualidade, os The Black Mamba. Dono de um carisma e de uma voz inconfundíveis, Tatanka iniciou em 2016 a carreira a solo, num registo mais pessoal e de regresso às suas raízes, contando histórias e apresentando temas originais em português. Em dezembro de 2017, estreou-se a solo na Casa da Música (Sala 2), com casa esgotada, num concerto em que contou com vários convidados, tendo regressado em 2018, desta vez na Sala Suggia. Tatanka encontra-se agora a finalizar o seu álbum de estreia, a editar ainda este ano.

 

A primeira parte deste concerto será assegurada por VIA. Natural do Porto, VIA encontra-se agora a trabalhar no seu álbum de estreia. O single de avanço, Não Te Mereço, foi lançado em dezembro de 2017, e o segundo single Feita de Ferro, no início de 2018. No início de 2019 apresentou Já Não Sei Quem Sou, em dueto com Miguel Araújo.

 

Mais informações sobre o evento podem ser acompanhadas AQUI.

 

 

ASSOCIAÇÃO VIDA NORTE | A Vida Norte é uma IPSS com 20 anos que atua nos concelhos do Porto e Braga. Tem como principal missão apoiar grávidas e bebés em situação de vulnerabilidade, através de um acompanhamento de proximidade.

Atualmente a instituição acompanha uma média de 100 grávidas e famílias por mês, desde a gravidez até ao bebé completar 18 meses de vida, trabalhando ao nível da Capacitação para que findo este período a Mãe possa, de forma autónoma, dar seguimento a um projeto familiar estruturado e feliz.

A Vida Norte trabalha diariamente para que todos os bebés tenham oportunidade de nascer e crescer num ambiente protegido, com afeto e dignidade.

 

http://vidanorte.org/

Programa Mais Saber da Católica apresenta espetáculo solidário

Agendado para os dias 17 e 26 de maio

 

As récitas dão destaque às obras Poesia é Namoro de Alma, Rosa do Alho e Lobo e Cordeiro da autoria de Carlos Pereira do Valle

 

Gente Animosa_26 de maio.jpg

 

Tendo começado no ano letivo de 2010/2011, enquanto um projeto formativo novo em Portugal, o Programa Universitário (50+) Mais Saber da Universidade Católica, no Porto, tem vindo a proporcionar uma formação contínua e diversificada onde se cruzam a aprendizagem, a reflexão e o fortalecimento das relações interpessoais. Um dos resultados das atividades desenvolvidas pelos participantes do programa é o grupo de teatro Gente Animosa que, no mês de maio, apresenta duas récitas: as peças Poesia é Namoro de Alma, Rosa do Alho e Lobo e Cordeiro, da autoria de Carlos Pereira do Valle, sobem ao palco no dia 17, no Auditório de Gulpilhares, e no dia 26, no Conservatório de Música do Porto.

 

Com encenação e direção de Henrique Manuel Pereira, docente da Escola das Artes e do Programa Mais Saber da Universidade Católica, no Porto, o trabalho que vai ser apresentado assume-se como um diálogo de várias linguagens artísticas – entre as quais o teatro, poesia, música e dança – com relevo para as peças escolhidas. O espetáculo de 17 de maio, que terá início às 21h30, conta com a presença especial do grupo Lioness Burlesque. Já no dia 26, o espetáculo irá integrar a participação do Estúdio de Dança Margarida Valle e o apoio do Conservatório de Música do Porto. O preço dos bilhetes é de cinco euros, cujo valor reverte a favor do Orfeão de Valadares e do Lar das Irmãzinhas dos Pobres.

 

Coordenado por Helena Gil da Costa, o Programa Universitário (50+) Mais Saber dirige-se a pessoas de idade superior a 50 anos com motivação e curiosidade intelectual e proporciona uma formação contínua e diversificada onde se cruzam a aprendizagem, a reflexão e o fortalecimento das relações interpessoais. Mais informações em: http://www.porto.ucp.pt/pt/ProgramaUniversitarioMaisSaber?msite=40

“Maravilhoso Coração”: êxito de Marco Paulo dá nome a concerto solidário

Marco Paulo é a cara do Concerto Solidário da Associação Novo Futuro na edição de 2019

 

15 de Maio _Maravilhoso Coracao.png

 

O concerto solidário da Associação Novo Futuro volta à Altice Arena, no dia 15 de maio, com o espetáculo “Maravilhoso Coração”, inspirado num dos grandes êxitos do cantor português Marco Paulo.

 

Com participação especial dos convidados Marco Rodrigues, Raquel Tavares e o Grupo Coral Infantil de Alcáçovas, o Concerto por um Novo Futuro vai ser a conjugação perfeita de grandes hinos da música portuguesa, que marcaram várias gerações ao longo do tempo.

 

Marco Paulo é uma figura incontornável do meio artístico português, com uma personalidade carismática e lutadora que, ao fim de mais de 50 anos de carreira, continua a apaixonar o público de uma forma única. Cara desta iniciativa, o cantor vai apresentar-se num concerto sempre único e especial, para proporcionar uma noite de muita música e boa disposição e contribuir para a causa de ajudar crianças e jovens em risco social.