Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

TRAVELER GUIDES RECOMENDA VISITA AO AQUEDUTO DAS ÁGUAS LIVRES

 

 

Na lista das 50 sugestões para visitar em Lisboa, o Museu da Água da EPAL destaca-se na posição de primeiro museu de Lisboa recomendado.

 

aqueduto_2.JPG

 

A visita ao Aqueduto das Águas Livres é uma das principais sugestões do famoso blog de viagens TravelerGuide.net. O Monumento Nacional surge em 2º lugar na lista das 50 atividades obrigatórias para fazer em Lisboa.

 

Construído entre 1731 e 1799, o Aqueduto das Águas Livres constituiu um vasto sistema de captação e transporte de água, por via gravítica, num total de 58 Km de canalizações localizadas entre as nascentes, na serra de Sintra, e os chafarizes de Lisboa.

No seu trajeto destaca-se a travessia do vale de Alcântara, ao longo de 941m, com arcadas que atingem a altura máxima de 65m. O percurso, visitável de terça-feira a sábado, faz-se entre Campolide e o Parque Florestal de Monsanto.

 

O Museu da Água dinamiza o Aqueduto das Águas Livres e o reservatório da Mãe d’Água das Amoreiras, ambos monumentos nacionais, o reservatório da Patriarcal, as galerias subterrâneas do Aqueduto das Águas Livres e a Estação Elevatória a Vapor dos Barbadinhos. O conjunto de monumentos e edifícios, construídos entre os séculos XVIII e XIX, representam um importante capítulo da história do abastecimento de água à cidade de Lisboa e integram o roteiro histórico, patrimonial, tecnológico e científico da Água.”

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.