Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Teatro a Oriente | Visita performativa à exposição "A Ópera Chinesa" e oficina de teatro

Ópera Chinesa.jpg

 

 

Explorar os interstícios do teatro chinês, com especial enfoque na Ópera de Pequim, é o objetivo de “Teatro a Oriente”, uma visita performativa à exposição “A Ópera Chinesa” seguida de oficina de teatro, organizada pelo Museu do Oriente e o Teatro da Garagem, que se realiza no dia 28 de Setembro, às 11.30. A participação é gratuita, mediante inscrição.

 

Todos os elementos da Ópera de Pequim, desde os figurinos, à maquilhagem, à cenografia, ao trabalho de actor, estão codificados numa linguagem própria e manifestam-se através de uma simbologia vasta e profícua, inerente a esta prática tão antiga. Para que as pessoas possam aprofundar a sua relação com a obra e compreendê-la no seu todo, é necessário descodificá-la e traduzi-la.

 

A viagem começa com a visita performativa à exposição “A Ópera Chinesa”, no Museu de Oriente, orientada por Magda Moreira. Da parte da tarde, a partir das 15.00, ruma-se ao Teatro Taborda, onde decorrerá uma oficina de teatro dirigida pela atriz chinesa, Ma Xinyun.

 

A actividade é indicada para estudantes de Teatro e Artes Performativas, com idades entre os 15 e os 25 anos.

 

Magda Moreira é licenciada em Estudos Artísticos, pela Universidade Aberta. Inicia o seu percurso profissional em teatro de marionetas, obtendo formação com Neville Tranter, Stephen Mottram, Arne Hogsander, Gaspare Nasutto, María Parrato, entre outros. Participa em vários espetáculos de teatro de marionetas e, recentemente, colabora na ópera "A Flauta Mágica" de Mozart com a direção do maestro Máximo Spadano, onde assume as funções de atriz-marionetista. Exerce a atividade de formadora em expressão dramática e corporal na Escola Profissional Gustave Eiffel; Casa Pia de Lisboa e Agrupamento de escolas Gomes Freire de Andrade em Oeiras. Colabora com a Fundação Oriente – Museu, onde exerce a atividade de guia e monitora de Serviço Educativo e é responsável pela criação da atividade para bebés “Primeiros Passos”.

 

Ma Xinyun é uma atriz chinesa, formada pela Shanghai Theatre Academy, com o Mestrado em Arte Contemporânea e Licenciatura em Teatro e Educação. Frequentou a Universidade de Høgskolen i Bergen, na Noruega, onde realizou um intercâmbio académico, com especialização em Teatro Aplicado. Recentemente tem participado em diversos projectos nas áreas de interpretação, encenação, comunicação intercultural e teatro comunitário. Já representou no Teatro Nacional da China, no Grande Teatro de Xangai, e no Teatro Nacional São João Porto, com o Teatro da Garagem. Em 2016, foi assistente do Teatro da Garagem no 9th Shanghai International Experimental Theatre Festival.  Desde então, o Teatro da Garagem convidou Ma Xinyun para participar no projeto internacional de investigação prática, “Daylight Project” (em 2017), e em “Display” (em 2017 e 2018). 

 

“Teatro a Oriente”

28 de Setembro, sábado

Gratuito, mediante inscrição

Público-alvo: Estudantes de Teatro e Artes Performativas (com idades entre os 15 e os 25 anos)
Participantes: Mín.10; Máx. 25

 

Visita Performativa

No Museu do Oriente com Magda Moreira

11h30-12h30

 

Oficina de Teatro

No Teatro da Garagem com Ma Xinyun

15h00-17h00

 

 

www.museudooriente.pt