Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

The Electric Howl - Novo EP, Jungle Pop

imagem.png

 

Escreveu, um dia, Charles Bukowski: “É preciso morrer algumas vezes antes de realmente viver”. É isto que os The Electric Howl pretendem transmitir com cada música que escrevem. Serve de catarse, individual e colectiva, simultaneamente. Não há nada planeado, mas existem sempre interstícios para preencher. Sim, é rock, mas num sentido muito lato, uma espécie de bar onde se serve punk, psicadélico, indie, alternativo, pop, blues ou folk.

 

O 1º EP dos The Electric Howl, Jungle Pop, já saiu do casulo, no dia 2 de Novembro, estando disponível para audição através do Bandcamp.
Gravado e misturado por Mário Ventura, com produção, também, de Mário Ventura e The Electric Howl, teve masterização nos Black Sheep Studios.

 

O concerto de apresentação de Jungle Pop aconteceu dia 10 de Novembro no Banco, em Lisboa, e contou com o apadrinhamento dos Igwana, que fizeram a 1ª parte. O evento serviu também para assinalar o lançamento da edição física do EP.