Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Uma Exposição Insólita: “Art Dunk” chega ao Metro de Lisboa

De 25 a 31 de maio, vai ser possível conhecer as obras que artistas como Fiumani e Kruella D’Enfer criaram para o projeto da Liga Betclic com curadoria da Underdogs.

image (1).png

O projeto Art Dunk, que desafiou doze artistas a criar peças de arte a partir de 24 bolas de basquetebol usadas, chega agora ao metro do Cais do Sodré, em Lisboa, para uma exposição gratuita e aberta ao público. De 25 a 31 de maio vai ser possível conhecer o talento e a criatividade de nomes como Fiumani, Kruella D’Enfer, Arashida ou Tamara Alves nesta iniciativa que tem assinatura Betclic Collective - a incubadora de projetos de economia circular que procura causar impacto social positivo através do desporto – e que conta com a curadoria Underdogs.

 

Entre as obras, há bolas que foram transformadas em raposa, ténis desportivos, complexas instalações multimédia com vídeos integrados e outras que viraram tabelas coloridas. As inspirações variadas reforçam a relação da arte urbana com o basquetebol e simbolizam, neste projeto, o desejo da Betclic em democratizar o acesso ao desporto e à cultura.

 

“Acreditamos que criar impacto positivo através do desporto é muito importante – e fazê-lo através de projetos de economia circular que ligam a cultura e o desporto é o que cada vez mais faz sentido e é por isso que a Betclic Collective existe”, comenta Pureza Sousa, Country Manager da Betclic em Portugal. “Com o Art Dunk, apostamos num projeto que tem em conta a sustentabilidade ambiental, a recuperação de um espaço público e o apoio à criação artística  Queremos aproximar as pessoas do basquetebol através da arte e também oferecer condições para a prática da modalidade a novos talentos. O basquetebol começa nas ruas, entre amigos, assim como a arte urbana e este é um projeto que incentiva o acesso gratuito e inclusivo das duas coisas”, conclui. 

 

A exposição terá lugar entre os dias 25 e 31 de maio, sempre das 09h às 19h30, no saguão principal da estação de metro e comboio do Cais do Sodré, em Lisboa. Todas as peças expostas estão à venda online em www.artdunk.pt, têm valor único e as receitas geradas com a venda de cada peça reverterá - na totalidade - para a requalificação de um campo público de basquetebol.

 

Artistas envolvidos:

Arashida, Confeere, Fiumani, Hélio Bray, João Varela, Kruella D'Enfer, Maria Imaginário, Mariana A Miserável, Ruído, Tamara Alves, Tiago Evangelista e Vai Dar Pitanga.