Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cultura de Borla

A Cultura que não tem preço.

Visita Especial Rotas Urbanas Interculturais > A Mulher no Bairro da Mouraria > 7 Março | 15h

servlet.jpg

 

Gratuita 

Já na sua segunda edição de formação de novos guias locais que ocorreu durante o mês de Fevereiro, o projecto da Migrantour, de rede internacional, permite a cidadãos oriundos de países terceiros e da europa não comunitária mostrarem o bairro onde escolheram viver, através da sua visão e experiência de vida.

O projecto da Migrantour nasceu em Turim, em 2010, pelas mãos do operador de turismo sustentável italiano Viaggi Solidali. É agora alargado, a partir da parceria deste operador com a fundação de empreendedorismo social ACRA e a Oxfam Itália, filial da rede anti-pobreza Oxfam, a nove cidades europeias, através de parceiros locais em Nápoles, Roma, Milão, Florença, Génova, Paris, Marselha, Valência e Lisboa. Esta nova fase é co-financiada pela União Europeia e tem como grandes objetivos formar 20 novos guias locais em cada uma destas cidades, criar pelo menos 2 percursos em cada uma delas, sendo que serão também criados percursos e módulos específicos para o público escolar em torno de questões da educação para o desenvolvimento. O projecto pretende ainda criar um website como suporte da rede internacional de guias locais e uma publicação específica para cada uma das cidades envolvidas.

No próximo 7 de Março, véspera do dia Internacional da Mulher, os visitantes irão ser guiados por guias migrantes, mulheres, que irão dar uma perspetiva no feminino. Mostrar a Mouraria através do seu olhar, fazer chai (chá indiano), colocar uma capulana ou aprender pintura com henna são algumas das propostas deste passeio dedicado às mulheres de todo o mundo. Esta iniciativa não só decorrerá em Lisboa como também nas várias cidades que estão envolvidas no projeto, como as cidades italianas de Florença, Roma, Turim e Nápoles.   

Ponto de Encontro – Igreja da Nossa Senhora da Saúde

Horário:  15h

Gratuita